Sobre a cessão de ingressos

Flusocio_Nota_Oficial

A essa altura, todos os torcedores do Fluminense já têm conhecimento da operação policial – muito bem-vinda, por sinal – desencadeada ontem para punir o câmbio negro de ingressos no futebol. Nessa operação, vários dirigentes de clubes foram chamados a depor, inclusive nosso presidente, Pedro Abad.

Foi aí que veio à tona o fato de haver uma ação excepcional e por tempo determinado, de cessão de ingressos e caravanas para algumas torcidas organizadas. Quem nos acompanha sabe que a Flusócio abomina e sempre lutou contra essa prática e com toda a certeza se posicionaria contra, se consultada, mas é preciso colocar as coisas em perspectiva e tentar entender.

Abad tem feito um esforço muito correto de recuperação das finanças do clube. Um trabalho impopular, que desagrada o torcedor e que não rende frutos de curto prazo, mas que é absolutamente fundamental e dará frutos em um futuro próximo. Os resultados de campo , porém, estavam ruins demais e o clube estava ameaçado pelo descenso, o que poderia comprometer tudo. O presidente, utilizando-se das prerrogativas de seu cargo, tomou sozinho a decisão de ceder ingressos, como parte do esforço de unir a arquibancada e ajudar o time na reta final do campeonato.

Erros acontecem e são cometidos até pelas pessoas mais bem-intencionadas. Foi o caso. Mas não impede que reconheçamos o trabalho incansável do presidente, e que reiteremos nossa confiança e nosso apoio irrestrito a ele.

  • Flavio Chammas

    SENHORES

    REPITO QUE SOU CONTRA QUALQUER AJUDA A QUALQUER ORGANIZADA

    PERGUNTA ENTÃO QUE NÃO QUER CALAR:

    MESMO CEDENDO INGRESSOS, O ABAD TEVE APOIO DAS ORGANIZADAS?

    É OBVIO QUE NÃO, ENTÃO SE FICA NA EXPLICAÇÃO OFERECIDA POR ELE:

    PENSOU NO CLUBE E NO MOMENTO DIFÍCIL , ASSIM ACHOU QUE SE PRECISAVA DE APOIO E FEZ O QUE ENTENDEU MELHOR PARA O CLUB, E ASSUMIU SOZINHO A RESPONSABILIDADE.

    AGORA, BEIRA AO RIDÍCULO O MONTE DE “NOTAS OFICIAIS DE TORCIDAS ORGANIZADA” QUE SEQUER APARECIAM ATÉ TER OS SEUS MINUTOS DE FAMA.

    ME PERMITO PERGUNTAR:

    DESTES DIRIGENTES DE ORGANIZADAS E SEUS FILIADOS QUANTOS SÃO SÓCIOS E PAGAM MENSALIDADE?

    O ANO NÃO ACABA, TÁ DIFÍCIL PRA C@&@l#o.

    A BENÇÃO JOÃO DE DEUS

    • Danilo Jeolas

      Você realmente acredita no que escreve?

    • Fernando Bastos

      Se fosse o Presidente faria o mesmo que o Abad fez. Lugares que iriam ficar vazios. Pelo menos teve mais gente pra gritar. O resto é politicagem. Entretanto, quero um Fluminense forte. Sou sócio proprietário e não votei no Abad, porém torço por ele . Fluminense acima de tudo. ST

    • Jefferson Alvares

      Prezado Flavio,

      Parabéns pela lucidez!

      ST

  • Davi Carvalho

    Sobre a tal desassociação que estão falando, creio que não seja verdade.
    Ontem tínhamos 37090 sócios, hoje temos 37095, só tem aumentado.

  • José Alberto Bernardes

    Apesar de todas as evidências tentarem dizer que não,digo SIM ao Abad!Me incluo entre os que acreditam que o trabalho duro de hoje será fundamental para um amanhã Grande!Não tenho vínculos com grupo nenhum,moro em Brasília,não sou fake!Falo como tricolor apaixonado…Já critiquei?Já!E muito!Qualquer dúvida,pode me ligar!61 999222680!

  • luiz

    Perfeito

  • Marcelo Teixeira

    Também critiquei no outro post. Fiquei P da vida mesmo. Mas não me parece nada de desonestidade como estão tentando fazer parecer. Aliás…perceberam que Celso Barros e Mario Bittencourt que sempre aparecem e tiram uma casquinha em situações díficeis como esta e criticam, nessa ficaram calados? Pq será? Como é a relação deles com as organizadas? Enfim…só pensar um pouco, pois é dificil pra todos essa relação. Mario e Celso que sao tricolores pra Caralh tb…sabem disso pô.

    De toda forma, não achei só um erro. Achei um erro grave, pois vai de encontro em duas premissas que a flusocio sempre bateu forte e também o proprio Abad: dar ingressos pra organizadas e centralização do poder. Peter foi criticado por centralizar. Na primeira oportunidade , Abad fez o mesmo. Foi contra os seus princípios de gestão e contra o que a Flusocio prega.

    E a terceira e mais grave foi ter feito isso apos ter assinado um TAC e ter se exposto de forma bizarra depois de tanto brigar pela tradição de duas torcidas. Encheu o juiz de razão.

    E reafirmo que não acredito em desonestidade ou envolvimento com cambismo por parte do Abad. Parece um cara pai de família e muito íntegro.

    Agora..por favor Abad…sofreu ameaças? Denuncia na hora. Vai na policia. Vai na tv.
    Onde for. Se tiver credibilidade, a mídia e a torcida compram a briga.

    Mas ficar fazendo as coisas de forma obscura, já sendo sucessor e apoiado por uma gestão que mostrou que foi zero transparência, traz cada vez mais desconfiança. O Abad já traz todo ranso das cagadas do Peter. Inevitável.

    E só pra fechar, o Flu precisa de união! Precisa de Todos!

    Que tal aproveitar esse momento e convidar Mario, Pedro Antonio, Cacá que ja faz parte da gestao e tentar trazer todos pra remar juntos no que for possivel? Sei que existem as ambiçoes politicas, mas e possivel sim separar. Cada um contribui com o que concorda e critica o que discorda. Todos querem ser presidente e com certeza pegar um Flu melhor daqui a 2 anos. Nao tenho duvidas que a Flusocio e o Abad precisam ouvir mais…assim como outros podem criticar menos e com mais decência. Chega de remar contra.

    Querido Abad, seja um grande e humilde líder desse grande movimento. Tente ao menos. Vc tem a honra de ser presidente do Flu, coisa que muitos sonham aqui , mas não temos capacidade. Você é um cara totalmente sensato e equilibrado apesar desse erro. Cuide do Flu como se fosse um filho muito amado.

    Senhores, é hora de união. Vamos fazer de 2018 o ano da nossa virada. Pelo amor de Deus! Basta de vaidades!

    Somos Fluminense! Todos! Chega de dedo na cara!

    Abracem vocês o Flu. Não basta a torcida!

    Escrevo isso emocionado mesmo. Não aguento mais ver o Flu se boicotando.

    ST

  • Jefferson Alvares

    Prezados,

    Meu total apoio ao presidente Abad, no qual se tomou esta decisão foi em um contexto específico e não em uma regra da sua gestão.

    Por mais que estejamos todos tristes, e eu sendo com muito orgulho um Flusocio, mais ainda, não deixarei de relevar este engano e continuar apoiando totalmente o Abad, um cara que representa o que desejo ao meu amado clube, ou seja determinação, integridade, planejamento e responsabilidade com nosso futuro!

    #ForçaPresidenteAbad!

    ST

  • Marcelo Teixeira

    Essa é minha msior preocupação nesse caso. Mas como é um TAC, takvez o Abad se retratando..explicando tudo e assumindo um novo compromisso, quem sabe até publico diante das câmeras, pode ajudar.

    St

  • Sylvio Montenegro

    Salve o Savioli!

  • Andre fz

    Grande Rogério…

    Navegando pelas águas da internet, encontrei sem querer essa “pérola”…

    http://epoca.globo.com/esporte/epoca-esporte-clube/noticia/2017/12/o-flamengo-tem-um-plano-para-dominar-o-futebol-brasileiro-em-grana-e-tacas-ate-2020.html

    Pois bem…é de um jornalista da Época, segundo a Wikipédia, Revistinha impressa de propriedade do Grupo Globo…

    Assim que terminei de ler a “matéria jornalística” lembrei de você…não sei porque…hahahahah

    Me dê seu “parecer” meu caro amigo…

  • Paulo Cavalheiro – Santos – SP

    Força Abad !!

    O trabalho é longo, penoso e muito árduo !!

    Erro crasso, mas muito “desculpável” pelo momento do clube. Percebe-se claramente a “boa” fé e a intensão de “salvar” o FFC do inferno, não há indícios de sacanagem.

    Sem risco, sem ganho !!

    Espero mesma atitude e energia na “remontagem” do Depto de Futebol.

  • Rogério Barbieri

    Qual é o jogo que a globo está transmitindo na televisão aberta?

  • José Luiz Pereira neves

    Largem meu fluminense, colocaram meu clube nas páginas policiais.

  • Gustavo

    Futebolzinho falido o desse time. Toques para trás, ritmo preguiçoso, burocrático, retrógrado, e jogando contra o pior time do campeonato. Ridículo!

  • Valmir Carvalho da Silva

    Alguém da Flusocio, por favor, não deixem mais Leo Pelé vestir nossa camisa. ST

    • Claudio Souza

      Que erro bisonho ! Esse rapaz precisa ser emprestado. A perseguição da torcida lhe fez muito mal.

      ST

      • Marcelo Teixeira

        Discordo nesse caso da perseguição. É ruindade mesmo. Jogo perfeito pra quem tem qualidade jogar. Sem valer nada..sem pressão…torcida tranquila, ou seja, nada a ver com idade ou inexperiencia. Simplesmente ruindade mesmo. Ele é horroroso. Td errado na jogada. Deu condição legal pro cara e ainda fez aquilo. Horroroso!

  • Gustavo

    Começaram as sandices… assistir jogo do Fluminense de Abel é revoltante.

  • Eduardo Assunção

    So porque achei curioso me forcei a logar de novo pra comentar.

    Por um minuto faz de conta que foi algum grupo de oposição que escreveu isso, sobre o presidente da gestão deles. A opinião seria a mesma?

    Me soa muito mal esse post.

    “…de haver uma ação excepcional e por tempo determinado, de cessão de ingressos e caravanas para algumas torcidas organizadas.”
    Isso se chama desculpa, tentativa de amenizar o que foi feito de muito errado. Pra logo depois vir isso.

    “…a Flusócio abomina e sempre lutou contra essa prática e com toda a certeza se posicionaria contra, se consultada, mas é preciso colocar as coisas em perspectiva e tentar entender.”

    Exceto agora que vão relativizar e amenizar a cagada que o presidente fez.
    Se fosse outro não haveria essa história de perspectiva, não iriam amenizar esse erro ridiculo do presidente.

    “…prerrogativas de seu cargo, tomou sozinho a decisão de ceder ingressos…”

    Famosa jogada do: foi o Peter que fez sozinho e o presidente do conselho fiscal não sabia de nada. Clássico afastamento onde não cabe isso. Vocês são situação, se o cara que vocês escolheram pra presidir não segue a visão do grupo então falharam feio na hora de escolher.
    É na hora da pressão, quando ta tudo desmoronando é que se mostra caráter. Que se separa o cara bom e competente daquele que vai ruir a pressão.

    Esse post pegou muito mal comigo. Subiram no pedestal pra criticar cessão de ingressos antes e agora fazem o mesmo e relativizam. Hipocrisia.

    Por fim, esse é meu ultimo comentário por aqui. Eu acreditei nesse grupo, no Peter, no Abad e na visão que vocês apresentaram. Infelizmente, não mais.

  • Flavio Henrique

    O problema é a falta coerência, isso para não chamar de mentira.

    A Flusocio sempre criticou e foi contra a doação de ingressos para Torcida Organizada. Isso desde sempre.

    Agora aparece esse caso. A desculpa é que o momento pedia e, que foi somente agora.
    Complicado né, Flusocio??? Ou seja quando são outros é errado, quando são vocês “foi por uma boa causa”.

    Ah, mais foram poucos ingressos…Melhor nem comentar.

    Sem contar que (acreditando que o Abad falou a verdade) foi uma decisão isolada do presidente. Mais uma atitude muito contestada sempre pela Flusocio. Até post sobre isso já teve.

    Não acredito em ma fé , busca de grana com venda de ingressos. Mas o fato é que essa administração está completamente desacreditada.

    Primeiro a quebra das promessas de campanha, somando-se o fato de que o Abad não sabia de nada sobre o momento financeiro do clube mesmo sendo presidente do conselho. Agora essa….

    Querem um conselho?

    PAREM DE BATER BOCA EM TWITTER E FACEBOOK E COMECEM A TRABALHAR!!!!!

    Vocês quando eram oposição batiam e criticavam pra cacete. Agora que são situação esperavam afago ? Brincadeira.

    • Claudio Souza

      Também acho que esse negócio de bate-boca em redes sociais é uma perda de tempo e de energia, agora, seria melhor também que os que são só torcedores (porque os politiqueiros vão continuar com essa babaquice) parassem de ficar o tempo todo pisando e repisando as mesmas lamúrias de sempre. Todo mundo já está cansado de saber dos erros cometidos ao longo do ano.

      ST

  • LuizCarlos De Souza Junior

    O que eu não consigo entender é porque alguém quer ingresso de graça para ver essas m**** de jogos. Do jeito que essa porcaria de time tá jogando só se me pagassem. Lixo total, isso faz mal à saúde…

  • Ricardo Ferreira

    https://uploads.disquscdn.com/images/b5be038608647218ac00de4f6a803d840266260a590bff4d788c3839a23e7f09.gif

    Pra começar !

    Um, dois , três !

    Quatro, cinco, mil !

    Segunda divisão é a puta que pariu !!!

    Alô Sula! Eu tô aí !!!

    Hahahahaha!!! A Sula foi foda. Sorry, periferia.

    O Fluminense Football Club possui um presidente eleito que saberá nos conduzir pelos melhores caminhos.

    Nesse episódio dos ingressos, que a meu juízo tomou proporções exageradas, sem prejuízo da correta ação legal, vamos torcer pela equidade, que haverá de prevalecer.

    Torço muito para que tenhamos outro técnico para 2018.
    Felicidades Abel Braga.

    À toda evidência nosso futebol necessita de muitos outros ajustes. Muitos.

    Avante Flusócio!

    Avante Fluzão!!

  • Julio Cossito Toldo

    Ano perfeito. Não caímos. Agora, é repetir a dose em 2018. Não cair é a meta. Parabéns aos envolvidos.

    • José Luiz Pereira neves

      É o que nos resta lutar para não cair, haja sofrimento.
      Queremos jogador , chega de mentiras de saneamento financeiro.

  • Mauro Carvalho – SP

    PARABÉNS CHAPECOENSE – VAI DISPUTAR A LIBERTADORES !!!!!

    NADA, NADA, NADA JUSTIFICA O NOSSO DESEMPENHO RIDÍCULO NO FUTEBOL.

    FORÇA ABAD, LEIA ISSO AÍ E VEJA O QUE PRECISA FAZER !!

    • José Luiz Pereira neves

      Prepara-se para 2018 , estão brincando com a segundona.

  • Jorge Henrique de Araújo Souza

    O presidente tomou a decisão sozinho? Quer enganar quem?

  • Claudio Souza

    Sei que o Davi Carvalho já publicou o link para esse post do Savioli, mas acho que esse texto tem que ser publicado na íntegra aqui (espero que o moderador o aprove).

    Que acordem os minimamente inteligentes que, por conta da paixão cega, ainda estejam servido de massa de manobra dos canalhas que só querem o poder para se locupletar.

    Aí vai :

    MARCELO SAVIOLI – O espetáculo de leviandade, intrigas, canalhice e desinformação

    Com 32 mil reais o Fluminense poderia ter construído um estádio, pago a dívida e contratado Neymar e Gabriel Jesus para dupla de ataque

    Amigos, amigas, o Globoesporte.com publicou na manhã desse sábado uma reportagem que pode entrar para os anais do pastelão jornalístico nacional.

    Eu não sei à luz de que ciência alguém encontrará explicação para o prazer quase erótico que o brasileiro tem de ser feito de palhaço, enganado e roubado. Em nenhum outro país do mundo é tão compensador ser espertalhão, trambiqueiro, corrupto e manipulador.

    Pois eis que os caras me saem com a estapafúrdia reportagem sobre os R$ 32 mil que o Fluminense perdeu ( em plena crise financeira, é bom que se diga ) com a cessão de ingressos para as torcidas organizadas que culminou no espetáculo grotesco, espalhafatoso e inútil promovido pelo MP, a Polícia Civil e a Flapress na manhã de ontem.

    Puta que o pariu, como é que o presidente Pedro Abad, esse mentiroso, que quer apequenar o Fluminense ( esqueci alguma coisa? ) me doa ingressos que renderiam ao clube 32 mil reais em seis partidas?

    Diabos, isso não daria para construir um estádio, pagar toda a dívida do clube e ainda sobrar um qualquer para a gente contratar o Gabriel Jesus e o Neymar para fazer nossa dupla ofensiva? Gente, sao TRIN-TE-DOIS-MIL-REIS. Tudo isso enquanto multidões faziam filas amazônicas em torno do Maracanã por um ingresso para ver nossos craques jogarem.

    No outro dia foi o UOL, que publicou reportagem sui generis, segundo a qual o
    Fluminense, que tem uma dívida de R$ 440 milhões ( antes fosse esse o valor ), lançará em janeiro um fundo de investimentos que tem o objetivo de levantar R$ 100 milhões para financiar esse dívida, sendo que o Fluminense ficará com 1% desse valor.

    O mais legal é que eles próprios se recusaram a dizer que 1% de R$ 100 milhões é R$ 1 milhão. Então, na visão do UOl, o Fluminense vai financiar uma dívida de 440 milhões com 1 milhão. Na visão do torcedor, que lê uma patacoada dessas, o Abad “mentiroso, estelionatário, que quer apequenar o Fluminense” além de tudo se cercou de idiotas para criar um produto financeiro em que a torcida entra com 100 milhões e o banco fica com 99 milhões. Puta que o pariu cem milhões de vezes!

    Aí eu pergunto que diabos de faniquito foi aquele da Bravo 52 ontem? Alguém na torcida do Fluminense tem dúvida de que a Bravo 52 nunca recorreu ao clube para se financiar? Inclusive nós já publicamos uma reportagem aqui sobre a forma de organização magistral da Bravo 52, que é um exemplo para outras torcidas.

    Teve algum dirigente da Bravo 52 preso nessa operação caça ladrão de galinha? Para que aquele pronunciamento truculento e leviano, chamando o presidente do Fluminense de mentiroso, em vez de fazer o correto, que seria exigir, de forma respeitosa, como cabe a instituições que prezam pela decência e dignidade em seus relacionamentos, que o mesmo desse nome aos bois?

    Era fundamental o uso da palavra “mentiroso”, para alimentar o noticiário da Flapress. “Bravo 52 chama Abad de mentiroso”.

    Como diria Aécio Neves, o baluarte da moral tupiniquim, “não vai ganhar, se ganhar não vai assumir, se assumir não vai governar”. Afinal – ato falho – “nós somos o principal partido de oposição ao Brasil”.

    Aliás, é preciso a gente descobrir agora quem é o principal partido de oposição ao Fluminense, aquele que após o impeachment vai reabrir o clube à gestão pela banca, com muito dinheiro entrando e saindo e muita gente ganhando.

    Porra, cacete, o que esse tipo de gente pode ter a oferecer ao Fluminense? Quem passa dia e noite infernizando o presidente do clube e patrocinando mentiras vai fazer o que quando chegar ao poder? Que bons propósitos podem justificar tão abjetas práticas?
    Agora até a Flapress virou aliada. A Flapress publica as merdas e os patinhos vão lá para postar suas lamúrias monótonas. Quem discorda tem o comentário moderado. É assim que a banda toca.

    “Ah Savioli, mas você nega que o Abad prometeu o que não podia cumprir e a Flusócio é responsável por essa merda que está o Fluminense?”

    A minha resposta é muito simples e direta para isso. Em primeiro lugar, foda-se a Flusócio. Eu não quero saber da Flusócio, nem como aliado, nem como porra nenhuma. Cansei de avisar aqui durante dois anos das cagadas que estavam fazendo no clube. Só que antes estava todo mundo junto e misturado.

    Eu não quero saber da Flusócio e só conheço o senhor Pedro Abad de troca de e-mails quando o entrevistei durante o processo eleitoral. Sempre critiquei a atuação do Conselho Fiscal, da qual era presidente.

    Só que eu não gosto de covardia, mentira e canalhice. O que estão fazendo com esse cidadão, que tem família e um nome é coisa de canalhas da pior espécie, que não nutrem o mais remoto respeito pelo semelhante. É coisa de gente que não tem entre si e suas ações o menor resquício de escrúpulo. Isso é briga suja, imunda e indecente por poder, mais nada.

    O Fluminense? O Fluminense que se exploda! Não estão nem aí. Sabem muito bem que o único caminho para a salvação do clube é o que está sendo trilhado, mas não enche bolso de ninguém. Clube administrado profissionalmente, por gestores remunerados, com conselhos bem estruturados e presidente com poucos poderes é um horror para quem só quer se dar bem. Baratas gostam de cozinha suja e desarrumada.

    Se o Abad prometeu o que não podia cumprir? Não tenta me arrastar para essa conversinha rasa. Teve gente que prometeu até mais. O problema não é esse. O problema é o risco do Fluminense dar certo, vamos confessar, porque se der certo, parceiro, ninguém mais bota a mão no pote de ouro. Vai profissionalizar essa porra, sim. Chega de amadorismo, de cumpadrismo, de gestão de birosca num clube que move centenas de milhões de reais e mexe com a paixão e a felicidade de milhões de pessoas, que não vão servir de massa de manobra para realização de interesses mesquinhos.

    Quando a Unimed só fazia macaquice no Fluminense, que fazia mais pirotecnia do que colocava dinheiro e mal ganhava um título, a Flapress nem ligava. Foi ganhar dois títulos brasileiros em três anos, e só não foram três, mais uma Libertadores, porque venderam o Conca em 2011, começou a aparecer no noticiário que a Unimed estava falida, que estava botando dinheiro no Fluminense e não tinha retorno e até que a Unimed era uma merda para o Fluminense. Até oposição a Celso Barros na Unimed virou notícia em editoria de esportes.

    Aliás, a Flapress ajudou muito na eleição do Abad fazendo oba oba dia e noite da contrução do CT. Aqui no O´Tricolor.com não tinha oba oba. No máximo, tinha notícia, que aqui a gente não bate palma para macaco dançar. O que nós temos aqui são articulistas que pensam cada um com a sua cabeça e são responsáveis pelo que escrevem, não interessa se é contra ou a favor de quem quer que seja. Quem tem que pensar e tirar suas conclusões é o leitor. Aqui não tem presunção de burice.

    Só que agora a Flapress está contra o Abad. Por que? Simples, parceiro. O que a atual gestão está fazendo no Fluminense é o que todos os clubes vencedores do mundo fizeram. Inclusive a mulambada, que eles batiam palma e exortavam a torcida “ignorante” deles a ter paciência.

    Se o caralho da torcida do Fluminense descobre que o clube está no caminho certo e resolve apoiar o Abad, fudeu! Tem que, se possível, fazer esse filho da puta renunciar, colocar lá alguém que faça muita pirotecnia e faça a torcida acreditar que o clube está sendo administrado.

    ***

    Para encerrar, os indícios de que o Fluminense vendeu o Wendel estão claros no próprio balancete do terceiro trimestre do clube. Com a venda do Wendel, acabou o problema de fluxo de caixa em 2017. A dívida deve aumentar, infelizmente, mas se o Fluminense não estivesse programado para a dívida aumentar corria o risco de dar certo muito rápido.

    Foi assim esse ano e será assim no ano que vem. Como eu venho dizendo desde o ano passado, o Fluminense está todo engatilhado para sobreviver de transferências de jogadores.
    ´
    A boa notícia é que inverter essa lógica não vai ser difícil. A tática é simples. Para resolver esse problema basta saber escrever minimamente. Escreva no twitter ou no facebook assim:

    “Abad filho da puta”

    “Fora Abad”

    “Essa Flusócio está apequenando o Fluminense”

    “Abad, pinóquio mentiroso, cadê o estádio, cadê o CT concluído, cadê o time que você prometeu?”

    É tiro e queda. Além de não ajudar a resolver porra nenhuma, ainda vai fazer papel de palhaço, defendendo interesses de quem não está nem aí para você e está pouco se fodendo para a integridade e o futuro do Fluminense.

    Saudações Tricolores!

  • vivianne

    O q me importa é saber qual o time botaremos em campo em 2018, o resto é subjetivo.
    Porque meu comentário no post anterior ainda não foi aprovado?!
    Porque é verdade ou falta de argumento para contestar o q eu escrevi?!

  • Ricardo Ferreira

    Sério, aliviado, extremamente preocupado com 2018.

    Obrigado pela atenção.

  • Ricardo Ferreira

    Avaliação do jogo de hoje contra o lanterna do campeonato.

    “”Abel Braga: Fizemos um jogo diferente, melhor do que o adversário. Atuamos de forma diferente, com dois treinos na quarta e na sexta. Fizemos isso pois não tivemos jogo no meio de semana. A assimilação foi rápida, com apenas dois treinos. Gostei do que eu vi. Jogamos sem entrosamento. Os atletas têm cultura tática, e isso me mostrou que a gente poderia arriscar. É é essa maneira que, dentro dos conformes, quero no ano que vem.””

    Aterrador. Lá se foi meu sono pras picas.

    Curintia, parmera, colorado…Tolos, perderam a disputa pelo iluminado.

    • Marcelo Teixeira

      As avaliaçoes dele estao totalmente fora de contexto real dos fatos.

      Não dá mais!

      St

  • Rogério Barbieri

    Vi no Fantástico a matéria sobre a Operação Limpidus.

    Entendo que os presidentes dos clubes se equivocaram ao doarem ingressos para os
    presidentes das torcidas organizadas. Afinal, estes presidentes das torcidas organizadas estão lucrando ilegalmente com a venda dos ingressos para os cambistas. Que estarão lucrando ilegalmente com a venda dos ingressos para os torcedores.

    Por quê a Rede Globo não tem essa mesma percepção no caso #FIFAGATE quando a GLOBO ESPORTE paga muito mais caro para a empresa de marketing esportivo pelo direito de exclusividade de transmissão. Afinal, ela sabe que o dinheiro a mais é para aumentar o lucro da empresa de marketing esportivo e para pagar a propina solicitada pelos presidentes da FIFA, CONMEBOL, CBF, FERJ, FPF ou seja lá qual competição for.

    Pior, por quê os torcedores são tão incapazes de perceber a gravidade deste ato contra si.

    Afinal, neste caso, todos são atingidos pelos interesses da emissora, menos os torcedores daqueles times pelo qual a REDE GLOBO tem interesse que sejam os vencedores.

    • Ricardo Ferreira

      Eles fazem o jogo deles.
      Não mudarão de comportamento. Óbvio.

      Os prejudicados que se defendam.

      • ALEXX

        Fazem sim o jogo deles: que é escuso e precisa set denunciado

    • Alexandre Vianna

      Estamos contra tudo e contra todos!
      A grobo fez e faz bem o seu trabalho.
      Seremos sempre vilões!
      Não há espaços para falhas, bisonhices, vacilos, teimosias, etc da nossa parte.
      Cuidemos do nosso quintal sendo mais inteligentes e melhores.
      Temos que ganhar os jogos antes de ser jogado.
      Joguemos o jogo!

  • Ricardo Ferreira

    Premiação do campeão > R$18.069.300,00

    Premiação do Fluminense pelo 14° lugar > R$956.610,00

    Não é com mediocridade, com amadorismo, com complacência, com incompetência, com soluções ultrapassadas, com insanidade que alcançaremos o patamar de ganhos dos vencedores.

    A quem estou me referindo?

    Cada um reflita e responda segundo seu entendimento, ou sua conveniência…

    Em tempo.

    Mesmo no último jogo do campeonato fomos prejudicados pela arbitragem.
    Jogando contra o rebaixado AG.
    Precisamos enfrentar esta gravíssima situação com todos os meios disponíveis.
    Isso diz respeito a nossa sobrevivência.

    • Marcelo Teixeira

      Eu duvido que o Abel não aceite um convite pro lugar do Torres. Duvido.

      Final de carreira..teve problema familiar…nao precisa mais de grana. Chance de assumir um cargo mais tranquilo e ficar no Leblon.

      Abel está cansado. Qualquer um vê.

      St

      • Sylvio Montenegro

        Mas não podemos deixar ele escolher os reforços sozinho.

  • Alexandre Said Delvaux

    As cartas estão na mesa. O FLUMINENSE tem problemas e problemas. À gestão cabe encontrar soluções. É provável que 2018 seja melhor (até porque pior do que 2017…).
    Vale a pena iniciar imediatamente um estudo concreto sobre o uso do espaço subutilizado nas Laranjeiras. É absolutamente irracional permanecer como está. Penso que todas as possibilidades devem ser colocadas e analisadas. Não é possível que não exista algo melhor a ser feito! Apesar da crise, o FLUMINENSE está localizado em área nobre da cidade que mais recebe turistas no Brasil, no estado que ainda tem destaque no ranking do PIB, é uma marca muito forte, tem grande torcida, com grande poder aquisitivo. É necessário fazer mais do que reclamar e muito mais do que dar ouvidos a boçais que nada mais fazem do que futricas pelas redes sociais.
    Flusócio, é hora de sair da defensiva!

    • Pedro Martino

      Faço couro a você nesta questão das Laranjeiras, Alexandre!

      É simplesmente imperdoável que não se inicie um debate SÉRIO sobre as Laranjeiras. NÃO EXISTE deixar aquilo do jeito que está: parado, abandonado.

      E como abandonado, eu não quero dizer que tá na hora de dar uma nova pintura, melhorar o gramado etc. Quero dizer que precisamos urgentemente dar um fim melhor ao estádio.

      O que vai ser? Se um shopping, uma arena, vender ou arrendar o terreno… eu não faço a menor ideia e seria muito leviano achar que eu tenho a solução. O que sei é que a nossa salvação passa por gerarmos RENDA com esse terreno. Diminuir o gap para os outros clubes que estão na nossa frente.

      Hoje, vários de nossos concorrentes têm vantagens competitivas importantes sobre a gente:

      – Corinthians e Flamengo, além da numerosa torcida que gera muito mais retorno financeiro em pastas como patrocínio, venda de camisa, bilheteria, sócio-torcedor… também são inundados de dinheiro de cotas de TV.

      – Palmeiras, Grêmio, inter têm estádios próprios, além de um ótimo programa de sócio torcedor (nem coloco o fator patrocinador investidor, porque isso tende a ter fim)

      – São Paulo também tem uma torcida muito numerosa, expressivo sócio-torcedor e estádio próprio que gera retorno, inclusive de eventos de grande porte.

      Hoje destaco estes como em outro patamar em termos estruturais, e num patamar abaixo, mas ainda na nossa frente, cito outros dois:

      – Cruzeiro apesar de não ter estádio próprio, nem um programa de sócio-torcedor de sucesso atualmente, tem uma gestão bem estruturada já há um bom tempo, o que gera ao menos uma boa estabilidade e competitividade no cenário esportivo.

      – Santos tem estádio próprio que, se não lhe gera muita renda hoje, pelo menos não trás grandes prejuízos como o Flu atual. Seu forte hoje é na base, capaz de gerar jogador atrás de jogador capaz de compor muito bem o elenco, evitando grandes gastos em contratação.

      Já mais abaixo, Vasco está em baixa nos últimos anos com seguidos rebaixamentos, fazendo com que perdesse muito valor de marca, mas tem uma torcida numerosa e estádio próprio. Por pior que seja, gera renda.

      E Botafogo mais abaixo ainda, tem quantidade de torcedores similar a nossa (pelo menos no que consta as pesquisas) e um estádio pra chamar de seu, mas ainda se encontrar com problemas financeiros graves.

      CASO ESPECIAL (ONDE EU QUERO CHEGAR): Atlético-MG
      – Fora o fato de ter um programa de sócio-torcedor forte e estar em fase avançada de projeto de seu novo estádio, TEM UM OUTRO GRANDE ATIVO QUE LHE GERA UMA RENDA PRECIOSÍSSIMA: um terreno no meio da cidade, que foi arrendado para construção de um Shopping.

      ESTE SHOPPING É TALVEZ O MAIOR RESPONSÁVEL POR COLOCAR O ATLÉTICO EM PÉ DE IGUALDADE COM OUTROS CLUBES NOS ÚLTIMOS ANOS.

      E é aí que entra o terreno as Laranjeiras. Hoje eu vejo o Fluminense num patamar mais pra parte de baixo dos citados acima. Não temos proporcionalmente uma torcida tão numerosa, não temos estádio próprio nem programa de sócio-torcedor. Estamos muito atrás!

      O lado bom é que nós temos potencial de crescimento… que passa necessariamente por esta tema Laranjeiras. PRECISAMOS, de maneira urgente, pensar o que fazer ali para diminuir essa diferença!!

      Eu respeito muito a opinião de todos que querem pensar no melhor para o clube.. mas penso que nós NÃO PODEMOS DEIXAR QUE HISTÓRIA E TRADIÇÃO DAQUELE ESTÁDIO NOS DEIXE PRA TRÁS!

      Este debate NÃO PODE SER ADIADO.
      STs.

      • Alexandre Said Delvaux

        Exatamente! O que vai ser feito, o que pode ser feito? Não tenho a menor ideia. A única certeza: algo precisa ser feito.

        • Pedro Martino

          Alexandre, até pra não gerar nenhum ruído, o que quis demonstrar nessa comparação entre os clubes atualmente se refere apenas a receita atual e os modelos de geração de renda. Jamais quis comparar grandeza, história, títulos, etc.

          Somos gigantes assim como todos os outros e concordo totalmente com você que as dificuldades são passageiras.

          Sem dúvida é um panorama bem superficial este que mostrei, mas cujo objetivo é exatamente esse: saber que temos uma mina de ouro ali que, se bem explorada (independente do modelo), fará com que o clube se posicione de maneira muito mais competitiva no cenário.

          Abs e Sts

    • Sylvio Montenegro

      Isso tem que ser para ontem Alexandre. Você tem tocado muito nesse tema, espero que internamente estejam fazendo alguma coisa.

  • Alexandre Said Delvaux

    Existe alguma dúvida de onde parte o interesse em esvaziar e enfraquecer a FLUSÓCIO?
    É hora de propor e criar regras para dificultar a ação de gestores ineptos e inconsequentes. É imperioso estabelecer limites para os gestores.

  • Flavio Chammas

    Senhores

    Começa agora na falta de futebol, as notas de pseudo jornalistas(tem um que já diz como devemos fazer para 2018, consultoria grátis do especialista), as cavadinhas de empresários querendo valorizar seus contratados, as de jogadores e seus “assessores de imprensa” cavando algo.

    As compras, trocas, vendas, tudo mirabolante, como a mídia adora(a mídia esportiva aqui é a sobra do jornalismo, acho que só perde a para a are-a de policia)

    Não bastassem os daqui, teremos que “engolir” tudo o que vem por aí, na falta de futebol.

    Como no Rio só resta a mulambada querendo algo(com a grana que gastaram teria que se algo muito acima, mas ainda bem que continuam “novos ricos burros”), vai ser difícil terminar o ano.

    A não ser que surjam novidade no front, e a nossa direção se organize e planeje com sucesso.

    NOSSA REALIDADE É DURA, MUITO DIFÍCIL, NÃO HÁ GRANA, E SE CONSEGUIRMOS MANTER EM DIA OS SALÁRIOS, SERIA MUITO IMPORTANTE.

    PODEMOS E DEVEMOS TRABALHAR AS ENTRADAS E SAÍDAS, MAS SEM JAMAIS DESVALORIZAR O PATRIMÔNIO(JOGADORES), POIS MESMO RUINS OU CAROS , TEM MERCADOS .

    HÁ QUE SE MANTER ABEL E UMA BASE, RECUPERAR OS CONTUNDIDOS, DAR UM DESCARREGO GERAL NA SEDE E NO CT(FUNDAMENTAL INICIAR O ANO FAZENDO ISTO).

    E POR IMPORTANTÍSSIMO, BOM OU RUIM, ABAD É O PRESIDENTE ATÉ 2019.

    ENTÃO ESTAMOS E VAMOS COM ELE, QUER GOSTEM OU NÃO.

    NÃO VEJO NOSSA OPOSIÇÃO AJUDAR EM NADA, ASSIM COMO AS ORGANIZADAS(DIGAM QUANTOS SÃO SÓCIOS NELAS).

    A BENÇÃO JOÃO DE DEUS.

    • Claudio Souza

      Se essa estória de “descarrego” desse certo, Bahia e Vitória seriam o Barcelona e Real Madrid do Brasil. Kkkkkk

      ST

      • cydar60

        O João Saldanha já dizia:
        Se macumba adiantasse alguma coisa o campeonato baiano terminava empatado.

  • Juliano F Pacheco

    Nao sera cobrado da delegada esclarecimento quanto a acusacao? Achincalou o clube e ficou por isso mesmo.

  • Luciano Colombo

    Final de ano Chegou e agora é o momento das especulações. Com pouco ou nenhum dinheiro em caixa, o flu vai ter que ser muito criativo nas negociações p/ conseguir montar um elenco mais competitivo. As negociações de saída de jogadores podem ter uma forte influência, tendo em vista o salário elevado de alguns jogadores que não produzem tanto. Vamos lá.
    Saídas:
    GOL SAI:
    Cavalieri: Deve ter mercado, foi e é útil mas aparentemente o custo elevado não ajuda e a relação com a torcida depois de tantos anos está desgastada.
    Júlio Cesar: Não tem os requisitos mínimos para ser goleiro do Fluminense

    GOL ENTRA:
    Douglas: Goleiro do Avai, fez bom campeonato e a equipe foi rebaixada. provavelmente p o passe não pertence ao Avaí, é buscar o detentor e oferecer oportunidade no flu.

    Jefferson: ótimo goleiro que não vem tendo oportunidade devido a boa fase do Gatito. O Bota não vai jogar a libertadores e por isso deve ter o orçamento mais apertado, fato que pode facilitar a saída do Jefferson.

    LATERAL DIREITA SAI:
    Lucas: Mostrou-se pouco eficaz, talvez com um custo mais baixo “divisão de salário o a equipe dona do passe” possa ficar.

    Renato: se possível encaixar em equipes menores, não tem potencial para o flu.

    LATERAL DIREITA ENTRA:
    Cicinho: Ex Ponte e Santos, Atualmente no Ludogorets. Contrato perto do fim e faz tb o papel de volante.

    Fabio: Ex flu e Manchester. Lateral esquerdo de origem mas tb faz a direita. Contrato perto do fim também.

    LATERAL ESQUERDA SAI?
    Léo: tentar repassar por empréstimo para times de menor expressão “deve ter mercado para disputar o paulista ou carioca em times menores”

    ESQUERDA ENTRA:
    Guilherm Siqueira: Ex atletico de Madrid, atualmente sem clube.

    Fábio: pode jogar nas duas.

    Zaga e meio campo na próxima postagem

  • Sylvio Montenegro

    Concordo inteiramente Juliano.

  • Sergio H. Muzitano

    O ex presidente Peter, fez economias com relação ao elenco para quitar parte das dívidas, porém às mesmas permanecem na casa dos 400 milhões!
    Vendemos quase um time inteiro de promessas!

  • Alexandre Said Delvaux

    Aqueles diretamente “interessados” na renúncia do Abad é que deveriam renunciar ao FLUMINENSE. São os verdadeiros abutres, algumas vezes equivocadamente, na minha opinião, mencionados aqui. O que eles querem? Quais os seus interesses? Força, Abad!

    • felipe soares

      O Fluminense não é do Abad…
      Não é “Fluminense do Abad” ou “Fuminense da Flusócio”… Ou do Alexandre Said Delvaux…
      GRAÇAS A DEUS!!!!!

      • Alexandre Said Delvaux

        É seu?

        • André

          Então, quem não concorda com essa política administrativa de fundo de quintal é Abutre? E que a defende com unhas e dentes é o que? Já emitiu sua notinha esse mês?

          • Alexandre Said Delvaux

            Não tenho interesse na sua opinião. Cuidado com o que você escreve, senão vai ter que provar. Não pense que isso aqui é terra de ninguém e você pode acusar as pessoas sem ter que responder por isso. Não sei quem é você, você não me conhece, portanto meça bem as suas palavras senão vai responder por elas. Você tem todo o direito de discordar da minha opinião, mas fazer acusações, eu não admito. “Notinha desse mês”, a que você se refere? Aviso ao moderador: preciso dos dados do “André”. Ele vai esclarecer o que é “notinha do mês”.

  • Igor Carvalho

    Essa falha do Léo Pelé mostra o quanto esse jogador é ruim. Não só ele, existem muitos que não são bons de bola e jogam profissionalmente.

    A bola estava toda no pé direito dele, e ele resolve girar o corpo pra bater com a perna boa. Aí fica a pergunta…. Como um jogador PROFISSIONAL não treina a perna ruim???? Tem muito jogador ruim que não tem condição de ser profissional, não tem talento, não tem nada, apenas preparo físico, que por sinal anda péssimo.

  • COSTA

    Apesar de ter perdido na estreia para o Nacional, campeão uruguaio, por 2
    a 1, de virada, após ter um jogador expulso, o Tricolor pode assumir a
    liderança nesta terça caso vença o Defensor. Isto porque o adversário
    empatou em 1 a 1 com o Grêmio, que enfrenta o Palmeiras.

    Começamos bem na COPA RS SUB 20, ou seja perdendo p-ara variar. o que alias tem sido constante durante todo o ano.
    Por isso que na minha opinião o trabalho em Xerem é super estimado os resultados são pifios, um campeonato brasileiro em 2015, já não tem um titulo carioca faz tempo, ou seja muito dinheiro para pouco resultado.
    E a quantidade de jogadores revelados ” de qualidade ” é muito pouca, se comparada a epoca do Fischel então é ridicula. seria interessante saber quanto se gastava naquela época, os jogadores revelados eu lembro ( Diego Souza, Arouca, Roger, os gemeos Fabio e Rafael, Rodolfo, Marcelo, e outros que eu não lembro), bem melhor que os atuais, os gestores atuais deveriam chamar os antigos para ver se aprendem alguma coisa

  • Claudio Souza

    Hahahahaha! Barcinski disse tudo o que se pode dizer:

    https://piorparaosfatos.wordpress.com

    ST

    • Rodrigo Costa

      Muito bom.
      Não conhecia essa página. Vou passar a acompanhar agora.
      Obrigado por compartilhar.

      • Claudio Souza

        Infelizmente, por falta de tempo, ele parará de escrever. Uma pena.

        ST

  • Rafael tricolor

    O Brasileirão chegou ao fim e nós conseguimos tomar gol até do rebaixado lanterna Atlético-GO. Desempenho medíocre e pior do que o do ano passado. Enquanto os demais clubes falam em contratações, possibilidades, patrocínios, o Flu do senhor Abad se perde nas suas desculpas esfarrapadas, demonstrando sua total incapacidade de administrar o clube.

    Não adianta ficar só preparando o “Flu do futuro” enquanto o Flu do presente se transforma em uma Portuguesa-SP da vida (um clube que já foi grande, mas que devido à catastróficas administrações seguidas, foi parar na série D). Já passou da hora de enxergarem que essa forma de administrar está no caminho errado e que afastou a torcida dos jogos e do clube. Os tricolores com os quais converso demonstram total descrédito na forma Flusocio de conduzir as coisas. O Abad não têm o menor perfil de liderança para mudar o status quo. Pelo contrário, demonstra muita insegurança nas suas ações, comunica-se pouco com o torcedor e, com esse episódio dos ingressos, ficou isolado até dos seus poucos aliados. Sua eleição foi um erro pois permitiu que o continuísmo permanecesse , impedindo que o clube tomasse um novo rumo, com novas lideranças e novas ideias.

    Não vislumbro um 2018 promissor para o Fluminense (tomara que eu esteja errado). Vejo o mesmo discurso de que “estamos de Pires da mão”, sem grana para NADA e de que permanecer na 1 divisão será, mais uma vez, um “título” a ser comemorado. Vi times menores, com orçamentos muito mais modestos do que o nosso e que fizeram um campeonato muito melhor. Não acho que falte somente grana, tem faltado competência na hora de montar os times do Flu e na administração do futebol profissional do clube. Enquanto isso não for corrigido, vamos continuar vivendo do passado glorioso e nos apequenando, ano após ano.

    • luiz

      Concordo plenamente.

  • luiz

    Para quem foi possível constatar, peço que explique a festejada (pelo Abel) mudança tática que teria sido apresentada no jogo de ontem
    Agradeço antecipadamente.

    • Claudio Souza

      Também não consegui ver nada de tão diferente. Scarpa mais na esquerda e Douglas de primeiro volante foi o máximo que consegui enxergar. Abel é um gênio incompreendido. Kkkkkk

      ST

    • Rodrigo Costa

      Ví um 3- 5 – 2 meio estranho.
      Lucas fazendo a ala, quase que como um ponta. Henrique fazendo a lateral direita, R.Chaves no meio da zaga e o Leo fechando a zaga pelo lado esquerdo, hora como zagueiro, hora como lateral, e na maioria das vezes como nenhum dos dois.
      Douglas como volante fixo. Wendel como segundo volante indo e vindo. Sornoza por de trás dos volantes e Scarpa sassaricando de canto ao outro.
      Não sei era isso que o Abel queria fazer, espero que não. Pois não funcionou.

    • Rafael Pottes

      Tb não consegui ver e entender, mas de fato acho q, pelos nossos jogadores disponíveis, nosso esquema tem d ter 2 atacantes. Digo isso pelo simples fato de Robinho e MJ n serem jogadores de lado de campo e WS (meu titular) não ter físico p acompanhar lateral o jogo todo… d resto, se será 3-5-2, 4-4-2, tanto faz, mas tem q treinar e sair dessa pasmaceira de 4-3-3. Aliás, acho q isso tb tem de ser revisto em toda a base… não somos e nunca seremos o Barça, minha referência p o Flu seriam atlético de Madri ou Borússia
      ST

  • http://www.marcelmota.adv.br Marcel Mota

    Caros tricolores, os dados estão aí, desde 2015 o Fluminense se tornou um time que frequenta a parte inferior da tabela. Pela primeira vez na era dos pontos corridos, são três anos seguidos com campanhas pífias. Não conseguimos, nos últimos três anos, passar dos 50 pontos, nem da 13. colocação. Em todos os anos, o desempenho no segundo turno é pior do que no primeiro. O elenco vai enfraquecendo com as vendas forçadas, há atrasos de salários, a queda no rendimento parece inevitável.
    A maior razão desse cenário, desde 2016, é a queda das receitas. Em 2015, entrou muito dinheiro, mas também houve muitas despesas, que não deram o resultado esperado.

  • http://www.marcelmota.adv.br Marcel Mota

    Considero que a premissa de reestruturação financeira é necessária e evidente. O problema é que, mais uma vez, a gestão do futebol deixou a desejar. Esse modelo de “gestão compartilhada” nitidamente não deu certo. Como torcedor, vejo com clareza a necessidade de mudanças estruturais e qualitativas nesse setor.
    Além disso, a saída do Pedro Antônio me pareceu uma perda irreparável. Na verdade, como já tinha dito aqui, Pedro Antônio era o nome ideal para assumir a presidência do FFC. E tomara que seja candidato em 2019.

  • http://www.marcelmota.adv.br Marcel Mota

    Os resultados no futebol são muito preocupantes. O Fluminense foi humilhado, a verdade é essa. O desempenho diante do CRF foi ridículo. Em jogo sim, outro também, o Fluminense abre vantagem, mas toma gol logo em seguida. O problema na defesa é gritante. Nenhum torcedor suporta isso. E, desse jeito, é impossível conquistar novos torcedores. O prejuízo esportivo causa, portanto, imenso prejuízo na geração de novas receitas.

  • Rogério Barbieri

    O pior de tudo é saber que conceitualmente, nos dias atuais, o Fluminense é considerado um time de menos relevância do que a Chapecoense (operação carne fria). Consequência da ira da mídia pelos resultados obtidos pelo Fluminense no período de 2005 a 2012, quando conseguimos conquistar alguns novos torcedores, oriundos de pais de outros clubes..

    Esse procedimento de ira da mídia tendenciosa aconteceu pela primeira vez com o Fluminense a partir de 1977. Quando de tanto insistir transformaram a pequena (em relação a torcida do Fluminense) torcida do Santos numa torcida maior do que a nossa.

    E seguimos nessa guerra com a mídia.

    Temos que encontrar uma mídia, um canal de televisão que possa combater a Rede Globo e assumir a posição desta. Temos que ajudar a essa mídia derrubar a Rede Globo. É uma decisão arriscada. Mas, tem que ser feita, mesmo que silenciosamente.

  • http://www.marcelmota.adv.br Marcel Mota

    Nosso atual presidente, com apenas 48% de aproveitamento, tem o terceiro pior rendimento dentre todos os presidentes do Club, desconsiderando Felix Frias, que foi presidente durante apenas seis jogos em 1913. Só não pior do que Gil Carneiro de Mendonça e Álvaro Barcelos.
    E agora surge a possibilidade de perder os poucos jogadores que restarem em trocas. Desse jeito, o torcedor vai sumir de vez dos estádios.
    Precisamos de time competitivos, de vitórias em clássicos e de títulos. Essas devem ser as prioridades.

  • http://www.marcelmota.adv.br Marcel Mota

    Espero que seja revista essa “parceria” com o CRF. É evidente que temos interesses contrapostos e o cálculo de nossa ação não pode depender da conveniência deles.

  • http://www.marcelmota.adv.br Marcel Mota

    No mais, é preciso repensar as relações internos do Club. Mesmo para quem não frequenta nossa sede, está evidente o desgaste da Flusócio. Há muitas pessoas de valor em todos os setores políticos. Não podemos perder a contribuição de tricolores em razão de desavenças políticas. Alguém tem que tomar a iniciativa de promover o entendimento entre todas as correntes.

  • http://www.marcelmota.adv.br Marcel Mota

    Nossa torcida e nosso time não aguentam mais outro ano como este. O risco de descenso é real e concreto, se não houver mudanças significativas. Tudo depende da boa gestão. Há clubes em situação pior do que a nossa que estão na Libertadores. Podemos e devemos ter resultados melhores, apesar das dificuldades notórias.

  • Diogo Trindade

    Amigos,

    Se vocês pretendem que tenhamos um FFC minimamente decente em 2018, partam da seguinte premissa: Scarpa e Dourado não podem sair da equipe.

    O primeiro grande reforço que precisamos é manter os poucos que se salvaram em 2017. Eu acrescento à lista o Douglas (desde que livre da artrite), Reginaldo e Sornoza.

    Também discordo veementemente de liberar o Henrique pagando parte do salário. Se o curintcha quer o Henrique, que pague multa/ofereça jogadores que nos interesse e PAGUE O SALÁRIO. Henrique é um bom jogador, o problema dele é ser caro. Então, se for pra continuar pagando, que fique por aqui.

    O resto é tudo japonês. Não me importo em vender/trocar/doar/mandar pro Samorim. MAS CHEGA DE PAGAR SALÁRIO PRA JOGADOR FORA DO CLUBE.

    • Valmir Carvalho da Silva

      Concordo plenamente. Mas o nosso “amado” presidente disse que vai reforçar a equipe usando os que se destacaram como moeda de troca. Eu só queria entender? Time forte, não pode se desfazer dos poucos que tiveram sucesso.

      • COSTA

        Isso você não entendeu vai trocar a pouca qualidade que sobrou por uma boa quantidade de xepas

  • Sylvio Cordeiro

    Exato. Perfeito. Fiz essa pergunta pra gente que e da Flusocio. Estou esperando a resposta, que provavelmente nao vira.

  • Sylvio Cordeiro

    Pois eh….

  • Sylvio Cordeiro

    Peter Siemsen ajudou a implodir o Clube dos 13. Reclamar agora?

  • Abelardo

    Agora não entendi nada, o presidente anterior passou 6 anos dizendo que tava saneando as contas do clube. Depois de tanto tempo de novo o mesmo discurso de saneamento das finanças. Então explica que o fluminense nunca vai terminar de ser saneado. Enxugou tanto que não tem nem um jogador de grande nome. Esse quase foi rebaixado esse ano. O ano que vem vai ser o último colocado. De duas uma ou mantém um discurso coerente ou não tem nem uma luz no fim do túnel.

    Eu entendo de administração muito bem, por isso tem que posso dar uma contribuição.

    • cydar60

      Se você entende de administração tanto quanto de ortografia estamos lascados!

  • Davi Carvalho

    É de dar nojo o que tô vendo no redação sportv, os caras estão colocando o dourado pra baixo dizendo que só faz gol de pênalti e exaltando Jô, que faz gol de mão.
    Incrível como se portam esses caras.

  • Valmir Carvalho da Silva

    Os atletas estão desmotivados e a vontade de sair do clube está clara nas entrelinhas das suas declarações. E a diretoria não toca no assunto. Finge de surda e apenas vem com uma promessa de elenco mais qualificado para o ano que vem. Gostaria de queimar a língua, mas não acredito nessa promessa. O Abad não demonstra liderança , nem humildade e está perdido.

  • Paulo Cavalheiro

    Balanço 2017 somente após o término do ano contábil e pode ser divulgado até abril 2018.

  • Willy H

    Você se refere a que exatamente?Balanço no futebol? Balanço contábil?
    Se for o lado financeiro, o ano contábil vai até 31/12.
    O balanço do terceiro trimestre já está no site do clube. Procure na aba transparência.
    Há coisas a se cobrar? Há, sim, muitas!!! Mas criticas vazias não levam a nada.

    • Claudio Souza

      Muita gente cobra balanço mas não sabe nem analisar um.

      ST

  • Paulo Cavalheiro

    Comentário do Parbel, isto deixa a torcida apavorada para 2018:

    “- Não temos condições financeiras para contratar ninguém. Temos de ser inteligentes nas trocas. É aquele negócio: perde um, mas ganha três. Perde um de qualidade e ganha três bons para cobrir a equipe como um todo – resume o técnico. ”

    Aliás continuar com o Abel para 2018 é de uma insanidade total, como técnico de futebol, completamente ultrapassado.

    • COSTA

      Concordo em parte, não acho o ABEL maravilhoso, mas pior e contratar um estagiário, ruim com ele mas pode ficar pior dependendo de quem venha.
      Pior ainda é a mentalidade da diretoria que acena com a possibilidade de perder os melhores , para trocar por algumas cepas, tipo …, não vou nem citar os nones
      .

    • Gilberto Cabral

      Será 3 bons tipo o Romarinho? Se for estamos Fu….

  • Lee

    Vocês falam sobre o nada, sobre o vazio. Que trabalho é este que ele está fazendo que ninguém vê? Cadê os relatórios, os balancetes, balanços para a torcida ver? Só vemos e lemos mentiras, promessas vazias, promessas mentirosas de Estádio e coisas do tipo.

  • Paulo Cavalheiro

    “Caos” no site !! Vale a democracia !!

    Mas tem tricolor, mais perdido que cego em tiroteio !!

    Segue o jogo !! E que venha 2018 !!

  • andre fahr

    Achei intrigante o pronunciamento do Alexandre Torres sobre as contratações para 2018, não pelo que ele disse propriamente mas pela constatação que ele continuará como gerente de futebol do clube, visto que já está prospectando novas contratações. Na minha opinião o maior erro que o Abad pode cometer é manter essas mesmas pessoas no comando do futebol, inclusive ele como vice presidente e o Abel como técnico.
    Acho que ele deveria começar a limpeza pelo Marcelo Teixeira, que montou esse elenco patético com os moleques de Xerém e os refugos do Samorin; o que se mostrou um fracasso monumental.
    Essa é a minha humilde opinião, que provavelmente não vai ser nem cogitada pelo grande gestor Abad.

    • luiz

      Se mantidos Torres e Marcelo Teixeira no chamado Comitê de Gestão do Futebol, será mais um, dentre tantos, equívoco.

      Aliás, particularmente não concordo com a participação no Florida Cup. Começaremos mal o ano, que terá calendário apertado por conta da Copa do Mundo.

  • Bernardo Bastos

    A lista completa de dispensas da Ponte Preta: João Carlos, Nino Paraíba, MARLLON, Yago, Elton, Jadson, Artur, Fábio Ferreira, Wendel, Fernando Bob, Jean Patrick, Renato Cajá, Emerson Sheik, Léo Gamalho, Maranhão e Lucca. #trcentral

  • Davi Carvalho

    Alguém sabe se os 60 milhões que o fluminense tem a receber da globo é pra receber tudo nesse ano ou alguma parcela de 60 milhões???

    • Alexandre Said Delvaux

      Este ano o FLUMINENSE já recebeu da Globo aproximadamente R$ 83,5 milhões.

  • Valmir Carvalho da Silva

    Como estava em casa hoje, assisti o empate do sub 20 do Flu pela copa RS. Vou falar ao blog: essa geração não tem ninguém que se aproveite. O time é de uma pobreza técnica e física de dar pena. O tal de Mascarenhas , que fez duas partidas no profissional é horroroso, não à toa , mesmo tendo que usar em alguns jogos o também fraco Leo Pelé, o Abel não lançou mão dele. Bem, teremos um vácuo de jogadores com talento em Xerém. A não ser que se contrate também para o sub 20. A fonte está secando.

    • Rafael Pottes

      Tb vi o jogo…
      o time tecnicamente é bem fraco mas achei q melhorou bem em relação às atuações q havia visto anteriormente.. está mais organizado
      Mas d fato é bem fraco

  • Cesar Moreira

    Se o Scarpa for para um time que tenha um atacante veloz, ele vai botar o jogador na cara do gol dez vezes por jogo.
    Não jogou nada esse ano pq o ataque era estático. Dourado como o tradicional 9, WS bixado, Robinho nulo e Romarinho e Peu eu me recuso a comentar.
    Ele tinha que criar e finalizar as jogadas.
    Aí vão ceder o Scarpa e o Abel vai indicar 3 Romarinhos e Maranhões pra troca.

  • Ricardo Ferreira

    Alguém defende ou conhece algum mérito, alguma realização, alguma qualificação em Abel Braga para que se possa confiar a ele, ou ainda pugnar por sua participação no planejamento e nas decisões sobre a formação do nosso elenco do futebol profissional?

    Responda, ou cale-se para sempre…

    https://uploads.disquscdn.com/images/a80a4bb18d53e76ac460d9501705ad9e1ea8d508fb6c47601e5558076449c779.jpg

  • Alexandre Magno Barreto Berwan

    Fluminense de Munich@FluDeMunichOFC
    Há 12 horas
    Fluminense de Munich retweetou Explosão Tricolor
    Audiência em média:
    Flamengo 27
    Fluminense 22
    Cota:
    Flamengo 170 milhões
    Fluminense 60 milhões

    Uma VERGONHA isso!!!!!

    • Alexandre Said Delvaux

      Xará, um fator importante a ser considerado; ao FLUMINENSE sempre são reservados os piores horários, e ainda assim, o FLUMINENSE tem média de 22 pontos em um ano muito ruim para o futebol.
      Vale ressaltar que o critério de distribuição de cotas mudará a partir de 2019. Isso se o popular não resolver dar uma rasteira, por isto é preciso ficar atento. Uma boa conversa com Cruzeiro, Atlético, Internacional e Grêmio também será muito importante.
      Tudo isso é importante, mas um time decente, competitivo, compatível com a grandeza do FLUMINENSE, é fundamental.

      • Alexandre Magno Barreto Berwan

        É óbvio que essas cotas pagas a CRF e SCCP são o pagamento por alguma coisa, mormente os prováveis planos de espanholização (ou mexicanização, talvez ainda mais apropriado) da emissora.
        Será que tem a ver com o Clube dos Treze?

        • Alexandre Said Delvaux

          Eu não creio. Algumas pessoas acreditam que o objetivo é criar alguns supertimes para competir em grandes torneios mundiais. É mais fácil fazer isto com 2 ou três do que com 10 ou 12. Sempre achei que a ideia esbarraria na reação dos não agraciados e começou a acontecer. Em 2019 as coisas serão diferentes. Existe outro problema: os números não batem. No balancete de 2017 o FFC já contabilizou quase R$ 83,5 milhões de direitos televisivos, em 9 meses. Se os pagamentos forem proporcionais, o acumulado no ano será de ~R$ 111 milhões.

          • Fernando Ventura Jr.

            Você poderia esclarecer isso de os $60 milhões do Fluminense terem se tornado $83,5 milhões? Pensei que o clube tivesse adiantado cotas. Temos que recuperar posições no ranking para aumentar as nossas cotas a partir de 2019.

            Será que o clube não consegue um patrocinador de verdade?
            Não estou falando da CEF. A economia brasileira começa a apresentar melhoras. A crise política continua a atrapalhar a economia. Será que não dá para conseguir um parceiro que aproveite Xerém e ainda possa usar o CT e ajudar a concluí-lo?

          • Alexandre Said Delvaux

            Só tenho uma resposta: os números divulgados não estão corretos.

          • Rodrigo Baroni

            Acho que pelo campeonato carioca pagam mais 20 milhões.

            E pela 1a Liga pagaram mais outro valor, acho q 1 milhao… E talvez algo por mais outro campeonato…

      • Daniel Bastos

        pOIS É. tIVERAM A OPORTUNIDADE DE FECHAR COM O IE E NAO O FEZ. AGORA CHOREM.

        • Alexandre Said Delvaux

          Não tenho a sua certeza. Existe um forte boato de que o canal está de malas prontas para deixar o país.

          • Fernando Ventura Jr.

            O EI passou a cobrar para ser assistindo onStream. Será que está passando por dificuldades financeiras? Será que nos livramos de uma Viton ou Dry World?

  • Flavio Chammas

    Senhores

    Impressiona a mídia esportiva, NEGATIVAMENTE A CADA DIA MAIS.

    Sportv lançou um programa(????????) sobre mercado.

    Adivinhem quem foi focalizado primeiro?

    Pergunto e respondo: todos os melhore jogadores do Flu.

    Scarpa virou xepa de feira, até os padeiros querem.

    Henrique vai para os gambás , e a gente paga salário.

    HDourado tem mil propostas.

    Abel, segundo a mídia, vai trocar um por tres.

    Colocam palavras na boca de cada um à conveniência deles e a mídia dita flupress , repercute como eles querem, seguidos dos especialistas daqui e de outros sites.

    Engraçado que todo ano é a mesma coisa e o povo não aprende.

    Vai ser difícil aturar até o futebol voltar.

    • Fernando Ventura Jr.

      O clube não se pronuncia e deixa ser achincalhado por torcedores travestidos de jornalistas. O Peter quando era entrevista só faltava pedir desculpas pelo Fluminense existir.

      • Alexandre Said Delvaux

        A matéria-prima ajuda bastante.

  • Flavio Chammas

    SENHORES

    OFICIAL, PODEM CORNETAR:

    “Fluminense anuncia demissão de Alexandre Torres
    Clube divulgou dispensa através do site oficial”

    • Alexandre Said Delvaux

      “Fiz o combinado”. Talvez seja a explicação. Tem que fazer mais que o combinado.

    • andre fahr

      Só quando o Marcelo Teixeira cair que as mudanças começam.

  • Flavio Chammas

    SENHORES

    TEM ESPECIALISTA QUE NÃO VAI GOSTAR:

    “Abel diz ter recusado várias propostas e confirma permanência no Fluminense
    Técnico dirigirá a equipe tricolor em 2018

    Se Alexandre Torres foi demitido pelo Fluminense, Abel Braga está garantido para a próxima temporada.

    O treinador confirmou que segue no comando da equipe.

    Ele conta que recusou propostas de três clubes chineses e um brasileiro.

    – Desde que voltei, disse que queria chegar a ser o segundo treinador a dirigir por mais vezes o clube.

    E esse foi um dos motivos de não ter aceitado o convite de três clubes da China e de outros aqui do Brasil.

    Além disso, não gostaria de largar o Fluminense nesse momento difícil.

    Sem falar que tenho um ótimo relacionamento com o Pedro e o Cacá (vice-presidente).

    Todos sabem da enorme identificação que tenho com essas três cores.

    ‘E a votação do torcedor pela minha permanência, através de um site, me sensibilizou e me encheu de orgulho.

    Espero retribuir com um time que possa, da mesma forma, orgulhar o torcedor – disse Abel.”

    AINDA BEM.

    A BENÇÃO JOÃO DE DEUS

    • Fernando Ventura Jr.

      Na verdade, ele está sob contrato com o Fluminense. Se queisesse sair deveria pagar a multa. Os tais clubes não pagariam a tal multa e o clube, por fidalguia abriria mão dela como fez tantas vezes.

      O Abel está mais preocupado em bater recordes do que ser campeão.

      Para o ano começar bem, o Fluminense tinha que sair do torneio da Liga, não ir ao torneio de Orlando, fazer uma pré-temporada séria com os jogadores que ficam e mais os reforços, enquanto um time sub-alguma coisa jogava o primeiro turno do carioca.

      PS: Dos técnicos que começam no Brasil, boa parte cai ao não conquistar o torneio regional.

  • Alexandre Said Delvaux

    É mesmo? Então entra nessa de acusar sem provas, também. Vamos ver o que acontece. Você é “diretamente interessado” na “renúncia”? Caso seja, vale para você. Se não for, vá procurar sua turma, não perco meu tempo com você.

  • Fernando Ventura Jr.

    Henrique é bom e cresceu no fim da temporada. Foi seleção e, talvez, se o Felipão o tivesse usado no lugar do Thiago Silva em vez do Dante e invertendo o David Luíz talvez tivéssemos perdido de pouco da Alemanha.

    Todavia, para quem não tem dinheiro e tem muitas posições carentes: Henrique, Dourado, Orejuela, Wendel e Scarpa podem ser a chance de obter algum dinheiro ou jogadores bons para encorpar o elenco.

    Precisamos de goleiro, lateral direito, meia-armador(ou atacante) e centro-avante com as saídas destes e dos goleiros Cavalieri e J. César.

    goleiro
    lateral, Chaves, Reginaldo, Marlon
    Richard, Edson(?),
    Sonorza, meia,
    Matheus Alessandro, centro-avante

    Temos Wellington Silva, Calazans, Daniel(zinho), Felipe Amorim, Mascarenhas etc.

    Claro, precisamos de reservas também, mas o carioca não é parâmetro. Provavelmente teremos que nos reforçar ao longo da temporada e não podemos gastar tudo de início.

  • Claudio Souza

    Não sei se é boa ou ruim. A única ressalva que faço do período em que ele esteve à frente da gerência de futebol é ter ficado a maior parte do tempo longe dos holofotes, mas como não sabemos até hoje de quem seria essa responsabilidade em primeiro lugar, até esse meu reparo pode estar equivocado.

    A verdade é que atribuições de cada função no departamento de futebol não estavam claras para o público.

    ST

  • Valmir Carvalho da Silva

    Pois é, Claudio. Algum representante da diretoria deveria aparecer na midia e desmentir essa feira que parece existir com os melhores jogadores do Fluminense. Fica todo mundo achando que por duas mariolas e um monte de jogadores encostados pode levar atletas do gabarito de Dourado e Scarpa. Aliás, se a intenção é formar um time mais forte no próximo ano, o Flu não pode abrir mão desses dois nomes.

  • Rodrigo Baroni

    Marcello Teixeira atualmente entrega o que ao Flu, além do Samorim Eslováquia??????

    Juro que é uma pergunta, e não uma ironia.

    Pois realmente muita gente não sabe o que ele faz de fato de bom ao Flu, sendo funcionário dos bem remunerados.

  • Rafael tricolor

    Até que enfim uma boa notícia : Abel ficou !!! Só de pensar nos Fernandos Diniz, Ney Francos e Manchinis da vida já ficava preocupado em relação a próxima temporada. É a certeza que teremos um treinador cascudo, experiente e identificado com o Flu. De improvisação já basta a atual diretoria, chega de invenção ! O cara foi disputado por vários clubes da série A é só não presta para os “entendidos de plantão” ? Deixem o homem trabalhar. Se não fosse por ele, dando a cara a tapa e defendendo o clube, já que a cúpula passou o ano escondida, estaríamos na série B em 2018. Vida longa ao querido Abelão !

  • Rodrigo Baroni

    Podem liberar o Renato Chaves pra eles!!!!!!!!!!!!!!!!

  • Claudio Souza

    A partir de hoje, a tropa de choque do NotFlu para dar entrevistas contra a gestão quando as coisas estiverem perigando funcionar bem passa a ter a seguinte escalação : Dotô, Marcão, Sandrão e, agora, Torres (que segundo o Benito de Paula, é seu amigo pessoal). Esqueci alguém ?

    ST

    • Gilberto Cabral

      Jackson V.

    • Marcelo Teixeira

      Só discordo do Marcão. Normalmente aparece apoiando o Flu. Acho um cara de grande carater!

      St

    • André Pereira

      Bom mesmo é colocar o Veiga pra falar.
      Deixa os caras. Não quer ler, não entra pra dar audiência.
      Liberdade de imprensa é isso.
      Vcs querem controlar até quem pode e o que podem falar da calamitosa gestão atual.
      Surreal….
      Não dá pra enganar a todos por tanto tempo.

      • Claudio Souza

        Ninguém quer controlar nada. É minha opinião e pronto, tal como você tem a sua.

        Digo o mesmo: não quer ler meu comentário, barra de rolagem.

      • COSTA

        boa

  • Alexandre Said Delvaux

    Pois é, mesmo somando os valores dos contratos relativos aos diversos campeonatos da temporada, os números não batem. Isto significa que os profissionais da imprensa estão fazendo mal o seu papel de informar ou que é mais cômodo para eles fazer isto do que pesquisar.

  • Ricardo Ferreira

    https://uploads.disquscdn.com/images/d5c3bc33c3d0bda6111fcea874e4e06ac07b41016c24789c35408ba337b0bb1e.jpg

    E o biombo permanece.

    Nem eu nem nenhum Tricolor torcerá um milímetro a menos pelo Fluminense diante desta decisão.

    Mas é melancólico, desanimador se constatar que uma opção desta gravidade se justifique em bases, em argumentos tão medíocres.

    Nossa história exige mais coragem, mais altivez.

  • Alexandre Magno Barreto Berwan

    Querem castigar a Coisa Ruim e sua mamãe?
    Não deem audiência aos seus jogos.

  • vivianne

    Não sei de q maneira posso expressar minha felicidade com a saída do Alexandre “Lexotan” Torres, agora só falta o Marcelo”PowerPoint” Teixeira sair fora.
    Mas saindo o Torres já me dá uma esperança de dias melhores, porque demonstra q o presidente não ficou satisfeito com os resultados.

    • COSTA

      Esse é mais difícil cair

      • Fernando Ventura Jr.

        Ele tinha que voltar para Xerém.

  • Alexandre Said Delvaux

    Uma pergunta: não seria razoável esperar um período de transição, dadas as características do modelo de patrocínio? Outros clubes, em situações análogas, apresentaram desempenho muito pior. Além disto, o FLUMINENSE resolveu investir mais de R$ 40 milhões no CTPA e no CTVL. Este valor, se fosse aplicado em contrações estilo UNIMED, provavelmente teria mudado as estatísticas do período. O custo (de não investir, ou seja, de contratar jogadores) teria sido maior, apesar de agregar mais um troféu na galeria.
    O FLUMINENSE congelou ( em termos reais) a dívida, alongou seu perfil e pode fazer a inflexão em pouco tempo.

  • Eduardo Gorges

    Weverton com final de contrato em Maio, poderia vir de graça para o Brasileiro.

  • cydar60

    Celso Barros só tinha algum valor pelo dinheiro da Unimed que ele gastava muito mal,por sinal.
    O rebaixamento de 2013,do qual fomos salvos pela mulambada,deve-se exclusivamente a ele com a insistência absurda na saída do Abel e contratação do Luxa.
    Podemos dizer,sem nenhum medo de errar,que ganhamos os campeonatos de 2010 e 2012 apesar dele.
    Não investiu um mísero centavo na infraestrutura tricolor e só visava a exposição da marca Unimed com suas,muitas vezes,esdrúxulas contratações.
    Acho que não tem absolutamente nada para falar pois a sua voz só reverberava através da grana da Unimed.
    Realmente é “muita ingenuidade sua”.

    • Raphael Logrippo

      Cydar, discordo em parte. Muito se disse que o Celso faliu a Unimed. Mentira, não faliu nada. Pelo contrário, a Unimed continua sendo o plano de saúde de praticamente 100% do funcionalismo público. Continua com sua sede própria em local hipervalorizado. E continua líder no mercado. A “intervenção” da ANS deu apenas a oportuna propaganda negativa para interromper qualquer chance de prosseguimento ou retomada do patrocínio.
      Penso, também, que nenhum patrocinador deve investir em infraestrutura do clube (posso estar errado), assim como penso que nenhum inquilino deve ser autorizado a aumentar a área útil de um imóvel alugado, porque isso leva, insofismavelmente, à confusão patrimonial num futuro próximo e gera sempre um “olhar transverso” de suspeita de alguma coisa, como aconteceu com o Pedro Antônio.
      Acho, também, que visar à exposição da marca UNIMED, com qualquer tipo de contratação esdrúxula, era opção que tinha que ser feita, realmente, pelo Celso, já que “as forças exteriores” sempre estiveram manobrando para retirá-lo do comando do patrocinador e, com isso, interromper o fluxo de dinheiro que abastecia o FLU. Quem ainda lê jornal, como eu, notou e nota, claramente, a diferença de espaço e profissionais dedicados ao Fluminense antes e depois da Unimed. E isso, pode não parecer, também vai enfraquecendo a marca.
      Agora, o vacilo total foi, como sempre, da nossa diretoria, que ficou assistindo em brancas nuvens o tempo passar e não aproveitou o momento nem para investir em infraestrutura, nem para investir em jogadores próprios, de contratação independente. Montou nas costas do patrocinador e fim. É uma opção, mas paga-se um preço por ela e a conta chegou.
      Sendo assim, eu penso, posso estar errado de novo, claro, que o Celso Barros tem muito conhecimento de mercado, tem relacionamento com muitos empresários e pode, de fato, trazer pessoas que queiram investir e levantar a marca Flu novamente. Centenas de empresas, com certeza, estiveram negociando planos de saúde e formas de pagamento diretamente com ele. Quantos à guisa de obter melhores preços não comentavam sobre o Flu? Quantos não se declararam igualmente tricolores?
      Quem é antigo de blog sabe muito bem quantos companheiros vinham aqui dizer que era só dar um pé no traseiro da Unimed que choveriam patrocinadores. Ditavam todas as regras que o clube deveria impor. A realidade demonstrou que não é bem assim. Não vejo nenhum deles por aqui hoje, pelo menos não com o mesmo nick.
      Cabe, por outro lado, à diretoria, filtrar, controlar, liderar, organizar e direcionar a congregação dos grandes tricolores; sem rancor e sem paixão, já que hoje futebol é exclusivamente negócio. Se todos que fizerem oposição forem relegados à lista “inimigos”, o que vai acontecer é que ninguém sairá ganhando. A vitória, penso eu, deve ser usada para trazer e na medida do possível controlar e usar a favor da situação. Mario Bittencourt, por exemplo, é excelente advogado. Perdeu. E daí todos os erros dele? Se pudermos usá-lo em prol do clube e ele quiser, nos serve, desde que consigamos traçar as “metas de não influência maligna”, de “não autofagia”. Não dá? Tudo bem. Mas descartar por descartar, penso que é um erro. Negócio não se confunde com Paixão, com Romantismo etc. Negócio é Realismo puro.
      Não sei quanto aos demais colegas de blog, porém, eu penso que o mais vergonhoso para o clube é ter vários empregados vindo a público para cobrar pagamento, como se estivessem num clube pequeno. Vejo muita gente aqui cobrando do Abel, cobrando de jogador etc. Só pode cobrar que cumpre sua parte no trato. Pagou em dia, cobra. Não pagou, pode cobrar também, mas não vai adiantar nada. Hoje futebol é dinheiro, esse negócio de beijar camisa é pura firula.
      ST.

  • cydar60

    Desses 8 jogos empatamos 6 e fomos miseravelmente roubados em três.
    Ser realista seria mais honesto!

    • Marcia Conrado

      6 + 3 = 9

      • cydar60

        2 derrotas e um empate roubados.
        2+1=3.
        Os outros 5 empates foram sem roubo.
        Entendeu ou quer que desenhe?

  • cydar60

    Nessa época de férias os assuntos rareiam mas os jornalistas ainda são obrigados a escrever suas colunas e blogs.
    Daí essa verdadeira insana criação de factóides para preencher as laudas que vão justificar seus salarios.
    Devem inclusive divulgar informações saídas da boca de empresários que tentam empurrar seus contratados.
    E o Scarpa ,como é um bom jogador, vai ser alvo de muitas especulações.
    Ainda mais se sabendo da nossa fragilidade financeira.
    O negócio é relaxar e gozar!
    ST

  • Eduardo Gorges

    Cadê a alma que o Abel prometeu que o time teria?

    • Gilberto Cabral

      Teve no início, depois o time morreu e a alma subiu (ou desceu, sei lá, quase chegamos no Inferno)!

    • Alexandre Vianna

      Alma não teve… mas teve espírito….. DE PORCO com a falta de vontade do time jogar.

  • COSTA

    Para fazer o trabalho horrível que vêm sendo feito nas divisões de base com.orssimos resultados e muito poucas revelacoes devqualidafe, creio que devemos procurar outros que entendam mais do assunto de revelar jogadores, de repente alguém que aprenda com o Santos

  • Marcelo Teixeira

    Abad se aproximando cada vez mais do Peter nas entrevistas e declarações: ” Abel fica porque tem um carater ímpar, uma identificação enorme vom o clube e pq as pesquisas (netflu) mostraram que a torcida quer que ele fique”.

    Eu realmente gosto do Abel como carater e como pessoa. Realmente é um cara ímpar. Grande tricolor. A pesquisa do netflu é tão fajuta, que a mesma pessoa vota quantas vezes quiser. Basta ver que na eleição o Mario ganhou disparado no netflu. Bom…o Netflu serve pra umas coisas, mas pra outra nao serve. Eu frequento maracanã desde meus 5 anos de idade. Um monte de amigos tricolores. 80% nao queria ele de novo. Na arquibancada se via isso tb. Que pesem todos os problemas, o trabalho do Abel foi muito ruim. Muito. Muito dos que querem que ele fique, é muito mais por medo de quem posssa vir pro lugar. Confesso, que tambem prefiro ele do que a maioria dos nomes especulados. O fato de conhecer bem o grupo pode ajudar sim. Só acho que estao profissionalizando o clube num todo, mas justamente o futebol que é a razão da nossa existencia esta com dificuldades pra isso. A avaliação do Abel nao pode ser pelo carater e por ser tricolor. Acho que isso conta sim, mas nao e o principal.

    Temos que avaliar o trabalho de campo. Sabem quantos treinos o Carrile fechou durante o ano? Nenhum. Qualquer um vai la ver o trabalho dele. E foi campeao brasileiro e paulista. Entao, o problema é tecnico. Não é de carater ou ser tricolor. Nossa defesa é bizarra. E não dá pra culpar os jogadores só. Tem que treinar corretamente. Abre o treino pra vermos o que esta sendo treinado. Reginaldo ser preterido por renato chaves é outra piada gigante. Se o Gum ficar, o renato chaves nao tem vaga nem no banco.

    Bom…estarei na arquibancada torcendo muito em 2018 de novo. Que tudo dê certo. Concordo com o Abad quando diz que alguns jogafores estarão melhores. Os da base e jovens. Calazans, reginaldo, luiz fernando, m alessandro, marlon, frazan, etc.

    Mas começarei o ano preocupado com esse carioca me engana que eu gosto que talvez so sirva pra atrasar mais o ano.

    Queria muito o Abel no lugar do Torres. Pra mim seria o cara perfeito.

    Que encontremos em 2018 esse profissionalismo tambem no futebol.

    St

  • Flavio Chammas

    Senhores

    Como de praxe, o que sai ou foi demitido, sai atirando para todo lado.

    Não seria diferente o Torres, e só como curiosidade, NÃO ME LEMBRO DE NENHUMA ENTREVISTA DELE FALANDO DO SEU TRABALHO.

    Porque não falou durante ?

    • Claudio Souza

      Agora, o Benito de Paula do Notflu, que se diz amigo íntimo de Torres, está vendendo uma imagem de injustiçado do ex-Gerente de Futebol. Segundo ele, Torres e Abel eram sempre voto vencido no tal comitê, dominado por Abad, Veiga e Teixeira.

      O que não bate é que, apesar desse suposto isolamento de Abel e Torres, Abel tenha resolvido continuar, dizendo ainda que tem um ótimo relacionamento com Abad. Parece mais uma daquelas fofocas maldosas típicas do Notflu.

      ST

  • Alexandre Said Delvaux

    João, acho que a situação descrita por você causa mais problemas de ordem física do que de ordem financeira, embora seja inegável que os gastos com deslocamentos sejam grandes.
    A sua análise leva a um debate interessante, na minha opinião:
    O modelo antigo de competições valorizava os torneios estaduais. A pergunta é: – Seria melhor valorizar os torneios regionalizados , especialmente os estaduais?Por que o modelo no Brasil tem que ser igual ao europeu? Qual o interesse da Rede Globo de Televisão ao se meter na organização do futebol brasileiro da maneira como ela faz? A estrutura “cartorial”, no sentido dado pelo Jaguaribe, do futebol brasileiro é prejudicial aos Clubes?

    Debate que pode ou deve ser acompanhado de um chopp.

    Sds Tricolores

  • Davi Carvalho

    Autuori???
    Sinceramente, não gostei.
    Identificação zero com o clube, mas espero que dê certo.

    • junior tricolor

      amigo,mais vale experiencia,seriedade e dedicaçao doque identificaçao,vide torres e marcao…

  • Marcia Conrado

    Médio nao, pequeno…

  • junior tricolor

    gostei do paulo autuori para gerente de futebol,um cara serio,que intende de futebol e de personalidade forte,porem gostaria de saber as atribuiçoes dadas a ele,espero que seja superior ao abel e que tenha reunioes trimestralmente para analisar os resultados taticos e desemprenho de jogadores e cobrar muito.so assim eu acredito que va mudar algo… eu sendo abad trancava o abel e o autuori numa sala e mostrava pra eles o jogo do indepiendente e flamengo,diria ao paulo que queremos algo proximo disso e diria ao abel que estamos muito longe disso,garra,vontade de ser campeao,versatilidade,transiçao do ataque para defesa com pouco toques na bola,velocidade,preparo fisico e intensidade ( eles so diminuiran o ritimo aos 38 do segundo tempo) todo o tempo ian 2 homens na bola ate a cabeça botaran no pe do atacante do flamengo evitando o arremate. tudo isso com um time custando 1/4 do nosso,sinceramente onten olhando o indepiendente jogar fiquei muito triste e invergonhado.. saudaçoes tricolores

  • COSTA

    Foi campeão do BR sub 20 em 2015, já se passaram 02 anos, foi a ultima boa geração a de 1996, de lá para ca os resultados são péssimos.
    Realmente tivemos Kennedy, Gerson, Marlon vendido a preço de banana , e só, eu não acho muito para o que dizem que se gasta com a divisão de base, outros clubes no Brasil tem muito mais sucesso do que o FLU.
    Alias na gestão Fischel o FLU revelou muito mais jogadores e de qualidade muito superior aos atuais revelados em Xerem (Roger, C. Alberto, Marcelo, etc…), e talvez o gasto tenha sido menor.
    Outro dado nas seleções de base do ano de 2017 sub 20, sub 17, sub 15, só tivemos um misero jogador convocado para a seleção sub 15, enquanto todos os rivais do Brasil tiveram varios jogadores convocados..
    Se voce acha que o trabalho lá é bom, respeito sua opinião, eu não acho pelos motivos citados acima, e depois ainda vão para o Samorin, que é outro projeto que eu acho, para falar o minimo estranho, alguns jogadores altamente duvidosos de Xerem, quem faz esta seleção, qualm ´-em o custo beneficio desse projeto eu ainda não vi , mas torço para que apareça algum Messi nesse projeto

  • COSTA

    De acordo não entendo essa aversão a UNIMED

  • André Pereira

    Ganhamos com o Simone.
    Desde que Teixeira assumiu, é só fiasco e captações bastante questionáveis.
    Esse cara não cair é muito esquisito!!

  • André Pereira

    Não…. Deixa como está.
    Tem gente em casa e certamente sabem o que estão fazendo.

  • Alexandre Vianna

    Digo o mesmo.

  • Fernando Ventura Jr.

    Não tem clube que aguente ter tantos jogadores ganhando fora da realidade. Tem outra. Quando mais você ganha, menos você vai se esforçar porque já está na zona do conforto e correr o risco de se contundir e o seu contrato ser rompido não vale a pena.

    • cydar60

      Tudo isso é herança da Unimed.

      • COSTA

        Herança do pinoquio

  • Fernando Ventura Jr.

    E os “professores” se defendem mutuamente para que não haja uma invasão de gringos.

  • Valmir Carvalho da Silva

    Ou falta de humildade e reconhecimento de vocês??? Eis a questão.