Hora de somar forças com o time

pedroÉ famosa a frase do cronista tricolor Nelson Rodrigues em que ele diz que o Fluminense ganhou o jogo, mas é contestado porque o jornal mostrava vitória do adversário. A resposta vem em grande estilo: “Pior para os fatos!”

Na última segunda feira, mesmo após a batalha na altitude de mais de 4 mil metros, vimos um time brioso, partindo pra cima do Botafogo, marcando a saída de bola, com um futebol envolvente a muita luta.

Dessa vez, a sorte não acompanhou o Time de Guerreiros. A derrota não traduz o que foi a produção da equipe tricolor na partida. Mas a boa atuação nos enche de esperança para esses dois jogos em casa contra Atlético Paranaense e Chapecoense.

Após muito tempo, o Fluminense apresenta um time que joga com alma, com bom padrão tático, marcando forte e correndo durante os 90 minutos. Tem sido assim em todos os jogos.

Portanto, torcedor tricolor, compareça ao jogo. O check-in está aberto desde a semana passada. Vamos encher o Maracanã nesses dois jogos e retribuir toda a garra que os jogadores têm demonstrado ao honrar a camisa do nosso clube.

Clique aqui e faça o seu check-in para os dois jogos.

Lembramos que foram lançados novos planos de Sócio Futebol. Adesões nesta semana permitem usufruir dos descontos no check-in já na próxima partida, nas modalidades de e-ticket ou na compra do ingresso físico nos postos de venda. Não é necessário aguardar a chegada da carteirinha pelos Correios para usufruir dos benefícios.

Seja Sócio!

#VemProJogo
#SejaSocio
#AbraceOFlu

44 Comentários em Hora de somar forças com o time

  1. Rodrigo
    16 de maio de 2018 at 16:45 (3 meses ago)

    CBF e Globo marcaram o jogo do Flu contra a Chape na hora da final da Liga dos Campeões.

    Só nosso jogo bate com Real X Liverpool.
    Claro q vou no do Flu, mas fico pensando em qto isso vai afetar o público.
    Q sacanagem.

  2. Renan
    16 de maio de 2018 at 18:57 (3 meses ago)

    Nos torcedores do Fluminense estamos aguardando o esclarecimento em relacao a pesquisa envolvendo o aumento da divida tributaria!

  3. Alexandre Vianna
    16 de maio de 2018 at 19:48 (3 meses ago)

    Amigo, isso não poderia ser diferente. Afinal, o Barcelona e o Real Madri são o framengo e o curinthas da Espanha onde está o modelo de cotas que a nossa algoz emissora quer implantar (na verdade já implantou) aqui no Brasil.

  4. Claudio Souza
    16 de maio de 2018 at 20:08 (3 meses ago)

    Entrevista interessante do Júlio Bueno a um dos burrinhos do NotFlu.

    Muito embora esteja com as barbas de molho em relação a tudo o que dirigentes declaram, desde as mentiras de saneamento financeiro da era Peter, a impressão que ele passa é que fizeram (e fazem) muito barulho por pouco.

    O atraso no balanço foi negociado com os órgãos controladores do governo; a prática não é algo de tão excepcional na vida corporativa; aparentemente, não havia nada de tão escabroso dentre os registros da era Peter que não haviam sido feitos no balanço de 2016; teria havido uma boa economia com a rescisão dos contratos de jogadores com altos salários e o custo dos executivos e as tais PJ’s não tem um impacto expressivo na situação financeira do clube.

    Se ele estiver sendo sincero, muita gente serviu de caixa de ressonância para politiqueiros interessados em desestabilizar ainda mais o clube.

    Caso contrário, temos mais um Pinóquio na linha de produção da política do Fluminense.

    O futuro nos dirá quem tem razão.

    ST

  5. jose roberto da fonseca
    16 de maio de 2018 at 20:43 (3 meses ago)

    Porque esses idiotas não vêm a público informar a verdade quando alguém fica colocando na imprensa coisas que não são verdadeiras?. É simples acabar com os boatos dos opositores. É dizer o que está ocorrendo, como no caso das PJ’s, q muitos sem saber de nada ficam reclamando. Inclusive alguns aqui do blog. Pelo q ele informou, os executivos contratados são todos PJ’s, o que evita vínculo empregaticio, que causa muitas despesas.

  6. vivianne
    16 de maio de 2018 at 23:21 (3 meses ago)

    Caro Cláudio, agradeço a vc pela informação pois já iria escrever no blog perguntando se alguém ouviu a entrevista porque fiz a opção de não ouvir, estou com preguiça desse pessoal do flu.
    Sabe amigo, minha mãe me ensinou q a pessoa não pode nunca perder a credibilidade mentindo, porque uma vez isso acontecendo, pode se até falar a verdade depois mas ninguém acredita.
    Te pergunto, porque acreditar agora, se esse grupo vem desde 2016 mentindo em absolutamente tudo, veja viu repetir, não mentiram em uma coisa ou outra mentiram em tudo.
    Então, tomara q dessa vez algo venha ser verdadeiro, tomara!

  7. Sergio Binda
    17 de maio de 2018 at 9:44 (3 meses ago)

    Sinal de alerta ligado para o jogo de Domingo. O Patético Paranaense vem de três derrotas consecutivas em casa. Obviamente virão babando e nossos jogadores devem ser alertados para entrar em campo com o objetivo de brigar pela vitória desde o primeiro segundo de jogo. Foco os 90 minutos para evitar desatenções e gols bobos do adversário.

    ST

  8. Valmir Carvalho da Silva
    17 de maio de 2018 at 11:39 (3 meses ago)

    A força do Fluminense é a nossa torcida. Nunca em momento algum da história tivemos benesses de órgãos públicos ou de mídia. Então, amigos, deixemos um pouco as divergências políticas de lado e vamos ao Maracanã apoiar esse time. Esses jogos antes da copa são fundamentais.

  9. Sylvio Montenegro
    17 de maio de 2018 at 15:05 (3 meses ago)

    Check-in feito para os dois jogos. Precisamos muito desses 6 pontos.

  10. Aluisio Silva
    17 de maio de 2018 at 16:44 (3 meses ago)

    Credibilidade é tudo. Ponto.

  11. Wladimir
    17 de maio de 2018 at 17:17 (3 meses ago)

    Gostaria que os dirigentes do fluminense assistissem o video a seguir. Tudo meio óbvio, mas ainda não observado pelas administrações do clube. Sem organização administrativa não vai se resolver nada. Vai se empurrar com a barriga mais um pouco.

    Após anos prometendo melhora, assistir que o Fluminense é um dos clubes com pior gestão da série A é de lascar e ainda com o agravante de um rival do rio estar nadando de braçada.

    Ainda não conclui o que falta mais em nossos dirigentes, se é capacidade de gestão ou boa-vontade.

    http://sportv.globo.com/selecao-sportv/videos/v/estudo-de-campo-samy-dana-analisa-financas-e-gestoes-dos-clubes-brasileiros/6740542/

  12. Rodrigo Baroni
    17 de maio de 2018 at 18:51 (3 meses ago)

    Sei lá, mas é difícil de se compreender o q ele disse, até pq ele em vários momentos mostra desconhecer vários detalhes. Mais me confundiu do q me esclareceu.

    A Flusócio por várias vezes, até aqui neste site em seus posts, citou o framengo como modelo administrativo atual a ser seguido. E, até onde escutamos, o Framengo, neste ponto administrativo de detalhar seus gastos, publicou balanços dizem q com 40 páginas. Disseram q eles esmiuçaram tudo o q gastaram nestes últimos anos.

    Já a gente…

    O nosso balanço tem 3 páginas e meia. Não detalham nada pra gnt. Nossas tabelas são cheias de itens como “gastos diversos”, “outros gastos”, “outras despesas gerais”, etc etc. Isto de detalhar não copiaram da mulambada, mas deveriam. Só copiam a quantidade de gastos de grana em administração, altos demais sim como o próprio Flu mostra em suas tabelas de orçamento (mas o DBueno parece q discorda disto, parece q ele acha pequeno o gasto, então ele deveria nos detalhar e nos acalmar, mas não…). E, arrecadamos, Flu, 1/3 da $ deles, Fra.

    Sobre as tais PJs q recebem do Flu, ele nada esclarece. Como mostram as fotos abaixo, ele é superficial demais, e o entrevistador também é.

    Sobre gastos com Executivos, ele diz q gastamos com os nossos principais, 3 milhões por ano, 250 mil mês.

    Mas tá estranho: acredito q só com os salários de MVFreire, Emanuel, Simone e Teixeira já ultrapassamos os 250mil/mês e 3 milhões/ano. E o resto dos executivos????? A conta não fecha não, tá óbvio…

    Segue 2 fotos em anexo, do próprio Flu, com, por exemplo, em 2017, gastos de 36 milhões ano, 3 milhões mês com o tal BACK OFFICE STAFF. O QUE É ISTO ??????????? O próprio orçamento diz q é gasto com PRESIDÊNCIA, FINANCEIRO, MARKETING, COMERCIAL, ARENAS, JURÍDICO, RH. Li q o escritório do jurídico do Flu recebe 60 mil mês. Então, como gastamos 3 milhões mês com estes ítens ??? É mta grana !!!!! Por q ninguém pergunta isto, e por q não detalham pra gnt ??

    E, mostram, por exemplo, as fotos, gastos com serviços de terceiros de 41 milhões ano, 3,5 M MÊS. Quem recebe o que e quanto aqui ????? O que é isto ????

    https://uploads.disquscdn.com/images/b68cc51b50f3acb4b4fa186775bfa8a6d03cd33ef846954485687e43ac98d868.jpg https://uploads.disquscdn.com/images/f6bca5ea9d494a5b46d40af8f1d2f13f4501eeab6b439cf93b656de1d8b66910.png

    Por que não detalham isto tudo nos demonstrativos ???? Por q não fazem uma publicação de 40, 50 páginas dizendo pra quem vai cada gasto nosso ?? Talvez eles assim pudessem matar grande parte das dúvidas do sócio e do torcedor. Mas escondem detalhes por que???

    INCLUSIVE ACHO TB Q QUEM ENTREVISTOU FORMULOU MUITO MAL AS PERGUNTAS, NÃO PERGUNTA DIREITO, E NÃO VEM COM DADOS EM MENTE, OU ANOTADOS EM PAPEL, PARA FAZER QUESTOES PERTINENTES, BASEADAS NO próprio orçamento do Flu.

    Em resumo, na entrevista, sobre os gastos de 290 milhões de reais do Flu em 2017, ele só explicou, sobre gastos ADMINISTRATIVOS, pra onde vão 3 milhões, q ele disse ir para os principais executivos do Flu.

    E disse também q a maior parte dos 290 m vão para o futebol, o q é óbvio.

    Achei uma entrevista q pouco nos esclarece…

  13. vivianne
    17 de maio de 2018 at 19:00 (3 meses ago)

    Os ratos abandonando o navio, hoje entendo o q muricy falou quando saiu do flu.

  14. Paulo Cavalheiro
    17 de maio de 2018 at 19:21 (3 meses ago)

    Eu trabalho como PJ ou CLT, mas o custo para a empresa contratante varia muito pouco.

    Todas as perdas do CLT são inseridas no custo da PJ.

    Não existe almoço grátis, a conta tem que ser paga.

    E no FFC o desperdício de dinheiro e as negociatas são flagrantes e recorrentes, mas tem cego que não quer ver.

  15. Raul Fernandes
    17 de maio de 2018 at 20:26 (3 meses ago)

    Rodrigo :
    Se o FFC tivesse um presidente competente, este já estaria lutando com todas as armas para evitar essa coincidência (?) de horários.

    O q não deveria ser difícil para quem bateu palmas na última farsa eleitoral na CBF para o meliante Marco Polo del Nero, puxada pelo desconhecido Caboclo.

    Mas, depois de se prestar a votar no candidato de Del Nero na CBF (com os aplausos ao “Capo”!), Abad agora acena com a contratação de Fernando Simone para algum cargo (com $ ?) no clube, após o fracasso retumbante de Simone como diretor de futebol – remunerado – de Peter Siemsen.

    Abad não sabe o q faz. E não aprende

  16. Helvio Lins
    17 de maio de 2018 at 20:39 (3 meses ago)

    E infelizmente, nosso clube vive ‘ressuscitando os mortos’… uma prova disso foi o último jogo: o bravo Kieza, que nunca se firmou em lugar nenhum, e que não marcava desde fevereiro, marcou contra a gente e definiu o jogo e acabou como heroi alvinegro… espero que domingo isto não se repita, mas o FLU adora dar moles como estes…

  17. Paulo Cavalheiro
    17 de maio de 2018 at 20:53 (3 meses ago)

    O balanço do FFC é uma piada, esclarece nada, para inglês ver!!

    Infelizmente o Laranjal está empesteado de ratos, mas alguns tricolores, ainda “fantasiam” a esperança que estes “roedores de grana” se transformem em “anjos” !!

    Felizmente não acredito mais, enquanto não ver corte ousado de despesas e a “expulsão” sumária desta corja de pjs, que sugam o FFC há anos.

    Profissionalização prometida pela Flusócio foi um embuste, simplesmente um cabide de empregos para apaniguados do grupo e seus aliados na conspiração da eleição do Abad.

    Apaniguados sem nenhum preparo profissional e o pior, sem respeitabilidade para reconstruir ou elaborar e conduzir/executar uma disrupção no FFC !!

    Daqui há 10 anos estaremos nesta mesma lenga lenga, ou seja, o clube cada vez mais no buraco e cheio de abutres com a pança satisfeita !!

    Sendo dilapidado há anos em benefício de um pequeno bando de roedores !!

    Ver a torcida feliz, pois o time jogou bem contra o Faísca e está se empenhando, mas perdeu como sempre um clássico carioca, é perceber que o nível de exigência da torcida tricolor foi para o saco !!

    Pobre FFC !!

  18. Paulo Cavalheiro
    17 de maio de 2018 at 23:11 (3 meses ago)

    Nova parceria sensacional.

    Craque contratado, Gustavo Borges, cacete o cara é um ex nadador.

    Fluminense Olímpico Clube .

    Mais um parceiro. Parece o clube do Romário.

  19. Sergio Binda
    17 de maio de 2018 at 23:26 (3 meses ago)

    Eu sempre me perguntei o porque de grupos totalmente antagônicos terem se unido antes das eleições e o que achei mais esquisito foi o grupo que buscou a coalizão, pois se permanecesse separado ficaria em último, ter ficado com as diretorias mais importantes, exceto o Futebol.

    Deu no que deu… clube totalmente deriva, com a direção tendo de começar do zero no quarto final de mandato.

    Pqp…

  20. Paulo Cavalheiro
    18 de maio de 2018 at 0:22 (3 meses ago)

    No FFC temos os ratos oportunistas, pulam do navio, mas ficam nos salva vidas, só observando e aguardando o vislumbramento de + queijos e voltam, tal qual uma peste asquerosa, sedentos de grana !!

  21. Paulo Cavalheiro
    18 de maio de 2018 at 0:29 (3 meses ago)

    Você taxar alguém de idiota é risível !!

    Executivos, o FFC tem um cabidão de empregos de ratos , que não tem onde aportar e foram “acolhidos” no Laranjal.

    Oposição é o cacete, estão no poder há 6,50 anos, prometeram mundos e fundos e estamos neste lodaçal fedorento !!

  22. Diogo Trindade
    18 de maio de 2018 at 2:59 (3 meses ago)

    Hora de ser inteligente, FluSócio. Sei que vocês vão torcer o nariz, mas é hora de tentar amenizar o caos que o clube se encontra.

    Deem o braço a torcer. Ofereçam a VP Jurídica ao Mário. Disso ele entende.

    Convidem o Horta pra VP geral. Convidem pessoas para cargos que possam trazer um mínimo de calma para os bastidores do nosso clube. Só peço que não deem a VP geral ou de futebol para o Celso. Coloquem pessoas que aguentem o tranco e que tenham a possibilidade de somar.

  23. Zeh Paulo
    18 de maio de 2018 at 8:23 (3 meses ago)

    Quando os ratos começam a abandonar o navio é sinal de que o pior está por vir. Deus salve o Fluminense !!! Estão acabando com o clube.

  24. Aluisio Silva
    18 de maio de 2018 at 8:27 (3 meses ago)

    O ano corre e os causos ficam sem solução.
    A dívida aumenta e a situação do clube se agrava.
    Avestruz esconde a cabeça no buraco, quando está em perigo. Apesar do tamanho dele, que lhe permite se defender…

    Ah, dentro de campo está melhorando, animador.

  25. ALEXANDRE MAGNO BARRETO BERWAN
    18 de maio de 2018 at 8:53 (3 meses ago)

    O time está merecendo essa demonstração de apoio!

    Tricolor Da Deprê@tricolorddepre
    16 de mai
    Domingo é dia de mais uma batalha do Fluminense pelo Brasileirão,e ele precisa de nós,vamos apoiar o Fluminense os 90 minutos,juntos samos mais fortes!❤️💚
    Ingresso: R$ 50 inteira/ R$ 25 meia

    Saiba mais informações sobre ingressos para Flu x Atlético-PR:

    http://www.fluminense.com.br/noticia/saiba-mais-informacoes-sobre-ingressos-para-flu-x-atletico-pr

  26. vivianne
    18 de maio de 2018 at 10:19 (3 meses ago)

    Muito triste ver o flu dessa maneira, sempre tivemos problemas, mas sinceramente se alguém tinha alguma dúvida acho q não deve ter mais,
    Pedro Abad caminha a passos largos para se tornar disparado o pior presidente da história do flu.
    Evidente q vão me perguntar, mas não tiveram outros tão ruins quanto? A resposta é claro q sim, porém com essa postura acovardada, se escondendo nas sombras, fugindo do torcedor ou pior mostrando total menosprezo por nós.
    Como já escrevi anteriormente muitos presidentes foram ruins, mas nenhum deles deixou o clube tão isolado políticamente dentro e fora do clube, afastando todos aqueles q em momentos difíceis independente de posição política poderiam ajudar, começo a questionar algumas coisas:
    Será q a incapacidade do Torres, freire, do próprio Bueno, caca, foram originadas por eles ou por falta de interesse do presidente?
    Até a história do e-mail do MT, será q foi ideia dele ou estava cumprindo ordens?
    Tenho 51 anos de idade, como muitos aqui vi o nosso clube passar por momentos difíceis mas nunca vimos o nosso clube tão sozinho, com um comando tão isolado.
    Essa falácia de q o clube não tem como investir no futebol é mentira, apenas está se optando por dar prioridade a esporte amadores e a empregar os amigos, com qual objetivo?
    Não sei, cada um tire sua conclusão já q hoje o fluminense com essa gestão se tornou um verdadeiro mistério, então assim sendo, continuo com a minha teoria q sustento desde a gestão Peter, tudo isso não é por acaso, tudo feito de forma proposital.
    Por isso quando amigos tricolores como Valmir e outros acertadamente me questionam não estar acreditando no time, respondo q estou satisfeita com o empenho da equipe mas acho q isso é pouco para conseguir alguma coisa, e ainda acho o time fraco, superando em campo com entrega total, e mesmo q esse time venha ser uma surpresa, Abad e seu grupo nunca permitirão q isso dure muito, logo irão vender algum destaque por valores duvidosos e aí voltaremos a estação zero.
    Explico assim o porque de defender a saída imediata de Abad da presidência, com ele lá será impossível o flu se tornar realmente um clube vencedor e q tenha o futebol como prioridade!

  27. Wilson Ferrugem
    18 de maio de 2018 at 13:11 (3 meses ago)

    Juro que não entendo! Eu tento!

    O time jogou bem mas perdeu pro fraquíssimo time do Botafogo e vocês tratando como se tivéssemos jogado contra o Real Madrid.

  28. Wilson Ferrugem
    18 de maio de 2018 at 13:17 (3 meses ago)

    Horta? Em que ano estamos meu caro?

  29. Wilson Ferrugem
    18 de maio de 2018 at 13:23 (3 meses ago)

    3 páginas e meia e você está satisfeito meu caro amigo tricolor?

    Todos nós queríamos que a Flusocio fosse a salvadora da pátria, mas não foi! #desapega

    ST

  30. Claudio Souza
    18 de maio de 2018 at 15:03 (3 meses ago)

    Você tem muita razão, mas é muito complicado comparar administrações de épocas em que as únicas notícias que tínhamos vinham da imprensa esportiva, com os tempos atuais, de mídias sociais, blogs e sites onde se publicam milhares de coisas, muitas das quais não temos nem mesmo condições de saber se são verdadeiras ou não.

    O mero fato de estarmos aqui, debatendo a política do clube, por pior que ela esteja, também representa um grande avanço, impossível quando só votavam e participavam da vida política do Fluminense o povo do parquinho, da esgrima, da ginástica, da natação etc.

    Talvez tenhamos tido quadros políticos tão ou mais degradados que o atual, mas só o que conseguíamos ver eram os resultados do time em campo, até porque dívida, marketing, orçamento, patrocínios, cotas de TV etc não eram assuntos que faziam parte do debate esportivo.

    Acho uma tristeza estarmos nessa situação, com o presidente e seu grupo acuados, dezenas de correntes políticas se digladiando e se ofendendo e o clube administrativamente sem rumos claros, justamente após a primeira eleição feita pelos torcedores.

    Tudo isso passa a impressão ruim de que a democratização do clube foi um passo errado, mas penso justamente o contrário. Ao meu ver, os ânimos se acirraram, as correntes políticas radicalizaram e nós estamos participando e debatendo isso tudo, justamente porque nós temos agora o poder de voto. O rei está nú.

    Vejo essa confusão, com todos os equívocos de postura, de ação e de opinião, e mesmo com todas as consequências nefastas para o Fluminense, como uma grande janela de oportunidades.

    Oportunidade para nós torcedores aprendermos a filtrar melhor o que se divulga, os interesses que muitas vezes estão por trás de certas “denúncias” e quem de fato merece ou não crédito dentro dos quadros políticos e do noticiário.

    Oportunidade para as correntes políticas aprenderem a escolher líderes e não apenas candidatos; aprenderem também a fazer e respeitar coalizões, sem quererem impor todas a s suas ideias a todo custo, pois é disso que política se trata.

    Oportunidade para que os dirigentes presentes e futuros aprendam a lidar com esse ambiente público de confrontação, sem se deixarem levar pelas hordas de corneteiros ignorantes ou mal intencionados.

    Oportunidade para todos nós repensarmos a política do clube, possivelmente reformando-a, de forma a acabar com esse clima de campanha eleitoral permanente que mina as forças de um clube já tão depauperado por décadas de administrações incompetentes e irresponsáveis.

    A única coisa que me vem à mente hoje, depois dessa lamentável debandada de vice-presidentes, por incrível que pareça, é a experiência do Vasco, quando fato semelhante aconteceu com o Roberto Dinamite, o deixando isolado.

    O time experimentou uma sequência inédita e desmoralizante de rebaixamentos e a bagunça administrativa aumentou, assim como a dívida.

    Temo agora que isso possa se dar também com o nosso Fluminense, já que o que nos resta hoje é apenas um frágil equilíbrio representado por um time modesto, mas brioso, nas mãos de um treinador com carcaça suficientemente forte para blindá-lo. E todos nós sabemos que basta uma meia-dúzia de resultados ruins para que isso tudo comece a desmoronar e, desmoronando, sabemos que quem sobrou no comando não tem capacidade para segurar o rojão.

    ST

  31. Claudio Souza
    18 de maio de 2018 at 15:10 (3 meses ago)

    Mário Bittencourt somar ? KKKKKKKK. A operação matemática preferida dele é bem outra.

    ST

  32. Claudio Souza
    18 de maio de 2018 at 15:15 (3 meses ago)

    O lado mais desalentador dessa debandada de vices é que agora o que sobrou da Flusócio que, sabemos hoje, já não tinha grandes quadros antes das dissidências recentes, vai ter que fazer um cata-cata para arrumar gente para assumir todos esses cargos importantes. Perigam pegar qualquer desavisado que passe em frente à sede para tapar esses buracos. E o clube, ó…

    ST

  33. Davi Carvalho
    18 de maio de 2018 at 17:14 (3 meses ago)

    Ao Flu no momento faltam nomes como Horta, Parreira… esses nomes seriam bons pra dar um sopro de credibilidade pra essa diretoria e fazer com que o clube chegue vivo ao fim de 2019.

  34. Davi Carvalho
    18 de maio de 2018 at 17:21 (3 meses ago)

    Mário jamais aceitaria o jurídico e mesmo que fizesse pediria em troca a gente sabe muito bem o que, sem contar sua falta de competência latente.
    O cara usa seus minions e sites parceiros pra fazer politicagem, esse não merece qualquer voto de confiança, até mesmo porque fez parte dessa turma que tá aí.
    Doutor Horta seria uma figura de credibilidade, alguém que atrairia a boa imagem ao clube, poderia somar elementos hoje separados.
    O próprio parreira poderia ser um bom nome.
    Mas tudo isso é sonho, quem vai entrar vai ser a galerinha da sauna.

  35. Aluisio Silva
    18 de maio de 2018 at 17:31 (3 meses ago)

    Existe, não sei bem porque, a tendência em analisar isso tudo pelo aspecto político e de gerenciamento.
    Não é!
    O buraco é (muito) mais embaixo.

    Detonaram com o Flu!!!

    Simples assim.

  36. Valmir Carvalho da Silva
    18 de maio de 2018 at 17:54 (3 meses ago)

    Você tem razão, Viviane. Um presidente que afirma que o Flu é um clube VENDEDOR e que se mantém com essa postura acovardada, mostrando total menosprezo ao torcedor, falta de humildade e transformando o Fluminense numa caixa preta no fundo do oceano, eu jamais vi ao longo dos meus 53 anos. Temo que a amiga também tenha razão em relação a intencionalidade disso tudo que acompanhamos na gestão do clube. Até hoje não digeri a saída do Pedro Antônio. Entretanto, meu amor pelo Futebol do Fluminense, razão da sua existência e o motivo de arrastar milhões de apaixonados torcedores, jamais me deixará moribundo e alheio. Por isso, conclamo a todos que podem ajudar de alguma maneira que façam. A minha maneira é essa. Dentro da minha disponibilidade vou aos jogos, sou sócio, compro produtos oficiais e tento, reconhecendo minha ignorância, dar algumas sugestões. Grande abraço.

  37. vivianne
    18 de maio de 2018 at 18:20 (3 meses ago)

    Amigo Claudio acho sua colocação perfeita, inclusive com um poder de equilíbrio q eu confesso nao tenho, o sangue sobe e ai perco a razão.
    Concordo no ponto q vc coloca a questao de existir ptesidentes tao ruins, desculpe o q vou falar vou usar o exemplo do horcades q muito justamente foi defenestrado, todos nós sabiamos da incapacidade dele, mas se formos lembrar, ele sabia tb, e assumia isso deixando o futebol e tinhamos sempre alguem q aoarecia e resolvia.
    Um exemplo claro foi 2009 quando quadros q eram da oposição assumiram o futebol e salvaram o flu do rebaixamento, e ai q está o ponto q estou alertando, nas outras gestões ruins quando a coisa ficava feia havia a possibilidade de alguém aparecer e resolver, agora te pergunto, vendo a postura da Flusócio e do Pinóquio 2, se fosse ele presidente do clube em 2009 aceitaria a ajuda de fora? Esta claro q não, estou pontuando um fato q foi fundamental para os títulos q vieram a seguir.
    É so ver desde a gestao Peter e continua na gestão Abad a quantidade de direrores, jogadores, grupos, dirigentes, treinadores q sairam do flu, todos falam a mesma coisa, q nao puderam desenvolver o trabalho ou q foram traídos, pode ver, esse é o oroblema, volto afirmar, problema politico todos tem, vide vasco, palmeiras e outros com grupos turbulência, isso nao assusta, sempre foi assim, o q me assusta é o modus operanti da Flusócio q isolou o flu, destruiu a imagem do clube, fez pouco dos idolos q tivemos como o Fred, fez pouco caso da parceria com a Unimed, adidas, vi a entrevista do Alcides Antunes, reclamava dele mas pensa comigo com erros e acertos sabiamos quem era o vice de futebol, te pergunto quem é o vice nosso hoje, ninguem sabe?
    Kd o presidente q nao da entrevista, se esconde, nunca tivemos isso?!
    Estou pontiando exemplos para ficar mais claro, amigo trabalhei anks anos na política vi coisas q ate Deus duvida, poetanto reafirmo, erros esporádicos sao comuns, todas as decisoes erradas nao tem a menor chance de ser ao acaso, na minha visao tudo desde a gestao Peter foi muito bem planejado e pensado, por isso ao contrário dos antigos dirigentes q eram apenas incompetentes, hoje vejo muita coisa pior q isso, e nao estou falando de desonestidade nao, ate porque nao conheço para fazer uma afirmação dessas, estou falando mesmo de pessoas plantadas para segurar o flu, q apesar dos problemas da era Unimed, passou esportivamente a incomodar o queridinho da mídia.
    Vou repetir, nao acho o Abad incompetente, acho ele plantado no flu, baseado em tudo o q falei acima, mais a minha experiência em politica.
    O q nos resta é apoiar o time q luta, briga, e apostar na grandeza da nossa camisa.
    ST

  38. Claudio Souza
    18 de maio de 2018 at 19:14 (3 meses ago)

    É verdade. Agora, segundo o NotFlu, o projeto de recuperação das Laranjeiras vai parar.

    Como é difícil confiar nesse tipo de notícia, não vou dar isso como favas contadas, mas, se for verdade, Abad e cia poderão fazer com que fiquemos sem Laranjeiras e sem estádio para 40 mil na zona oeste, porque um clube duro como o nosso, não tem nem condições de comprar nem o terreno, quanto mais levantar um estádio. Isso seria o capítulo 2 da empulhação iniciada por Peter Pinóquio, como você bem diz e me custou acreditar.

    Concluindo : ficaremos com prejuízos em sequência no Maracanã, mesmo devendo na praça. É burrice, incompetência ou algo pior? Tá difícil de saber…

    ST

  39. Gilberto Cabral
    18 de maio de 2018 at 22:09 (3 meses ago)

    Segundo Abel, “O futebol é o carro-chefe do clube, mas não é o dono do clube”. É sim sr. Abel, o futebol é o dono do clube em um clube de futebol, pode não ser em um clube social aqui da minha cidade ou do meu bairro, mas no FFC o futebol manda, e manda através de sua torcida que só existe em função de sua paixão pelo futebol. Abel, seria seria melhor treinar o posicionamento dos seus zagueiros, já fez isto esta semana?

  40. Sergio Binda
    18 de maio de 2018 at 23:47 (3 meses ago)

    Algumas coisas eu nunca engoli. Este diretor financeiro que mal tirou as fraldas, o vice geral que nunca apareceu e este mesmo grupo esvaziando o Pedro Antonio porque nunca viram o cara na arquibancada….

    O Abad não tem as características de liderança para um cargo como o que exerce, mas também estava muito mal acompanhado.

    Espero que consiga recompor sua diretoria com gente competente e de bem.

    ST

  41. Ricardo Ferreira
    19 de maio de 2018 at 11:45 (3 meses ago)

    Pois é. Eu estava com vontade de comentar mais essa fala estúpida desse cidadão. Mas já que você tocou no assunto.

    Na verdade eu acho que em seus delírios, em seu mundo paralelo, Abel Braga está se sentindo ele próprio o dono do Fluminense. Portanto não pode haver outro.

    Viver para ver o Fluminense de cócoras, agachado para um simples técnico de futebol.

  42. Marcelo Fontoura
    19 de maio de 2018 at 23:29 (3 meses ago)

    Ótimos números!! Concordo.

  43. Gilberto Cabral
    20 de maio de 2018 at 16:08 (3 meses ago)

    Temos que ganhar hoje, não há outro resultado a não ser a vitória, sei que são 11 x 11, mas uma vitória seria importantíssimo para dar uma acalmada (mais uma) no caldeirão da Alvaro Chaves. Depois tem a Chape, aí já complica um pouco, mas também podemos colocar uns 30.000 contra eles e quem sabe acabar com a “escrita”! E viva o futebol! foda-se a política e seus políticos.

Deixe um Comentário