A quem interessa?

inimigo intimo

Aproveitamos a oportunidade para esclarecer a maldosa matéria publicada no site NetFlu, dando a entender que a Flusócio quer aumentar o custo do setor da comunicação do Fluminense. O texto também insinua que só desejamos mudanças porque não há ninguém do grupo trabalhando no departamento.

O principal erro de alguns sabotadores internos e que agora vivem a tentar pautar determinados veículos da imprensa é tratar a Flusócio como um grupo fisiológico, que deseja apenas ocupação de posições. Nunca irão conseguir.

No assunto em questão, não queremos somar custos ao que já existe, mas sim a substituição da estrutura atual, reformulando postos de trabalho e, se necessário, também trocando alguns profissionais.

Nosso diagnóstico (e de qualquer tricolor mais atento, principalmente ultimamente) é que falta qualidade ao trabalho da comunicação interna, falta estofo e senioridade para influir em redações e pautas sobre o Flu, falta defesa institucional e integração com o Marketing para divulgação de produtos do clube.

Além de tudo isso, falta sangue tricolor na equipe. Décio Lopes é um profissional que preenche todos estes requisitos, é sênior em nível estratégico para defesa institucional e por isso foi convidado a formatar um orçamento, que aliás também foi vazado de dentro do clube.

É incorreto um grupo que hoje representa 80 conselheiros trabalhar em busca de alternativas de mercado para a insuficiente área de Comunicação Institucional do Fluminense? Não nos parece, principalmente frente à emblemática crise de imagem que sofremos desde o caso flalusagate, sob uma errônea estratégia de silêncio do presidente, para ficarmos apenas no exemplo mais recente.

A quem interessa vazar maldosamente insinuações de que a proposta seria meramente política, quando na verdade a ligação do profissional Décio Lopes com o nosso grupo é nenhuma? A quem interessa detonar esta e outras ideias importantes?

Deixamos a pergunta para a reflexão de nossos torcedores e sócios.

72 Comentários em A quem interessa?

  1. Daniel Trindade
    3 de abril de 2014 at 7:39 (6 anos ago)

    O vascaino ainda acha que engana alguem?

    Lembrando que não tem ninguém do grupo trabalhando no clube.

    E fundamental a troca de TODA a fraca estrutura de comunicação do clube.

  2. Ricardo Lafayette
    3 de abril de 2014 at 8:16 (6 anos ago)

    Esperamos a mesma atitude do Presidente quanto a esse caso, tal qual a intervenção que foi feita no comando técnico do futebol. A comunicação da forma que esta sendo conduzida esta um desastre, sem defesa institucional, sem resposta direta ao temas que envolvem o Fluminense, com contratações amigas desde o fim do contrato com a FSB, sem sangue tricolor de quem escreve pela Instituição.
    Que o Presidente enxergue que não dá mais para continuar com esse tipo de estratégia no clube, onde se cria dificuldades, pra vender facilidades !

  3. Nerval Antonio
    3 de abril de 2014 at 8:17 (6 anos ago)

    Concordo plenamente que o comportamento dos que são responsáveis pela defesa institucional do Fluminense, há muito deveria ter sido renovado. Não é possível que continuemos a ser vilipendiados por essa mídia despudorada sem qualquer reação, seja do Presidente, seja do setor encarregado da defesa institucional.
    A Flusócio agiu pensando no Fluminense e em seu patrimônio moral. É hora de mudança! Não podemos ficar imóveis com tanta iniquidade e indolência, que no final poderão causar a falência total do clube.
    Ajam sempre! Pois sem vocês o presente e o futuro do Fluminense, estarão ameaçados!
    ST.

  4. Fabiano Marques Bettoni
    3 de abril de 2014 at 9:06 (6 anos ago)

    O Sr.Jackson entende de comunicação qdo lhe interessa. Tanto que plantou essa notícia da Flusocio e deixou vazar o plano de comunicação do Décio para tentar tumultuar o ambiente e fazer que uma das partes, Décio ou Peter, desista do negócio. Jackson não abre mão do poder e quer a comunicação centralizada nele para manter o controle de todos. Ele nunca pensa na instituição!
    Peter tome a decisão correta que nós o apoiaremos.

  5. Fernando Junior
    3 de abril de 2014 at 9:33 (6 anos ago)

    O projeto estava encaminhado ao Peter desde janeiro, mas misteriosamente jamais tinha chegado até ele, sentaram em cima…. Depois do Peter saber sobre o projeto e pedir para avaliá-lo caiu direto pra netflu… Já Vi de tudo nesse clube em mais de 10 anos de sócio e participando da vida política dele, mas um presidente tão cego a ponto de não enxergar quem está do seu lado o fazendo de palhaço, nem o Horcades….

  6. Fernando Junior
    3 de abril de 2014 at 9:36 (6 anos ago)

    outra coisa, o site netflu publicar isso sem ao menos conversar com a flusócio é de uma leviandade ímpar, e além disso, alguém pode comparar o custo de comunicação com PROFISSIONAIS de alto gabarito como o Décio Lopes com a comunicação do clube composta por ex-estagiários, com menos de 3 anos de formado e ainda por cima sem nenhuma entrada na grande imprensa esportiva como globo e sportv????

    Sem contar que comanda hoje a comunicação ganha hoje 60mil, mais do que o orçamento da nova empresa para toda a equipe….

  7. Danilo Soares Félix
    3 de abril de 2014 at 9:49 (6 anos ago)

    Caros,

    Quanto à Comunicação Institucional, o torcedor é o cliente e sabe que precisa de mudanças, não precisamos fazer força para que todos percebam isso com clareza.

    Basta o torcedor acompanhar os canais oficiais digitais e a pasmaceira na defesa do Clube contra os ataques de alguns jornalistas. A falta de reação é tão evidente que o objetivo parece ser evitar o choque para a manutenção das portas abertas nos veículos de comunicação. A defesa do Clube passa longe. Comparem por exemplo a reação vascaína à brincadeira do jornal EXTRA de segunda-feira. Será que a comunicação do Flu reagiria? Fica para reflexão.

    Exceto a Lívia Andrade, assessora da Presidência que teve humildade para conversar ao vivo e aceitar as críticas, o restante da equipe de Comunicação parece viver numa redoma, onde a avaliação externa não importa muito.

    Falta tino sobre como funciona o mundo do futebol, falta sangue tricolor na equipe e principalmente falta uma condução gerencial menos política e mais técnica, com entrada nas redações para o bem do Fluminense, e não para atacar quem faz a crítica, por mais justa e coerente que seja.

    Neste caso do Décio Lopes, particularmente acho até bom que fique evidente a auto-defesa de um feudo que há muito não funciona a contento. Assim as máscaras caem mais facilmente.

    Como tricolor, sócio e conselheiro, eu acho mais razoável que o Clube pague R$ 50 mil por mês pra uma nova equipe de comunicação, que elabore um novo projeto estruturado, dirigida por alguém senior, que tem uma produtora que presta serviços ao Sportv e é respeitado em todo meio, do que pagar no mesmo patamar para um único gerente executivo. Se a proposta não está a contento, então que o Clube busque outras alternativas similares. Mas o que existe hoje não atende.

    Quem ganha salário de executivo de multinacional deveria conduzir o Clube como se fosse tal, ou pelo menos ser cobrado por isso. Tenho certeza que o tempo de qualquer executivo seria melhor aproveitado se fosse gasto na tentativa de cooperação entre as equipes, na solução de problemas evidentes como a falta de um administrador no Clube, a existência de uma TI inoperante, etc, do que espalhando notinhas contra a Flusócio pela imprensa ou sites.

    Quanto ao jornalista Paulo Brito, que assina a matéria no site NetFLU, acho que ele deve ter faltado àquela aula na faculdade que ensinava ouvir os dois lados antes de publicar qualquer coisa polêmica. Infelizmente não fomos procurados em momento algum para dar explicações, o que me faz ter a certeza de que o veículo não é apenas um site de clipping, como apregoa, mas também tem suas preferências político-partidárias.

    Ataques à Flusócio não ficarão sem resposta, até porque a resposta é fácil de dar. E a reflexão também é fácil de ser obtida para qualquer um que lê nas entrelinhas.

  8. Danilo Soares Félix
    3 de abril de 2014 at 9:57 (6 anos ago)

    Por exemplo, na semana passada estas pautas abaixo foram sugeridas pela Flusócio à responsável pelo Clube em redes sociais, Srta Leila Medeiros:

    1) Homenagem da FIFA sobre os maiores camisas 10 de todos os tempos. Roberto Rivellino aparece em sexto. Dentre todos os listados, Rivellino é o único jogador que nunca jogou na Europa, o que torna sua presença na lista ainda mais relevante.

    http://issuu.com/fifa/docs/issuu_englisch_woche_03_2014/15
    http://www.foxsports.com.br/fotos/8299/5-os-camisas-10-mais-famosos-da-historia-do-futebol

    2) Recorde de público em 10 anos de Libertadores

    http://www.pasionlibertadores.com/fanaticos/Los-10-equipos-que-llevaron-mas-gente-en-las-10-ultimas-ediciones-20140324-0038.html

    Ambas as pautas foram rejeitadas, com os seguintes argumentos:

    1) “Do Rivellino, ideia bacana. Aceito sugestões nas próximas, já que essa informação é de janeiro. Ficaremos atentos.”

    2) “Dado interessante, porém é preciso lembrar que dois dos nossos principais rivais atualmente disputam a Libertadores e nós não. Quando Botafogo e Flamengo forem eliminados, aí poderemos usar. Outra coisa, a Libertadores está sendo realizada agora, outros clubes poderiam nos passar, inclusive nossos rivais. ”

    Vocês conseguem entender? Nem eu.

    Mas serve de reflexão.

  9. Thiago Resende
    3 de abril de 2014 at 9:58 (6 anos ago)

    Fala Galera!
    Achei estranha a reportagem, obviamente não acreditei, sabia que tinha interesse político nisso!!
    Como não comentei no outro post…Seja bem vindo Cristóvão. Tenha coragem para mudar, cobrar atitude e identificar os acomodados deste elenco!!Você vai ter trabalho, mas a grande maioria da torcida está com vc!!
    Falando em mudança Cristóvão, treina esse time aqui…vai que dá certo…
    Cavalieri, Bruno, Gum, Valência (de zagueiro mesmo),Carlinhos, Diguinho, Jean, Conca, Sóbis, Fred e Biro! Se não quiser testar o Valência na zaga, vc pode colocar ele no lugar do Diguinho ou então barrar o cara e jogar o colete para o alto…O primeiro zagueiro que pegar estará escalado!!hehe
    ST

  10. Hugo Grillo
    3 de abril de 2014 at 10:03 (6 anos ago)

    Pois é a proposta com toda uma equipe profissional e com alma tricolor, custa menos do que este tal de Jackson Vasconcellos (que de tricolor não tem nem o nome) ganha por mês.
    Presidente, VADA BORDO!!! Tire as barangas administrativas de perto de você.
    Aproveitando é hora de chamar as lideranças do elenco e colocá-los sob o comando direto do Cristóvão. A hora de separa o joio do trigo é agora.
    ST,
    Hugo

  11. Claudio Barçante Pires
    3 de abril de 2014 at 10:15 (6 anos ago)

    Impressionante a velocidade com que foi vazado o projeto, bastou chegar efetivamente ao Presidente para que, direto das Laranjeiras (nunca tão verdadeira a assertiva) chega-se a domínio público.

    Peter, abra o seu olho, muitas vezes o inimigo mora ao lado.

  12. Bruno Curi
    3 de abril de 2014 at 10:32 (6 anos ago)

    Curioso, mas sintomático, que no momento em que as feridas do clube começam a ser expostas, a Flusócio comece a ser atacada publicamente.
    Já foi Notflu, hoje foi o Extra com a reportagem da Marluci…
    Enfim. Às pessoas certas (ou erradas, dependendo do ponto de vista), eu aviso: não adianta. Não adianta o esperneio, não adiantam os ataques. A Flusócio não precisa do Fluminense, não vive de cargos, não vive de nada vindo do Fluminense. A lógica da barganha e do favorecimento pessoal não funciona conosco, apenas a lógica do progresso do Fluminense.
    Então, fustigar intrigas como se fôssemos fisiologistas, criar casquinhas de banana institucionais… isso não adianta com a gente.
    Nós atendemos a um projeto, que não é pessoal e muito menos de poder.
    Mas continuem atacando, continuem mordendo… Está interessante ver como incomodamos. É fácil, para quem é de fora, ver o que está acontecendo.
    ST!!

  13. Paulo Ypyranga
    3 de abril de 2014 at 10:35 (6 anos ago)

    Hahahahahahahaha!

    A resposta 2 é sensacional!!!

    Como uma pessoa com tamanha dificuldade de interpretação de textos e desconhecimento de futebol pode ser a responsável pelo clube nas redes sociais?

  14. Amir Holanda
    3 de abril de 2014 at 10:46 (6 anos ago)

    Sou sócio contribuinte e essa é a primeira vez que comento nesse espaço, mas já acesso há bastante tempo lendo todas postagens, diariamente. Concordo com vocé Danilo, e digo mais, não recuem, esse projeto com o Decio dá de goleada no atual. Portanto, levem adiante, para o bem do FFC. Na verdade os nossos inimigos estão é com medo desse projeto ser um sucesso, e tem tudo prá ser.

  15. Alexandre Said Delvaux
    3 de abril de 2014 at 11:04 (6 anos ago)

    Oportuna a sugestão. É mais: é necessário avançar e aprofundar o tema, pois é fundamental para o FLUMINENSE construir uma imagem positiva, mostrar as suas vitórias, a tradição, agregando novos torcedores…

  16. Jorge Pantoja
    3 de abril de 2014 at 11:14 (6 anos ago)

    é mais uma contratada da “competentíssima” FSB…virou repartição mesmo. trabalhe numa terceirizada e quando ela sair vc trabalha aqui…lamentável.

  17. Bruno Curi
    3 de abril de 2014 at 11:19 (6 anos ago)

    Quem? Sander? O camarada que ficou no quiosque do Fluminense na Bienal recomendando que as pessoas não comprassem as publicações do clube porque eram uma bosta, mas comprassem as dele (que estavam, aliás, de favor naquele local)?
    Um sujeito que faz isso, não merece nada além de desprezo.

  18. Leonardo Cantarino
    3 de abril de 2014 at 11:35 (6 anos ago)

    Nao vi maldade no comentario na Netflu. ja´ basta essa briguinha das TO na arquibancada… Aproveitem esse espaço para difundir o socio-torcedor. Ja´ temos a imprensa contra, fora a entrevista de Don Celsius na globo. A hora e´ de uniao!

  19. Renato Guimaraes
    3 de abril de 2014 at 11:35 (6 anos ago)

    Off: Não passa o jogo do Flu hoje na TV? Na guia de programação da SKY aqui em Campo Grande/MS só aparece o jogo a wascú?

    ST

    ps: sou antigo frequentador do blog que postava apenas como “Renato”.

  20. Carlos Eduardo
    3 de abril de 2014 at 11:50 (6 anos ago)

    O jogo de volta é só dia 10…

  21. Flavio Chammas
    3 de abril de 2014 at 11:53 (6 anos ago)

    O Flu não joga hoje

  22. Fabio DB
    3 de abril de 2014 at 11:57 (6 anos ago)

    O Flusocio deveria olhar essas ações maldosas como “bom sinal”, isto é, vocês estão incomodando, o que significa que estão no rumo certo.

    Mas deveriam olhar também como ALERTA: o inimigo é forte, acumulou muito dinheiro, não tem escrúpulos e vai tentar de tudo para manter a confortável situação atual.

    Se preparem para as tentativas de destruir a própria integridade/união da Flusócio e a busca do isolamento e desmoralização do Peter (como eventual líder da mudança necessária ele é/será outro alvo prioritário).

    O levantamento das fraquezas/erros/falhas correntes de vocês e do Peter já devem estar sendo levantadas e serão usadas sempre que necessário.

    Posso garantir que não estou falando de teoria da conspiração ou da estória da carochinha. Tenho experiência profissional e acadêmica de décadas e posso garantir que é assim que a banda vai tocar.

    Então, se querem transformar o clube, antes de mais nada, arrumem a casa não deixando “munição” alguma para os inimigos. Revejam os erros com humildade, em busca de melhoria contínua. Eliminem o que (e/ou quem) não puder ser corrigido. E montem um esquema de comunicação gigante para neutralizar os ataques e divulgar os avanços e sucessos.

    Tudo isso visando apoiar políticas para sustentação e retomada de um Fluminense sadio e independente, que entendo seja o objetivo do Flusócio.

    E boa sorte.

    ST.

  23. Alex Silva
    3 de abril de 2014 at 11:58 (6 anos ago)

    É fácil saber a quem interessa. Interessa a um VASCAÍNO que quer fazer do Fluminense a sua máquina política!!! Um cara político chamado Jackson Vasconcelos, que só o presidente não vê o quão nocivo esse sonhe é ao clube

  24. Alex Silva
    3 de abril de 2014 at 12:00 (6 anos ago)

    Em tempo, Parabéns ao Peter pela entrevista de ontem. O FLUMINENSE é MUITO maior do que uma UNIMED da vida!!! Muito covardes as declarações do Celso Barros, pessoa que admirava, no G1, muito covardes. Molecagem pura

  25. Alex Silva
    3 de abril de 2014 at 12:02 (6 anos ago)

    É uma comunicação pautada nos rivais… Que gente pequena trabalhando no Gigante FFC

  26. Fabio DB
    3 de abril de 2014 at 12:05 (6 anos ago)

    Uma vergonha esse conjunto de respostas. Parece (posso estar errado) que não querem trabalhar. ST

  27. ronaldo heinz
    3 de abril de 2014 at 12:08 (6 anos ago)

    isso ai é o de menos
    precisamos de reforços !

  28. Renato Guimaraes
    3 de abril de 2014 at 12:09 (6 anos ago)

    Tô ficando maluco!! kkkkkkk … Verdade!

    Deve ser ansiedade ….

    ST

  29. Luciano Nóbrega
    3 de abril de 2014 at 12:10 (6 anos ago)

    Incrível como tem alguém de dentro do clube q joga sempre na imprensa, de forma maldosa obviamente, assuntos relevantes no claro intuito de distorcer e tumultuar. Inclusive,essa tática é manjada no campo politico. Tem alguém com esse expertise politico dentro do clube?

  30. Ricardo Guerreiro
    3 de abril de 2014 at 12:43 (6 anos ago)

    Como sempre a flusócio tratando dos melhores interesses para o Flu. Gostaria de fazer um comentário adicional sobre a mudança do blog. Estou lendo por aqui alguns nomes que nunca tinha visto antes. Se nunca estiveram, sejam bem vindos. Agora, se já são pessoas que já escreviam aqui com outro nick, fica a sugestão de colocar o nome antigo ao final do texto por um certo período. O que acham? Vc fazer assim. ( Ricardo Sá)

  31. Arthur Barroso Fortes
    3 de abril de 2014 at 12:56 (6 anos ago)

    Até quando ficaremos reféns desse tipo de política suja e ultrapassada que só atrasa nosso clube?
    Como seria bom se nossa comunicação e defesa institucional fossem tão ágeis como essas manobras que estão sendo feitas via “imprensa” para tentar atrapalhar nossos avanços !

  32. José Carlos F. da Costa
    3 de abril de 2014 at 13:13 (6 anos ago)

    Colega Thiago, em não chegando reforço nenhum essa formação me agrada muito. Eu venho defendendo aqui desde antes da invenção da dentadura que testem o Fábio Braga de zagueiro (não necessariamente como titular). É alto, forte, cabeceia bem e sabe sair jogando. E o Sobis na função que era do Marquinho.

  33. Téo Paiva Dos Reis
    3 de abril de 2014 at 13:42 (6 anos ago)

    Importantíssimo o post. Perfeito o exclarecimento de que o Notflu é só um veículo (fraco por sinal), quem dirige este tipo de informação infelizmente está (ou tem contato) dentro do clube.
    Pra grande maioria existem poucas dúvidas em relação aos sabotadores. Será que o Peter ainda lê este blog, ou o Sabotador mór lê e resume pra ele de maneira conveniente?

  34. José Carlos F. da Costa
    3 de abril de 2014 at 13:47 (6 anos ago)

    Por um lado, entendo ser saudável que Flu e Unimed aparem suas arestas.

    Por outro, o Flu não pode correr o risco de, ao fim do ano, ouvir do Celso Barros um “não brinco mais” e ficar com as calças na mão sem saber o que fazer.

    Nessa hora, é um olho no gato e outro no peixe. A Unimed é boa pra nós (e nós pra ela), mas precisamos de um plano B.

  35. Danilo Soares Félix
    3 de abril de 2014 at 13:56 (6 anos ago)

    Olhei apenas o ultimo post do facebook. Nem procurei muito..

    Responsável pelo canal: Leila Medeiros.

  36. Dedé
    3 de abril de 2014 at 14:06 (6 anos ago)

    Inadmissível

  37. Joao Paulo Tonini
    3 de abril de 2014 at 14:33 (6 anos ago)

    A Comunicação Institucional é uma vergonha. Infelizmente o Peter exerga o Jackson Vascaíno como imprescindível e, pelo que vimos até aqui, a FluSócio vai pregar no deserto.

    ST

  38. Miguel Halabi Filho
    3 de abril de 2014 at 14:53 (6 anos ago)

    Inacreditável! !

  39. Paulo Ypyranga
    3 de abril de 2014 at 14:55 (6 anos ago)

    Isso, em qualquer lugar sério, é justa causa.

  40. Dedé
    3 de abril de 2014 at 15:13 (6 anos ago)

    Minha maior preocupação de toda essa história é como o grupo de jogadores vai receber essa atitude do Peter.
    Sei que muitos são amigos do Celso e tem uma relação com ele e me preocupa muito corpo mole e sacanagens, coisas que esse grupo já fez.
    Reforço a necessidade de o Fluminense ter alguém capaz de identificar isso, assim como cobrar resultados do departamento de futebol.
    Alguém pago pelo flu, que conheça futebol e não seja enganado por treinadores quando for cobrar desempenho.
    Uma ponte entre Tenório e Peter, não especialistas, e o futebol.

  41. WAGNERFLUZÃO
    3 de abril de 2014 at 15:14 (6 anos ago)

    O FLUMINENSE FOOTBALL CLUB deveria tomar como primeira, providência para OXIGENAR a DIRETORIA mandar pra rua esse JACKSON VASCAÍNO.
    Eu sinceramente ,não consigo entender o nosso presidente ,precisar desse SR. tendo outras pessoas qualificadas dentro do clube.
    WAGNERFLUZÃO

  42. WAGNERFLUZÃO
    3 de abril de 2014 at 15:26 (6 anos ago)

    AMIGO JOSÉ CARLOS F. DA COSTA.
    Imagine , o amigo , que no FINAL DO ANO , por um verdadeiro milagre , o FLUMINENSE seja CAMPEÃO BRASILEIRO e antes disso , seja CAMPEÃO DA COPA DO BRASIL.
    Eu faço então uma pergunta para o amigo :
    Será que o SR. CELSO BARROS , iria continuar com esse discurso de pura CHANTAGEM , contra o nosso FLUMINENSE ?
    Amigo JOSÉ CARLOS , eu aposto que ele iria colocar o RABO ENTRE AS PERNAS e dizer que não houve atrito algum.
    De BURRO , o SR. CELSO BARROS NÃO TEM NADA.
    Um grande abraço para você com muita saúde e paz para você e toda sua família.
    WAGNERFLUZÃO.

  43. WAGNERFLUZÃO
    3 de abril de 2014 at 15:31 (6 anos ago)

    MEU GRANDE AMIGO FLAVIO CHAMMAS,
    Você conseguiu.
    Eu não disse que você conseguiria ?
    Eu porém tenho que dizer uma coisa para você:
    Eu preferia como era antes.
    Eu já estou ficando velho e sou um zero à esquerdo em matérias como essa.
    Um grande abraço,
    WAGNERFLUZÃO.

  44. WAGNERFLUZÃO
    3 de abril de 2014 at 15:36 (6 anos ago)

    Amigo RENATO,
    O jogo do FLUMINENSE será dia 10/04, ou seja , na semana que vem.
    Um abraço,
    WAGNERFLUZÃO.

  45. Filipe Oliveira
    3 de abril de 2014 at 15:46 (6 anos ago)

    Mesmo que isso não seja da iniciativa de algum jogador, o próprio CB (que está descontrolada) pode tentar plantar isso em alguns jogadores.

  46. Thiago Rossi
    3 de abril de 2014 at 15:49 (6 anos ago)

    Celso Barros é útil colocando a grana e não enchendo o saco. Se a grana minguou, a servetia dele é a mesma de um pirulito sabor fezes!
    À partir de agora, o Fluminense tem que falar com
    sua torcida e fazer uma “corrente pra frente”. Pegar a entrada do
    Cristovão e fazer disso um fato motivador. O time indo bem à partir de
    agora, a torcida abraçará a causa e o Celso vai voltar pro escuro. Seria
    legal fazer desse jogo contra o horizonte um evento.

  47. WAGNERFLUZÃO
    3 de abril de 2014 at 15:59 (6 anos ago)

    Apesar de ter quase certeza de que o contrato com a UNIMED será renovado ao final desse ano apesar das CHANTAGENS e das entrevistas ÁCIDAS do nosso patrocinador , porque foi contrariado , eu acho que o FLUMINENSE deve ficas com os dois pés atrás de hoje em diante para com o SR. CELSO BARROS e com toda cautela possível ir preparando um PLANO B , caso o patrocínio não se renove.
    É importante citar que se o patrocínio da UNIMED é muito bom para o FLUMINENSE , mas esse patrocínio para a UNIMED também é muito importante e igualmente muito bom.
    WAGNERFLUZÃO

  48. Thiago Resende
    3 de abril de 2014 at 16:00 (6 anos ago)

    Celso Barros parece uma criança mimada, contrariou, ele faz birra!!!Ridícula e desnecessária a entrevista, expondo o clube e a própria Unimed!!
    Eu acho que o Peter tem que continuar tocando o barco, começamos pelo técnico e agora precisamos e muito de reforços!! Temos uma equipe mapeando jogadores, não é possível que a gente não consiga nenhuma aposta interessante que venha agregar valor ao elenco! Não queremos estrelas, vedetes…queremos alguém com sangue nos olhos….coisa que não vemos desde novembro de 2012…
    Particularmente, eu sou a favor da parceria, mas com reservas. A situação é difícil, uma decisão que pode afetar e muito o futuro do clube. Mas uma decisão firme precisa ser tomada!!O Fluminense é maior que tudo e vai sobreviver com ou sem a Unimed!!
    Vamos passar perrengue se a Unimed sair???Provavelmente sim, mas tudo tem limite.
    Ainda acho que a conversa, o diálogo entre as partes o melhor caminho!! Papo de homem entre Celso e Peter, só os dois!!!Essa porra de ficar mandando recadinho pela imprensa não existe!!
    Agora, se o papo não for possível….A decisão tem que ser tomada…
    ST

  49. Paulo Ypyranga
    3 de abril de 2014 at 16:02 (6 anos ago)

    Dedé, como que se cobra algo que não está em contrato? Infelizmente não está em contrato que o jogador tem que jogar bem, nem que jogue com raça e nem que apresente resultados e, pelo andar da carruagem, esses caras são titulares absolutos pois não teremos peça de reposição.

    Você levantou uma parada importantíssima. De que lado os jogadores ficarão? Do lado do clube que eles vestem a camisa ou do lado de quem os paga?

    Na minha humilde opinião esse racha entre Peter e Celso está indo longe demais. A imprensa quer beber sangue e está trabalhando forte para uma ruptura.

    O Fluminense precisa tomar suas decisões mas também precisa da grana do patrocinador. É questão de sobrevivência, pelo menos para o momento, que ambas as partes se entendam e coloquem, de uma vez por todas uma pedra no assunto.

  50. WAGNERFLUZÃO
    3 de abril de 2014 at 16:02 (6 anos ago)

    AMIGO RICARDO GUERREIRO , ou seja , RICARDO SÁ,
    Eu continuo , como WAGNERFLUZÃO.
    Um grande abraço.

  51. Evaldo Ruy
    3 de abril de 2014 at 16:10 (6 anos ago)

    Em 1998, começou a parceria Fluminense/Unimed.

    Daquele ano até hoje, o Fluminense só acumulou dívidas, e pra piorar de 2007 a 2010, não pagou dívidas trabalhistas.

    E essa bomba estourou no colo do Peter Siemsen.

    Só tivemos ajuda do patrocinador em contratações de jogadores e técnicos.

    O passivo do clube continuava lá, incomodando, mas ninguém arregaçando as mangas pra resolver, e pra piorar, o Horcades não recolheu impostos de 2007 a 2010.

    Já viu, né?

    O Horcades, ainda quer criticar o Peter, quando deveria ser um dos primeiros a tentar ajudar, a resolver isso.

    Realizar que o Fluminense tenha “FLUXO DE CAIXA”, deveria ser uma cruzada da situação e da oposição.

    Todos convergindo esforços pra resolver isso.

    * * * *

    Não entendo a cabeça do Celso Barros, que em 2013, disse em várias entrevistas que o Fluminense tinha que aprender a caminhar pelas próprias pernas.

    Agora, reclama que o Peter está preparando o Fluminense para se separar da Unimed.

    Pressiona o Peter, condicionando contratações, se aceitar suas imposições (Renato Gaúcho e Rodrigo Caetano).

    Por perceber que está perdendo espaço e poder, distorce os fatos, tentando colocar na conta do Peter, a intenção de (eventual) ruptura da parceria.

    Essa parceria foi renovada em contrato, até o final de 2015, e em nenhum momento ouvi o Peter dizer ou demonstrar, a intenção de rompê-lo até lá.

    Quem está dizendo isso, é o Celso, só porque foi confrontado e derrotado.

    Aja, simplesmente, como patrocinador, dizendo: “A Unimed já chegou no limite de 40 milhões, e PONTO”.

    E o Peter retornar: “Tudo bem. Vou decidir quem entra e quem sai, ta legal?, e PONTO.”

    O Fluminense quer continuar com a parceria, mas quem quer acabar com a brincadeira é o Celso Barros.

    Quem está demonstrando querer acabar com a parceria, é o Celso Barros, por pura vaidade e revanchismo.

    Quer uma turba de bajuladores e súditos.

    O Fluminense acordou, e tem o direito de traçar nova trajetória, JUNTAMENTE com a Unimed.

    O Fluminense e torcida desejam a continuidade da parceria, só que, num modelo diferente do de hoje.

    O Celso, como tricolor que é, deveria repensar tudo isso, trocando de papel com o Peter.

    O que faria com papéis trocados?

    Pense nisso, Celso Barros!

    Já pensou o Fluminense com “FLUXO DE CAIXA”, sendo patrocinado pela Unimed?

    Show de bola, né?

    * * * *
    Piadinha ilustrativa dessa situação.

    Os animais estavam brincando de trenzinho na floresta.

    O elefante era o primeiro puxando o trenzinho, e o macaco o último.

    De repente o elefante se tocou que tava levando a pior, esbravejou:

    “Tá errado, que parada é essa? Todos atrás de mim? Não gostei deste negócio não, peraí! Vamos fechar a roda… olê, olê, olá…!”

    O macaco ficou meio cabreiro, com o elefante indo pra trás dele, e esperto como é, viu que o negócio ia ficar feio pro lado dele, e então cantarolou:

    Acabou a brincadeira… olê, olê, olá…!”

    Já sabem quem são esses dois personagens, né?

    ST

  52. WAGNERFLUZÃO
    3 de abril de 2014 at 16:13 (6 anos ago)

    AMIGO THIAGO RESENDE.

    Eu concordo plenamente com você.
    o SR. CELSO BARROS foi contrariado e assim como qualquer criança mimada fez a birra que estamos assistindo ,como você sabiamente colocou no seu comentário.
    Eu nem vou escrever mais porque eu iria acabar repetindo o seu comentário inteiro , pois ele é exatamente o que eu penso.
    Parabéns pelo excelente comentário.
    Um abraço,
    WAGNERFLUZÃO.

  53. Daniel Bastos
    3 de abril de 2014 at 16:14 (6 anos ago)

    O Flu é maior que a Unimed. Se o CB quer sair…. Obrigado.

    Arrumemos outro patrocinio que não interfira em nossa vida e Flu que segue

  54. Dedé
    3 de abril de 2014 at 16:16 (6 anos ago)

    Paulão, desempenho se cobra do treinador e se houver a sinalização de que alguns jogadores estão de sacanagem, carta branca pra barrar.
    Agora se for um grupo grande de jogadores não tem jeito.
    Por isso acho que o Peter deve acertar isso direitinho com o grupo.

  55. WAGNERFLUZÃO
    3 de abril de 2014 at 16:17 (6 anos ago)

    MEU GRANDE AMIGO FLAVIO CHAMMAS,
    Eu vou confessar uma coisa:
    Eu não sou fã desse SR.
    Um abraço,
    WAGNERFLUZÃO

  56. Fabio DB
    3 de abril de 2014 at 16:32 (6 anos ago)

    O Brasil possui atualmente 12.904.523 (Doze Milhões, Novecentos e Quatro Mil, Quinhentos e Vinte e Três) empresas, incluindo seus estabelecimentos matriz e filiais. Destes, 11.663.454 são de empresas e empreendimentos privados (90%), 1.144.081 de entidades privadas sem fins lucrativos (9%), e 96.988 de entidades públicas governamentais (1%). … censo de 2012.

    Então será mesmo que apenas o Celso Barros/UNIMED se interessaria pelo FFC?

    É claro que não. Para um clube sério há inúmeras oportunidades.

  57. Rodolfo Oliveira
    3 de abril de 2014 at 16:43 (6 anos ago)

    O meu medo realmente é esse o CB de pirraça pedir pros jogadores “dele” fazerem corpo mole, pra variar eliminando o time da Copa do Brasil pra vir falar que o técnico não era problema.

  58. Alexandre Said Delvaux
    3 de abril de 2014 at 16:55 (6 anos ago)

    Como tricolor, sou extremamente grato ao Dr. Celso Barros pela longeva parceria. Sempre defendi o entendimento por compreender o papel fundamental da Unimed neste FLUMINENSE estraçalhado por gestões ineptas. Ninguém discute a paixão tricolor do Dr. Celso Barros e ele, um executivo bem sucedido, muito respeitado, deveria ser o primeiro a entender que este bate boca deprecia o patrimônio da Cooperativa, pois nenhum investidor aceitaria pagar um valor maior pelos direitos de determinados atletas, sabendo que a Unimed estaria disposta a abandonar o FLUMINENSE no ano seguinte, a não ser que o patrocínio seja transferido para outra agremiação. Ainda assim, o risco de uma grande perda seria enorme. Por outro lado, sabemos que a continuidade do patrocínio, por mais três ou quatro anos, representa a retomada do FLUMINENSE (neste ponto, os grupos políticos que apoiam o presidente deveriam se mobilizar por mudanças regimentais que minimizem os riscos de futuras gestões irresponsáveis, pois o voto do torcedor, sem regras rígidas de controle, não garante transparência e correção dos atos administrativos).
    Se tivesse a oportunidade de dirigir a palavra ao Dr Celso Barros, eu diria: __ Presidente (da Unimed), o senhor tem a oportunidade de coroar a parceria e recolocar o FLUMINENSE no rumo certo, vencedor conforme as suas tradições. Não deixe passar esta oportunidade por causa de picuinhas. E para do Presidente do FLUMINENSE diria: __ Presidente, não deixe de esgotar todas as possibilidades de reaproximação com a UNIMED. E para os dois eu imploraria: Presidentes, o FLUMINENSE é muito maior que todos nós e nossas vaidades. Pensem nas coisas boas que esta Instituição proporcionou a milhões de pessoas, em quantos já riram e choraram com o FLUMINENSE. Pensem nas crianças apaixonadas pelo FLUMINENSE e nos que já passaram para o outro lado, levando consigo uma indescritível paixão pelo Clube. Coloquem o FLUMINENSE em primeiro plano!

  59. Julio Schurt
    3 de abril de 2014 at 16:58 (6 anos ago)

    Galera,

    Já postei.. comentários não foram publicados… enfim, a censura voltou com força total.

    Isto pq comentei que discordo do confronto do Peter com a Unimed.

    Não entendo que a administração atual tenha caixa para se garantir num confronto desses. Com toda a bipolaridade demonstrada em sua gestão, o presidente atual não inspira confiança para liderar uma mudança (quebra de parceria com a UNIMED) deste porte.

    A parceria pode e deve sempre ser discutida, para que seja vantajosa sempre para os dois lados. A questão é que o Peter deu mostras de ter dificuldades em costurar acordos quando um tema é polêmico. Não soube dialogar com federações, com PGFN e até mesmo com o grupo político que o elegeu.

    O que escuto aqui em Sampa de palmeirenses, são paulinos, flamenguistas (tem dessas pragas aqui tb) é: “agora que a UNIMED sair vocês estão fudidos!”

    Flamengo, Vasco, Corinthians e outros mais, tiveram que ser socorridos pelo patrocínio governamental. Nenhum deles, com todo o poder midiático de torcida, televisionamento, etc, conseguiram patrocinios iguais ao nosso.. NENHUM!!

    Com a UNIMED, conquistamos titulos que jamais sonhei ver depois da década de 90. E tenho CERTEZA ABSOLUTA que o Peter não conseguirá nada sequer parecido com o que a UNIMED nos proporciona.

    A 15 anos conheço a UNIMED e o que ela fez no clube. A 4 anos conheço o Peter e sei que com ele como presidente e vice de futebol, fomos rebaixados.

    Se queremos rever a parceria, ok, vamos rever, mas vamos pelo menos esperar termos alguem capaz para costurar esta ruptura, pq se é para romper, tem que ser para melhor e nunca para pior.

    Ganhando a merreca que ganhamos da TV (comparado aos queridinhos), ganhando 5x menos em material esportivo que os queridinhos e com um patrocinador estilo Guaraviton, eu DUVIDO que lutaremos por titulos de forma consistente.

    Enfim, tem muito garoto que não sabe o que foi a década de 90.. não viu jogadores indo jogar em outros clubes para ganhar menos que ganhariam aqui, as quedas, os elencos.. para estes sortudos, é fácil bater no peito e exigir uma ruptura. Mas a vida real é outra.

    Para confrontar o investidor, tem que se garantir, tem que ter carta na manga, caso contrário esta atitude será irreponsável, leviana e por que não, um crime de “lesa pátria tricolor”.

    Provavelmente não vão querer publicar de novo. O que para mim será uma decepção maior ainda..

    saudações SEMPRE tricolores

  60. Adriana Oliveira
    3 de abril de 2014 at 17:23 (6 anos ago)

    O CB vive de alimentar no Fluminense o medo di final da parceria, por isso vive tentando denegrir a marca que patrocina… Ele sabe que nossa marca é forte e atrativos importantes para qualquer marca, isso mesmo qualquer marca teria muito prazer em expor sua marca na camisa do Fluminense consumida por uma torcida de alto padrão . Cuidado Celso!!! O Flu está perto de descobrir que sobrevive muito bem sem a a Unimed.

  61. Thiago Rossi
    3 de abril de 2014 at 17:35 (6 anos ago)

    Perder a unimed não significa que voltaremos à década de 90. Isso é o que o Celso Barros quer que pensemos. Terrorismo purinho!
    O Fluminense precisa ter autonomia pra colocar em prática o que seus profissionais da área técnica tem pra oferecer. A unimed já deu a grana, não dá mais! Chega de chantagem! Caiu Abel, veio Luxa, veio Renato, passou a eleição
    da unimed e nada de reforçar o time…o dinheiro acabou!
    cruzeiro, inter, santos, botafogo … montam seus times com a base + parceiros investidores + sacadas boas de clubes pequenos…a saída existe!

  62. Thiago Resende
    3 de abril de 2014 at 18:14 (6 anos ago)

    Obrigado Wagner!! Vamos aguardar os próximos capítulos…
    Abração!!ST

  63. José Maurício R. y Rodriguez
    3 de abril de 2014 at 18:15 (6 anos ago)

    Interessante! Todo mundo vivia a reclamar que a Comunicação do FFC não existia, NOTFLU inclusive, que o clube não se defendia, etc e tal.
    Aí, reformulam a Comunicação do clube, designam um profissional para reestruturar o setor e … passam a reclamar da reformulação!
    Será que a turma desse site não se acha com perfil para essa função? Se acham, não são não, porque comunicação não se faz com copia e cola de outros veículos e mídias.

  64. Alcides BC Barros
    3 de abril de 2014 at 18:21 (6 anos ago)

    A comunicação do Fluminense é um lixo. Quem é o gerente de comunicação? Qual o seu currículo? Um amador , acostumado a políticos corruptos, não trem condição de dizer o que é melhor para o Fluminense. Fisiologismo é a sua especialidade. Só que tricolores apaixonados não querem nada do clube. Os interesseiros são minoria.desprezível.

  65. WAGNERFLUZÃO
    3 de abril de 2014 at 18:58 (6 anos ago)

    MEU GRANDE AMIGO ALEXANDRE SAID DELVAUX.
    O seu comentário está simplesmente perfeito.
    O seu comentário segue totalmente a minha linha de pensamento , pois você colocou tudo que eu penso desse problema entre o nosso FLUMINENSE e a nossa patrocinadora , digo , DR. CELSO BARROS.
    Amigo , PARABÉNS pelo EXCELENTE COMENTÁRIO .
    Um grande abraço para você e para toda sua família , com muita saúde e paz para todos.
    WAGNERFLUZÃO

  66. Paulo Ypyranga
    3 de abril de 2014 at 20:59 (6 anos ago)

    Perfeito Júlio!

    É exatamente isso que penso.

    E vou além, não é obrigação nenhuma do patrocinador botar uma grana além do estipulado em contrato. Pode fazer? Pode! Seria ótimo, mas seria na camaradagem.

    A questão das decisões, quem as toma, de que forma, é que precisam ser melhor conversadas, internamente, e não via imprensa.

  67. Jefferson Alvares
    3 de abril de 2014 at 22:41 (6 anos ago)

    Prezado Fabio,

    Porque times com maiores torcidas e market share, bem como protegidos da Grobo, tiveram de lotear suas camisas para ter R$ 20M ou R$ 25M por ano?!?!

    Vocês valorizam a marca fluminense muito mais do que é o nosso real potencial!

    Se fosse fácil assim, porque temos patrocínio esportivo menor do que Palmeiras? Ou porque passado três anos de brigas com a Unined, nunca surgiu uma proposta do nosso maravilhoso marketing com um bom patrocínio?

    O que falta é capacidade de negociação, assim como faltou com a receita!

    St,

  68. Alexandre Said Delvaux
    3 de abril de 2014 at 22:58 (6 anos ago)

    Wagner

    Obrigado pelas palavras e um abraço para você e os seus. Temos que seguir nossa luta pelo FLUMINENSE,

  69. Raul Fernandes
    4 de abril de 2014 at 0:18 (6 anos ago)

    Não concordo.

    Há uma obrigação contratual da Unimed q deve ser cumprida até o fim e depois:

    BASTA!

    O Fluminense não pode vender mais sua dignidade.
    O FFC viveu 88 anos sem a Unimed.
    Sobreviverá.

  70. Allan Matheson
    4 de abril de 2014 at 10:24 (6 anos ago)

    A todos os tricolores,

    a NetFlu (NotFlu) é um portal de clipping que muitas vezes trabalha contra o Fluminense. Além disso em vários desses clippings manipula a notícia para dar uma conotação negativa. Entre outras práticas as vezes não cita a fonte. Vivem de clicks.
    Cada acesso que você dá, você continua incentivando esses caras a fazerem o mal.

    Recentemente descobri este site: http://www.tricolordecoracao.com.br/
    Não tem nada a ver com o grupo político.

    Este site reúne as notícias do Flu em tempo real. Sem clipping, sem conotações negativas sem “notícias” políticas sem fontes. É um site muito bom recomendo que tricolores que acessem a NotFlu troquem por este site.

    Penso que a Flusócio poderia colocar um link aqui para o site deles.

    Aqui segue a descrição do autor do site:

    Tricolor de Coração

    Todas as notícias do Fluminense em um só lugar
    Criado por Felipe Memória em 2010.

    Minha idéia é que este site faça parte da vida de
    torcedores apaixonados como eu. Todas as notícias do Flu em um só lugar.
    Rápido, fácil, sem propaganda e de graça.

    Morei em Laranjeiras e passei minha infância no clube. Sou da quarta
    geração de uma família de tricolores. Meu bisavô, que era Português,
    foi dono dos bares do clube na época de ouro. Dele herdei o título de
    sócio proprietário n° 92 e faço questão de contribuir financeiramente
    com o clube mesmo morando no exterior.

    Trabalho como Diretor de Design de uma agência em Nova York chamada HUGE. Em 2010 redesenhamos a CNN.com. Antes de me mudar escrevi um livro chamado Design para a Internet, atualmente na oitava edição, dei aulas na PUC-Rio e trabalhei por 4 anos na Globo.com. Na Globo fui um dos responsáveis pela criação do GloboEsporte.com, desde seu nascimento até que atingisse a liderança na audiência.

    Em 2010 meu filho Pedro nasceu e esse site é dedicado a ele.

    Saudações Tricolores. Volte sempre.

    Felipe Memória
    http://www.twitter.com/flu

    http://www.fmemoria.com.br

    fmemoria@gmail.com

Deixe um Comentário