Seja sócio-proprietário! Restam poucos títulos

socio-foto

Uma coisa que pouca gente sabe é que o número de títulos de sócio-proprietário é finito em todos os clubes. E no Fluminense não é diferente.

Você sabe o que diz o Estatuto?

Art. 80 – Será Sócio Proprietário quem, possuindo um ou mais Títulos de Propriedade do Clube, receber despacho favorável no processo de admissão a essa classe de Sócios.

Art. 83 – A quantidade de Títulos de Propriedade e seu respectivo valor serão fixados pelo Conselho Deliberativo, por proposta do Conselho Diretor.

No Fluminense, a quantidade de Títulos descrita no artigo 83 foi definida em 5000 unidades (cinco mil), e atualmente faltam menos de 500 ainda à venda.

Ao contrário do sócio contribuinte, o Título de Propriedade é considerado um bem familiar passível de ser declarado no Imposto de Renda, pois são estes os reais donos do patrimônio do Fluminense. O Título de Propriedade também pode ser repassado a herdeiros, ou vendido a terceiros.

Art. 82 – Os Títulos de Propriedade emitidos pelo FLUMINENSE serão numerados, nominativos, pagos em moeda corrente e transferíveis por atos inter vivos ou causa mortis, respeitadas as restrições deste Estatuto.

Art. 88 – A transferência de Títulos de Propriedade estará sujeita ao pagamento da taxa fixada pelo Conselho Deliberativo, por proposta do Conselho Diretor.

§ 1º – Na transferência entre ascendentes e descendentes, o valor da taxa será reduzido de 50% (cinquenta por cento).

§ 3º – Na transferência causa mortis, o herdeiro necessário ou o cônjuge sobrevivente, uma vez aceito como Sócio, ficará isento do pagamento da taxa de transferência.

Também é importante saber que o sócio-proprietário paga uma mensalidade referente a 50% do valor cobrado ao sócio contribuinte, ou seja, no longo prazo o investimento na aquisição do título de sócio-proprietário se paga sozinho através dos descontos mensais nas mensalidades.

Art. 86 – Os Sócios Proprietários pagarão ao Clube, mensalmente, uma taxa de manutenção que corresponderá, a 50% (cinquenta por cento) do valor da mensalidade fixada para os Sócios Contribuintes Efetivos.

Atualmente é possível ingressar como sócio-proprietário sem qualquer burocracia, através da internet. Também é possível fazer a aquisição presencialmente na secretaria do clube.

Art. 84 – Os Títulos de Propriedade poderão ser pagos à vista ou em prestações mensais sucessivas, fixadas pelo Conselho Diretor.

O valor do investimento é R$ 6.772,97, podendo ser parcelado em até 5 vezes, a critério do comprador. No caso de pagamento à vista, o valor cai para R$ 5.737,37.

Venha ser um dos proprietários do Fluminense, restam poucas oportunidades. Divulgue!

  • Jorge Coutinho

    Meu primeiro pagamento depois de formado foi adquirir a joia.
    Encorajo a quem possa fazer.
    Excelente post.
    Seja Socio!

  • Danilo Soares Félix

    Sou sócio-proprietário, entrei em 1999. Lembro que comprei o título por R$ 1.000 reais, e hoje vale mais de 6 mil.

    Eu acho que a melhor parte é pagar a mensalidade com 50% de desconto. Ou seja, ao longo do tempo o título se paga em relação a entrar como sócio contribuinte, e você ainda fica com um bem patrimonial.

    • Claudio Rodrigues

      Pena você não poder vender ou passar pro seu filho(a).
      Minha mãe não conseguiu…
      Saudações Tricolores.

      • Danilo Soares Félix

        Claro que pode. Leia os itens do post. São artigos do Estatuto.

        • Claudio Rodrigues

          Obrigado Danilo.
          Saudações Tricolores.

  • Luciano Pimenta

    Adquiri meu título em 2006 e não me arrependo.
    À época paguei R$ 4.000,00 e hoje com a valorização do título e 50% de desconto no valor da mensalidade ele já se pagou a tempos.

  • Sergio Binda

    Sem dúvida teremos de nos desfazer de um ou dois jogadores no meio do ano. Tomara que seja somente um e preferiria que fosse o Douglas.

    ST

    • Sylvio Montenegro

      Sergio, espero que não. Prefiro o seguinte:

      1. Continuidade da política de enxugamento da folha, como foi feito recentemente com Danilinho;

      2. Patrocínio master;

      3. Boas campanhas e conquista de títulos, que levem ao:
      – aumento do número de sócios;
      – incremento da venda de produtos oficiais;
      – aumento da receita com premiações e TV;
      – aumento da receita de bilheteria.

      Podemos tentar vender Osvaldo, Marquinhos, Maranhão, M. Junior etc.

      O chamado retorno técnico também traz retorno financeiro. Depois de conquistar uns títulos e ver crescer a receita, podemos pensar em vender um ou outro jogador para reinvestir no futebol.

      • Fernando Ventura Jr.

        Premiação com os títulos da primeira liga, da taça Rio e do carioca também.
        PS: Será que não tem nenhuma empresa que queria se aproveitar do bom momento do clube para ganhar visibilidade? Um banco como Itaú ou Bradesco para rivalizar com a Caixa no futebol.

        • Sylvio Montenegro

          Salvo engano, o pessoal do Bradesco é tricolor.

      • Sergio Binda

        Silvio,

        Sem dúvida sua opção é melhor, entretanto, pela ordem de grandeza do buraco que temos no orçamento, comprovado pelo atraso nos direitos de imagem dos jogadores, receio que teremos de seguir fazendo o que você recomenda + a venda de um jogador de Xerém com bom valor de mercado.

        Dos atletas que você menciona como potencial de venda, imagino que tenhamos chances de arrecadar algo com o Marco Junior e com o Maranhão, mas serão valores relativamente baixos. Osvaldo, Marquinho e Gum, desafortunadamente, receio que teremos de comer com farinha até o final dos respectivos contratos.

        ST

        • Sylvio Montenegro

          Sergio,

          o meu receio é nos desfazermos de bons e jovens valores e enfraquecermos o time a ponto de não conseguirmos efetivar as opções que levantei, por conta de insucessos nos gramados.

          Não sei se é possível, mas se pudermos segurar um pouco as vendas para investir na formação de um bom time e na conquista de títulos, poderemos ter muito mais retorno posteriormente, inclusive com a maior valorização dos nossos atletas. Como o Santos fez com o Neymar.

          Se fosse decidir, eu preferiria apostar nisso. Tentaria sair do círculo vicioso de revelar e vender precocemente nossos atletas por um preço baixo para fazer caixa. Vide os casos do Marcelo, Fabinho, Thiago Silva, os gêmeos e até mesmo o próprio W.Silva.

          • Waldomiro J. Silva Filho

            Amigos, meu grande receio é que a crise no futebol seja algo estrutural e, de certo modo, intencional: os campeonatos deviam, os times se atolam em dívidas, mas continuamos PRODUZINDO craques que são, na verdade, simples mercadoria na mão de grupos de empresários que ficam cada vez mais ricos.

            É uma mina de ouro: temos centenas de jovens talentos (em geral, saídos de famílias mais pobres) que são preparados e formados em times como o Fluminense; esse meninos são aliciados aos 10, 12, 14 anos por empresários (que prometem um dinheiro que suas famílias nunca viram antes); os times lançam os meninos com 17, 18 anos nos seus elencos principais; e depois de dois anos são vendidos (vendidos como sapatos, carros, carne) para o mercado externo.

            É uma linha de produção.

            Eu não sei qual seria a solução, mas estou convencido de que s abutres saem lucrando.

      • Valmir Carvalho da Silva

        Onde assino, Silvio?

    • Fernando Ventura Jr.

      Não podemos negociar uma prioridade de compra como fizemos com o Gerson? Ainda podemos oferecer a possibilidade do jogador fazer um estágio no Flu Samorim. Geralmente um clube estrangeiro contrata um jogador brasileiro e o coloca em um time B ou o empresta para outro time para que ele ganhe maturidade profissional e perca os vícios brasileiros. Nós temos um local de transição na Europa.

  • Danilo Soares Félix

    Boa pergunta.

    Tanto o SP quanto o SC podem aderir ao Pacote Futebol, uma taxa adicional de R$ 15,00 mensais que permite desconto de 100% nos ingressos dos jogos do Flu como mandante. Basta solicitar no momento da adesão.

    Do ponto de vista dos dependentes, se não houver interesse no uso da sede social, eu considero sempre melhor torná-los sócio-futebol, que tem plano a partir de R$ 35,00 mensais, com direito a 50% de desconto nos jogos.

    Em breve teremos a volta do plano SF 100%, que é mais caro, mas tem desconto de 100% nos jogos. Segundo o Marketing, esse plano foi tirado do ar por conta do problema de indefinição de estádio para a temporada pois dependendo se vai ser Edson Passos ou Maracanã, a precificação tem que ser diferente. Mas nada impede de entrar como SF 50% agora e depois fazer um upgrade.

    Lembro que SF tem direito a voto a partir de 16 anos.
    Já dependentes não votam.

    • Carvalho

      Obrigado pela resposta.

      S.T.
      Vence o Fluminense.

  • Fabio DB

    Isso a Flapress não publica ….

    “No orçamento para 2017, aprovado no último dia 15 de dezembro, o Flamengo prevê captação total de R$ 50 milhões de empréstimos……..”.

    http://colunadoflamengo.com/2016/12/fla-vota-emprestimo-de-r-15-milhoes-para-fluxo-de-caixa-e-salarios-em-janeiro/

    ———————

    NOSSA PRIORIDADE DEVE SER A REDUÇÃO IMEDIATA DA FOLHA SALARIAL.
    E NÃO A VENDA DE JOGADORES.

    Não podemos continuar gastando UMA FÁBULA com jogadores dispensáveis e estando em grave situação financeira.

    METADE (OU MAIS) DO CUSTO DO ELENCO É COM O SALÁRIO DE UM PEQUENO NÚMERO DE ATLETAS (Cavalliere, Marquinho, Gum, Oswaldo, Henrique Dourado e Henrique zagueiro). TODOS eles substituíveis. Apenas 2 titulares (com reservas pedindo passagem).

    ST

    • Claudio Souza

      O problema é que há contratos em vigor que não podem ser rompidos unilateralmente. Acho que, desses aí, pelo que jogam, se poderia tentar uma revisão dos salários para a realidade do clube e do mercado : Cavalieri e Henrique.
      Já os demais, eu não escalaria mais, mas não estou lá dentro pra saber se isso seria uma boa alternativa.

      ST

  • WagnerTijuca

    Amigos,
    Espero que o meu comentário não seja esquecido pela moderação como já aconteceu diversas vezes.
    Não esqueçam de mim.
    O Fluminense amanhã contra o Madureira certamente entrará com um time RESERVA , mas quando escrevo que contusões podem acontecer mesmo num treinamento , eu estou certo.
    Hoje o nosso meio campo equatoriano SORNOZA teve uma ligeira entorse no tornozelo , prova que não se precisa estar jogando para ter contusões.
    Eu sei de todas as dificuldades financeiras do Fluminense , mas como podemos ver claramente o Fluminense não tem peças de reposição para o meio campo , pois com a contusão do SCARPA , do DOUGLAS e do PIERRE , e com o equatoriano OREJUELA na seleção do Equador vir com MARQUINHO e LUIZ FERNANDO é dose para MAMUTE.
    Em tempo : O MARGINAL que contundiu o SCARPA numa entrada criminosa estará normalmente em campo amanhã.
    Isso é um absurdo.
    St.

    • Claudio Souza

      Queria saber que clube brasileiro, se perder 3 ou 4 jogadores titulares do meio-campo, consegue colocar em campo substitutos que mantenham o rendimento do time em termos aceitáveis. Talvez, só o milionário Palmeiras, mesmo assim, tenho minhas dúvidas.

      ST

  • luiz

    Off
    Está sendo noticiado que o Wendel está suspenso. Não entendi. Ele tinha 2 cartões e não recebeu amarelo contra o Macaé! ?

  • Filipe
  • Igor Carvalho

    Cade os ingressos da sulamericana?????

    O Flu está precisando de receita. Essa bilheteria vai estourar!!!! Bora diretoria!!!!

  • João Tricolor

    Não entendo das finanças do Fluminense, mas me parece ser muito difícil, hoje em dia, conseguir bom patrocínio e vender jogadores médios. Restaria a torcida, que levaria dinheiro ao clube sendo sócio, comprando produtos de marca (basicamente camisas) e, principalmente, indo aos jogos. Ora, o Fluminense está pagando para jogar, pois os custos são altos e o público, mínimo. Também me parece (nunca pude ler estudos a respeito) que todos esses elementos estão articulados: ir aos jogos/comprar camisas/ser sócio para ter desconto no ingresso. Este ano temos um bom time, mas a torcida parece estar derrotada pela localização dos estádios disponíveis e os horários dos jogos (tudo isso num contexto de violência urbana). E vale notar que nem o Engenhão consegue atrair públicos que correspondam aos jogos (isso vale para todos os clubes). Como o Maracanã é um grande mistério, o Fluminense talvez precise decretar um “estado de emergência” diante de uma situação perigosa. Afinal, essa situação vale também para o Brasileirão, Copa do Brasil e Sul-Americana: se nada mudar, vamos pagar para jogar em casa. ST

  • cydar60

    Vendo a situação financeira apertada pela qual vem passando o FLUZÃO estive fazendo uma reflexão com meus “botões” e passo a descrever o que se passou pela minha cabeça:
    Será que dá para imaginar a quantidade de bons jogadores e,consequentemente,da boa grana que perdemos durante o advento do patrocínio da Unimed cujo mentor(CB) dava prioridade à contratação de medalhões,em fim de carreira,em detrimento de várias promessas que se perderam por falta de oportunidades?
    É só ver a quantidade de bons valores que agora estão surgindo com a inversão da política de contratações.
    Se bem que o CTVL,na época do CB,era uma pocilga ordinária com precárias instalações já que o patrocinador não investia um mísero centavo em infraestrutura pois dava total preferência à propaganda da marca unimed.
    Foi só depois que o Peter apareceu é que Xerém recebeu investimentos para se transformar no centro de referência que é hoje.
    E ainda temos “tricolores”( eu conheço um) que votaram no sujeitinho nas últimas eleições.
    ST

    • Claudio Souza

      Concordo, só que, ao meu ver, a culpa não era do patrocinador, mas da administração do Flu que não investiu em Xerém.

      ST

      • cydar60

        Quem é que tinha a grana?
        O CB,durante os quinze anos do patrocínio,não ajudou o clube em nada.
        Só pensava na projeção da marca unimed.

        ST

  • Paulo Cavalheiro – Santos – SP

    E teve tricolor ‘indicando’ este rapaz .

    ‘ Vinicius diz ter sofrido ameaça e faz queixa contra dirigentes do Atlético-PR.
    Meia do Atlético-PR acusa de ser coagido durante reunião para definir seu futuro. Ele foi à delegacia e registrou ocorrência. Jogador está treinando em separado .’

  • Valmir Carvalho da Silva

    Continuo aguardando ansiosamente a confirmação da estréia do Flu na Sul Americana para o Maracanã.

  • Pedro Henrique
  • Pedro Henrique

    Em que mundo está a diretoria para cobrar esse preço no Fla-Flu?
    http://www.netflu.com.br/fla-flu-compra-de-ingresssos-confunde-tricolores-mas-roni-garante-remanejar-torcida/
    115 a meia entrada?
    Querem o estádio com 100% de mulambos?
    Temos muita torcida no Espírito Santo, mas não de milionários.

    • Alexandre Said Delvaux

      Os mulambos estão cheios da grana…

      • Pedro Henrique

        Nem tanto proporcionalmente entre eles, mas, como são muitos, vindo inclusive de cidades próximas, acaba tendo 15, 20 mil que conseguem pagar esses preços.

  • Bruno Daumas

    Sou sócio futebol. Penso em ingressar como SP ou SC, mas acho q o Flu deveria ter um plano para acesso a sede social com a família para no máximo 5…10 vezes ao ano. Isso estimulados as pessoas que moram no interior do Estado ou outros Estados e que apenas raramente vão ao Rio com família ecom tempo para frequentar a sede em um fim de semana. Acho que falta isso, para aumentar o número de sócios, fidelizando a torcida e angariando novos torcedores. Seria ótimo poder programar algumas vezes por ano ir com família frequentar Laranjeiras com almoço, sala de troféus, piscina e comprar souveniers na loja do FLU. Melhor ainda é reformar Laranjeiras para 15 a 20 mil pessoas. Voltar a ter jogos no berço do futebol brasileiro é resgatar a história e a grandeza do Fluminense.

    • Danilo Soares Félix

      Bruno, não precisa de plano pra isso. Assim como qualquer clube, o Flu oferece a modalidade convite (day use). Se vc for SP ou SC, pode chegar na portaria com um ou vários amigos ou parentes e pagar o convite de convidados para 1 dia. Todos podem frequentar a piscina e demais dependências da sede neste dia. Se não me engano custa R$ 30,00 por pessoa.

  • Alexandre Magno Barreto Berwan
    • Alexandre Magno Barreto Berwan

      1- O apito infeliz dele em qualquer jogo pode mudar a história de um campeonato, a favor ou contra.
      2- Numa partida decisiva geralmente é contra nós. Azarado, claro!

  • Jorge Eduardo

    Apesar do horário, do juiz e dos desfalques, hoje temos que ganhar do Madureira para continuarmos com chances de chegar em 1st e consolidar nossa campanha.

    Seria também uma oportunidade de ouro para mostrar a FERJ, Euricu e Rede Globo, que não adianta tentar nos prejudicar e que iremos buscar esse título.

    Agora, o Abad deveria se reunir com a Globo e a FERJ e cobrar um tratamento imparcial na hora de escolher os horários e os locais de jogo. Esses horários alternativos é para tentar depreciar a nossa torcida e nos jogar para uma posição inferior ao Bosta no tamanho de torcida, prejudicando inclusive no quesito patrocínio, pois estamos atrás de todos os grandes em média de público.

  • Jorge Eduardo

    Com Flarcelo de Lima fica difícil ganhar qq partida, só vi o segundo tempo, nossa defesa bobeou nos 2 gols deles, um deles totalmente impedido.

    Gostaria que a nossa diretoria se livrasse de alguns jogadores de salários altos e pouco futebol e que não quase não contribuem para o bom momento do nosso time.

  • Flavio Chammas

    Senhores

    Analisando o plantel;

    Julio Cesar é para compor , mas não vai passar disto.

    Nogueira é fraco tecnicamente, e não se posiciona bem. Não tem qualquer iniciativa com a bola dominada. Deveria ser emprestado para crescer como jogador.

    Luis Fernando, também merece um empréstimo, para poder jogar mais. É fraco tecnicamente, não dá passe para frente para evitar errar.

    Ele e Nogueira precisam de jogar bastante para ver se seguem.

    Marquinho, Maranhão e MJunior, são isto mesmo, ou jogam muito ou nada, e ultimamente só nada.

    O juizinho consegue complicar um jogo desse, junto com os bandeiras, todos muito fracos.

    • Jorge Eduardo

      Concordo e sobre o JC, não é nada pessoal, mas acho que existem vários goleiros melhores para compor elenco, inclusive esse goleiro do Madureira e o Kléver que foi dispensado.

  • Fabio DB

    O time jogou mais relaxado e a garotada queria aparecer bastante. Faz parte. Perdemos uns 3 gols feitos. E outros vários.
    Placar moral: Flu 5 x 2.

    Sornoza é fera. Léo Pelé jogou muito bem… foi um jogo treino.

    ST

    • cydar60

      Sornoza não é fera.É muito fera!
      Aquele passe de tres dedos para o gol do Nogueira foi antológico.
      ST

  • Alexandre Magno Barreto Berwan

    Histórico Fut Melhor‏ @HistFutMelhor 7 hHá 7 horas
    Mais
    Torcedômetro 29/03/17 13h

    9. SPT 43990
    10. FLU 34142
    11. CHA 28937
    12. SAN 27858
    13. BOT 26877
    14. CFC 21327
    15. PON 19320
    16. REM 16988

    • Pedro Henrique

      Inaceitável um time de torcida nacional como o Flu ficar atrás do Sport.

  • Alexandre Said Delvaux

    Video espetacular e emocionante: Eu tenho amor ao Tricolor!

  • Sergio Binda

    Perdemos gols demais!!!

    ST

  • vivianne

    Taça rio inútil, so serve para duas coisas:
    Desgastar a equipe titular, já q jogamos sempre com alta rotação.
    Comprovar o q já sabiamos, se quisermos chegar mais longe na temporada precisamos de:
    1 zagueiro pra ser titular
    1 primeiro volante q saiba marcar
    1 meia pra ser reserva do sornoza e do scarpa
    1 centro avante, o Pedro é muito bom, mais muito verde para ser titular absoluto.

  • Pedro Henrique

    Exato. Eu pensava que, no começo do ano, já estaríamos com patrocínio.

  • Pedro Henrique

    Robert é outro exemplo. Uma pena. Poderia nos ajudar muito.

  • Pedro Henrique

    Concordo, mas, se o Vinícius tivesse juízo, seria uma boa. É barato.

  • luiz

    Off
    Time todo reserva Domingo. ..
    E a imagem, o que fica para a história se tomar um sacode, o q deve acontecer se eles vierem completos…

    • Fabio DB

      Se for verdade, deve ter havido um acordo entre os clubes. Reservas x reservas.
      ST

  • Fabio DB

    Boa alternativa se não for possível a liberação…. mas creio ser viável liberar pagando parte dos salários… vale a pena e o clube não tem muita escolha.

    Se não fizer isso vai ter que queimar recursos raros como um scarpa e um sornoza.. quem sabe ate 3 jogadores pelo orçamento visto… muito negativo… ou não conseguirá segurar propostas indesejadas mas com salário alto.

    ST

  • Ricardo Ferreira

    Vamos levar gols de todo mundo?

    Em todos os jogos? Independente da qualidade do adversário?

    São advertências, lições preciosas. Na hora certa.

    Imprudência não aproveitar.

  • Alexandre Magno Barreto Berwan
  • Ricardo Ferreira

    Como se sabe o Fla x Flu é tido e havido como o maior clássico do futebol brasileiro.
    O que possui mais peso histórico, com projeção nacional e internacional.
    É uma instituição, uma marca consagrada.

    Portanto todo e qualquer triunfo nestes emocionantes confrontos é revestido de relevância estratégica, oportunidade única, ímpar de reafirmar nossa marca, nossas cores.

    A transmissão em TV aberta, para todo o país, a meu juízo, aumenta a RESPONSABILIDADE da nossa direção, no sentido de resguardar nossa gloriosa história.

    Objetivos permanentes, valores, cultura, NÃO devem, NÃO podem ser decididos, conduzidos por subalternos, são de RESPONSABILIDADE única e intransferível da mais alta esfera decisória do Fluminense Football Club.

    Se restar vitoriosa a opção de levar a campo um time de reservas, da qual discordo veementemente, que não pise em campo NENHUM atleta titular, um minuto sequer. Nem o goleiro.

    É o que penso.

    Pra dentro deles Fluzão!!

    • joão

      O Fla x Flu do créu foi um jogo como esse, ambos com time reserva, só o thiago neves de titular.

  • joão

    Marquinho não pode jogar num meio campo com apenas 3 jogadores, sempre tomamos mais de um gol. Eu vejo douglas, orejulela e wendel bem a frente dos outros para essas duas posições. Pierre passa mais segurança de primeiro volante.

  • Fabio DB

    Se for isso … realmente preocupante!!!
    ST

  • luiz

    Mario RJ,
    Imagine Nogueira e Reginaldo marcando Guerrero e Diego…
    O Everton pela esquerda com o Renato…
    O Marquinho armando … e por aí vai.
    Entendo a questão da Sul Americana, mas poderia poupar contra o Madureira.
    Preocupante possível placar elástico e a repercussão em rede nacional. ..
    Desculpe se entendo diferente, mas FlaxFlu sem valer nada não existe.
    Abs

  • luiz

    E detalhe: Liverpool do Uruguai é brincadeira de ruim. Mal colocado no campeonato uruguaio. Em crise. Tomou de 3×0 do Nacional no Domingo. Nacional que tem time fraco.

  • Alan Uzêda

    Boa tarde,
    Tenho interesse em adquirir o título de sócio proprietário, inclusive percebo um movimento do clube em conseguir vender os títulos existentes, com parcelamentos em 12 vezes sem juros no cartão de crédito, facilidade que não existia anteriormente. Contudo gostaria de entender melhor o racional da taxa de transferência para terceiros, de R$ 2.799 ou 50% do valor do tíitulo atualmente. Qual a razão de tal taxa ter um valor tão significativo, de metade do valor atual do título? Tal fato faz com que não seja vantajosa a aquisição do título, uma vez que, no caso de uma venda futura para terceiros, o máximo que o dono do título poderia obter em sua venda seria 50% do montante pago ( e provavelmente menos ainda, pois em tese seria mais confortável adqurir o título diretamente do clube do que de um terceiro).
    Enfim, sou tricolor de coração, gostaria de ser um dos 5.000 acionistas do clube, entendo que o clube tenha interesse em realizar todos os seus títulos, mas para isso é necessário que tal investimento seja atrativo (ou ao menos não desvantajoso) para o futuro acionista.
    Dessa forma, fico por gentileza no aguardo de um maior esclarecimento..
    Cordialmente,
    Alan Uzêda