Como funciona o mercado de atletas?

Mercado da Bola

Estamos em plena janela de transferências e, nos últimos dias, aconteceram várias especulações e sondagens, em cima jogadores de vários clubes. É algo normal, inerente ao negócio futebol, mercado onde a venda de direitos econômicos sobre jogadores constitui uma das mais expressivas fontes de receita.

Também é normal a gritaria dos torcedores quando seus times de coração cogitam vender atletas, afinal, torcedor geralmente só percebe o aspecto esportivo e não considera a preocupação em pagar as contas do seu time, isso é papel das diretorias. São também bastante comuns as inúmeras avaliações sobre quanto vale cada atleta, recheadas de subjetividade, como se o preço dos DEs fosse determinado pelo clube vendedor e não pelo mercado.

Ao fazer propostas, clubes compradores ou seus agentes avaliam fatores relevantes como sua capacidade de investimento, idade do jogador, destaque recente, histórico extra-campo, histórico de lesões, biótipo físico, polivalência de posições, expectativa de crescimento e principalmente convocações para as seleções brasileiras de base e principal. Também influi bastante o interesse do atleta em se transferir.

O preço de mercado também depende da posição em campo: por isso atacantes e meias, posições que exigem maior condição técnica, são sempre mais valorizados que volantes, zagueiros e goleiros, por exemplo.

Também é importante entender que o clube tem percentuais de direitos econômicos diferentes de cada jogador. São informações públicas, obrigatórias por norma do Conselho Federal de Contabilidade, divulgada nos balanços anuais das instituições esportivas. Os balanços do Flu ficam no site oficial, menu Transparência.

Raramente um determinado clube detém 100% dos DEs de um atleta, pois a maioria dos que chegam oriundos dos trabalhos de scout e observação técnica são frutos de parcerias entre o clube comprador e outros clubes formadores (ou seus agentes representantes).

Quando se ouve falar que o Flu detém 50% dos DEs de algum atleta significa que, no momento da contratação, optou-se por dividir o risco do jogador não dar certo, pagando menos que o clube de origem pedia, mas oferecendo em contrapartida a divisão do possível lucro numa revenda. Isso aconteceu, por exemplo, na contratação do Richarlison junto ao América-MG.

Em muitos casos, o Flu conseguiu não pagar nada pela vinda do atleta, mas se comprometeu a dividir o lucro numa revenda. Isso aconteceu, por exemplo, na aquisição do Gustavo Scarpa, ainda em idade juvenil, junto ao seu ex-clube, o Desportivo Brasil.

Cessões de percentuais de DEs também são rotineiramente usados pelos clubes em renovações de contrato de atletas, para que não sejam obrigados a dar aumento tão substancial de salários quanto aquilo que foi pleiteado. Na prática funcionam como elementos de negociações com jogadores, agentes, clubes parceiros e família dos atletas.

Também é comum que, em momentos mais abastados, clubes comprem parte dos DEs de atletas mais promissores que estavam em posse de parceiros. Aconteceu, por exemplo, no caso Gerson, pois meses antes de vender o jogador para a Roma, o Flu comprou os 10% que o pai do atleta detinha, totalizando 70%.

Desde o início do mandato, o Presidente Pedro Abad tem sido muito transparente, deixando claro à torcida que o Flu terá que negociar atletas neste ano.

Mas até o momento o Flu não negociou ninguém a não ser o lateral Aílton para o Estoril e o atacante Samuel para o seu clube atual no Oriente Médio. Foram negociações oportunas, de jogadores que não estavam mais nos planos, mas os valores não resolvem os problemas de caixa do momento.

Importante também observar que a negociação do Ailton foi realizada com o artifício chamado “sell on”, ou seja, o Flu não negociou todos os 60% de DEs que detinha. Manteve 15%. Isso significa o seguinte: se hipoteticamente Ailton for revendido no futuro pelo Estoril para o Benfica por alguns milhões de euros, o Flu terá direito a 15% sobre a diferença entre o valor de revenda e o valor de compra.

Ao longo do ano de 2017, o Fluminense já recusou algumas propostas por Richarlison (mais de uma), Scarpa, Wendel e outros. É preciso reconhecer que a diretoria está seguindo à risca a promessa de valorizar nossos ativos e não se submeter às primeiras ofertas, mesmo diante de toda dificuldade financeira do momento. Mas quem vai determinar até onde essa corda estica é um conjunto de fatores, dentre eles a percepção do mercado para o investimento, a necessidade financeira imediata do nosso clube e os possíveis leilões entre clubes compradores que desejam os atletas do Flu.

É importante o torcedor entender que não adiantaria ter um time promissor em campo com salários em atraso, pois isso enfraqueceria nossa competitividade. Bem como não adiantaria somar pontos no Campeonato Brasileiro e perdê-los por não pagamento do PROFUT, algo que pode acontecer pelas novas regras da CBF. Desempenho esportivo e saúde financeira são engrenagens totalmente encadeadas, que precisam andar juntas.

Fomos informados que a questão técnica estará sendo considerada pela diretoria na estratégia de vendas de direitos econômicos nesta janela de transferências, e que algumas reposições pontuais também poderão chegar. Mas não deve haver nervosismo se o Flu tiver que vender alguns jogadores para fazer caixa. É algo normal. Até mesmo os clubes mais abastados do país negociam atletas para se financiar, e o assédio em cima de nossos jogadores apenas mostra a força do nosso elenco, reforçando a vocação do Flu como formador de talentos.

  • Alexandre Said Delvaux

    Agradeço a explicação feita por quem conhece o mercado. O FLUMINENSE não é um curso de contabilidade, mas uma parte da torcida merece receber informações técnicas, que podem representar oportunidades nas suas respectivas áreas de trabalho.

  • Fernando Ventura Jr.

    Bom ser informado, mas está parecendo que está se justificando para em seguida fazer um desmanche no elenco. Jogadores como Wendel, Calazans parecem os mais promissores, uma vez que Scarpa vem mal e Richarlison não anda encantando a torcida.

    • Thiago Resende

      Caro Tricolor.

      As vendas são inevitáveis, o próprio presidente foi bem claro nesse sentido! O objetivo do post é trazer informações de como funciona o mercado da bola, pois tem muita gente que não tem noção sobre o tema.

      Wendel e Calazans já tiveram propostas e todas foram recusadas pelo clube, o que demonstra que mesmo sem dinheiro a gente vai fazer jogo duro e tentar esticar a corda ao máximo.

      ST

  • Fabio DB

    A venda de algum jogador importante do elenco pode ser vista natural e até mesmo necessária dentro de certos limites. Há restrições na vida real que precisam de ação. OK, para o nosso clube em dificuldades (esse não é o caso do Barcelona) e em processo de ajustes e mudanças de processos de gestão. As perdas técnicas prováveis são a parte negativa de ações visando um cenário muito melhor no futuro. OK2!

    Mas, repetindo o dito antes, a coerência dessa política que precisa ser respeitada e praticada.

    Seguindo a mesma lógica, a existência de jogadores recebendo salários muito acima do mercado (sem retorno técnico justificável) no elenco não é natural, não é necessária, compromete o pagamento do PROFUT, a saúde financeira do clube, etc. Como dito no post “a preocupação em pagar as contas do seu time, isso é papel das diretorias”. Os custos fazem parte disso. Ou não?

    Então, as ações objetivando AUMENTO DE RECEITAS devem estar associadas às de REDUÇÃO DE DESPESAS. Ambas tem EXATAMENTE O MESMO FIM: buscar robustez econômico-financeira do clube. Como consequência (dentre várias…seria até desnecessário dizer), a medida em que reduzimos o nosso custo mensal, estaremos em condições de realizar a venda jogadores por melhores valores, pois a “pressão” de vende seria menor.

    ST

    • Danilo Soares Félix

      Fábio, o Flu já reduziu 25% da folha de pagamento no futebol e obteve competitividade acima dos anos anteriores. Esse trabalho de redução de despesas está em processo e tem sido bem agressivo.

      Há uma boa entrevista do Veiga sobre o tema;

      https://oglobo.globo.com/esportes/fluminense-reduz-folha-salarial-do-time-em-25-obtem-resultados-melhores-do-em-2016-21543041

      Mas lembro que não é nada fácil negociar jogadores veteranos, com contratos longos e salários altos. As amarras sobre o clube acontecem na hora de celebrar os contratos.

      • Fabio DB

        Sim, Danilo, um belo trabalho já foi feito.
        E verdade, as dificuldades com os veteranos são grandes, até mesmo pelo aspecto pessoal/emocional, pois se tratam de atletas e pessoas exemplares. Mas o clube está sendo muito prejudicado pelo desequilíbrio desses contratos. Não tem jeito. Há uma injustiça contra o FFC. Então, se há injustiça, há o argumento e sustentação para toda e qualquer ação necessária, dentro da segurança jurídica.
        ST

  • Fernando Ventura Jr.

    A se confirmar as saídas de Wendel e Calazans e pelos valores indicados no NetFlu, combinados com a desistência de se usar a área olímpica como estádio, a demissão do cara que fazia as coisas acontecerem e a imobilidade da diretoria para com a administradora do Maracanã é o caso de cancelar o plano de sócio torcedor e nem mais assistir futebol. :-(

    • Danilo Soares Félix

      NetFlu não pode ser referência pra ninguém. Só chuta informação, sem qualquer critério, não validam na fonte, não escutam a outra parte. É um site basicamente de oposição.

      Falar em “imobilidade com relação ao Maracanã” parece uma brincadeira, pois até o CRF, clube de maior orçamento do Brasil, correu dos custos do Maracanã.

      Com relação ao estádio, nós teremos o nosso. Questão de tempo.

      • Ricardo Ferreira

        Cabe ao leitor das diversas “notícias” ter senso crítico.

        Nós torcedores podemos e devemos demonstrar nossa preocupação, nossa apreensão quanto a um possível enfraquecimento do nosso elenco. Especular, formular hipóteses etc. Normal. Ainda bem que temos torcedores tão engajados, tão preocupados com os destinos do nosso amado Fluminense. Lógico que dentro de padrões civilizados, sem histeria, sem ansiedade exagerada.

        Todavia todo e qualquer veículo de mídia, os profissionais de comunicação, de jornalismo, possuem total responsabilidade sobre as informações que veiculam. Aprendamos a separar o joio do trigo. Muito oportuna a parábola.

      • Fernando Ventura Jr.

        Mas o nosso contrato com o antigo consórcio. Não podíamos forçar a barra para ser indenizado e aí buscar um novo contrato com a atual administradora?

        Com relação aos jogadores. Lembro que fizeram uma oferta sensacional, não me lembro se segundo o NetFlu, e recusamos. Há valores que não podem ser recusados, especialmente se depois vendemos por dez vezes menos.

      • Fabio DB

        NetFlu é bondade sua. É NOTFlu.
        ST

  • Ricardo Ferreira

    Comunicação, governança corporativa, transparência.

    É por aí. Esse trio e canja de galinha não fazem mal a ninguém.

    Se conseguirmos realizar (!) apenas Léo e Richarlison, estará de bom tamanho.

    Os assédios continuarão. Sinal que temos bons ativos (!!).

    Até Wellington pode entrar na berlinda. Alô Paris!

    Paralelo a toda esta movimentação, penso que temos que centrar baterias na resolução do grave problema dos nossos goleiros.

    Também compreender a evidente necessidade de colher bons resultados nas quatro linhas. Este é um fator crucial, primordial a fim de nos dar tranquilidade, um mínimo de segurança para atravessar esta complexa quadra da nossa história.

    Neste sentido nosso técnico atual, Abel Braga, precisa ser convencido de que ele possui um elenco com algumas limitações que não podem ser ignoradas.
    Estamos no curso de uma guerra. Então em determinadas circunstâncias, há que se ter prudência, sabedoria, estratégia para SE MANTER VIVO. Tudo que não se pode admitir são posturas atabalhoadas, desconectadas da realidade dos fatos, arroubos alienados, suicidas.

    • Fernando Ventura Jr.

      Se forem esses dois a sair, beleza. Para o caso do Leo temos o Mascarenha, o próprio Calazans e a possibilidade de trazer o Marlon do Chapecoense(?) Quanto ao Richarlison não desmereço o jogador, mas ainda é atabalhoado, faz faltas, se joga, apesar de ter potencial e o WS, a meu ver é melhor, por conta até da velocidade. Agora perder o Calazans ou o Wendel não. O Scarpa ainda não voltou a ser o Scarpa e poderia até sair. Seria interessante manter parte do passe para recuperar em uma revenda posterior.

      Os clubes europeus costumam colocar os atletas em um time B ou emprestar a clubes menores. Isso envolve um custo. Não podemos usar o STK Samorim para fazer essa transição e vender os direitos federativos por um valor maior?

  • Danilo Soares Félix

    Eu sou torcedor de arquibancada e entendo a angústia, mas vendas de atletas acontecerão. Ponto. Não há qualquer novidade nisso, pois o Abad tem falado desde o início do ano. Acho louvável ele já ter recusado propostas, não ter se submetido às primeiras ofertas, mesmo com o país em crise inimaginável e o Flu com clara dificuldade de caixa.

    Mas o que tenho visto nas redes é um festival de comparações descabidas com relação aos valores. Comparam, por exemplo, preço de venda de atacante com volante. Comparam transações com sell on x transações sem sell on. Comparam vendas de jogadores de seleção com outros que nunca estiveram lá.

    O objetivo do post é dar uma organizada nesta confusão de ideias, oferecer informação ao torcedor sobre como esse mercado funciona. E mostrar exemplos concretos. Acho que será produtivo para muita gente organizar os pensamentos.

    • Ricardo Ferreira

      Cross-selling e up-selling também são conceitos interessantes. Complicou hein? Hahahaha!!

      Danilão, explica pra galera o que seriam transações com sell on e sem sell on, especificamente nas negociações envolvendo jogadores de futebol.

      Mais alguém se apresenta? Hehehe.

      • Ricardo Ferreira

        Na verdade está razoavelmente explicado neste parágrafo do editorial:

        “”Importante também observar que a negociação do Ailton foi realizada com o
        artifício chamado “sell on”, ou seja, o Flu não negociou todos os 60%
        de DEs que detinha. Manteve 15%. Isso significa o seguinte: se
        hipoteticamente Ailton for revendido no futuro pelo Estoril para o
        Benfica por alguns milhões de euros, o Flu terá direito a 15% deste
        valor.””

  • Danilo Soares Félix

    Porto faz oferta de R$ 26 milhões por Wendel, mas diretoria do Flu recusa

    Empresário do jogador confirma tentativa do clube português e não descarta nova investida. Segundo o último balanço, Tricolor detém 90% dos direitos econômicos do volante

    http://globoesporte.globo.com/futebol/times/fluminense/noticia/porto-faz-oferta-de-r-26-milhoes-por-wendel-mas-diretoria-do-flu-recusa.ghtml

  • Danilo Soares Félix

    Atalanta oferece R$ 11 milhões por Calazans; Flu considera valor baixo

    Titular de Abel Braga há sete jogos, meia-atacante de 21 anos desperta interesse ainda de outros clubes europeus. Segundo o último balanço, Tricolor tem 60% dos direitos econômicos

    http://globoesporte.globo.com/futebol/times/fluminense/noticia/atalanta-oferece-r-11-milhoes-por-calazans-flu-considera-valor-baixo.ghtml

  • Danilo Soares Félix

    Flu recusa proposta de R$ 30 milhões do Ajax pelo atacante Richarlison

    Time da Holanda fez oferta de 9 milhões de euros pelo jogador, que defende atualmente a seleção sub-20. Campeonato no Equador termina em 11 de fevereiro

    http://globoesporte.globo.com/futebol/times/fluminense/noticia/2017/01/fluminense-recusa-proposta-do-ajax-pelo-atacante-richarlison.html

  • Danilo Soares Félix

    Colei 3 acontecimentos recentes aí embaixo. Mas alguns nas redes sociais chamam o Abad de “pouco usado” e falam que o Flu atual é um balcão de negócios. A moda é contrariar os fatos. Vai vender? Sim, tem que vender alguns. A qualquer preço? Não.

  • Flavio Chammas

    SENHORES

    VOU ME PERMITIR POSTAR EM CAIXA ALTÍSSIMA.

    TODOS OS QUE FALAM AQUI EM CONTRATAR /VENDER JOGADORES, DEVEM LER COM BASTANTE ATENÇÃO O POST E OS COMENTA´RIOS QUE VEM LOGO A SEGUIR.

    LEIAM DUAS VEZES SE NÃO ENTENDEREM NA PRIMEIRA,

    MAIS DIDÁTICO E EXPLICADO IMPOSSÍVEL, E ESTA É A NOSSA REALIDADE.

    QUE TEM QUE VENDER JÁ SABEMOS, MAS TAMBÉM JÁ SE PERCEBEU QUE NÃO VAMOS NA PRIMEIRA OFERTA.

    SE HOUVER OFERTAS POR VÁRIOS, QUE SE PENSE EM VENDER OS QUE MENOS ATRAPALHARIAM A FORMAÇÃO DE UM TIME, OU ATÉ MESMO OS QUE TERÍAMOS UMA REPOSIÇÃO IMEDIATA (LEO COMO EXEMPLO).

    OBRIGADO AO DANILO PELA EXPOSIÇÃO E A AJUDA DOS DEMAIS QUE POSTARAM, ASSIM DEVEMOS FAZER, COBRAR , CRITICAR, MAS APOIAR O TRABALHO, QUE ME PARECE MUITO SÉRIO.

    • Fernando Ventura Jr.

      É bom ressaltar, Flávio, que parte do problema veio das bocas de pessoas importantes do clube que alardeiam que precisarão vender jogadores. Uma coisa é o mercado descobrir que você não está bem. Outra é você botar a boca no trombone e anunciar isso em alto e bom som.

      Alguém saberia dizer a quantas anda o pagamento de atrasados da Viton? E a dívida da Dryworld? Assinamos com a Globo e não adiantamos cotas. Seria interessante pedir adiantamento? A CBF ajuda seus afiliados. Não seria hora de pedir ajuda? Os juros do Brasil são altos. Os juros na Estônia também? É possível o Samorim pegar dinheiro e reverter em dólar e nos enviar ou é evasão de divisas?

      • Flavio Chammas

        Mas não se pediu transparência? Então se coloca a realidade.
        Será que os nossos dirigentes já não procuraram estas alternativas?
        Não devemos fazer pouco de profissionais que tem se mostrado a altura de nossos problemas.

        • Alexandre Said Delvaux

          Transparência está relacionada com o registro e publicação dos demonstrativos, relatórios, normas etc, também com a efetiva ação dos órgãos fiscalizadores e a eficácia do conjunto de procedimentos de acountability. Não é ficar alardeando as suas fraquezas para o mercado.

          • Flavio Chammas

            No bom debate, sem polemizar.
            Se vc publica tudo, o mercado le e sabe de sua situação.
            Vc vai lá fala outra coisa, vão dizer o que?
            Melhor encarar e recusar propostas como se fez, mostra firmeza e determinação, e que mesmo devendo, não vao comprar por preço vil.

          • Alexandre Said Delvaux

            Verdade, Flávio. No entanto, o Torres mostrou que as coisas podem ser expostas de modo mais inteligente. Mudando de assunto, como você mesmo diz, é preciso jogar sal grosso, agora surge a notícia que a UA está abrindo o bico. Prefiro esperar um pouco, afinal o contrato com o FLUMINENSE é um pouco diferente e pode ser melhor para as duas partes do que o contrato da empresa com o spfc. Mas que é dureza é.

  • Davi Carvalho

    PQP, agora até a UA tá numa ruim.
    Maldita crise, maldito Temer.

    • Marcelo Teixeira

      Under Armour ja desmentiu!

      St

  • Fábio Barbosa de Araújo

    Eu tinha até dito que não participaria mais, mas vou tentar mais uma vez.

    Primeiramente, bom texto. Pertinente e consistente. Fico feliz em ver que clube está resistindo às primeiras ofertas, buscando valorizar ao máximo suas principais peças, além de contratar outras com potencial, como o LE Marlon. Fica o elogio. Acho que é um bom sinal.

    O problema maior é a falta de experiência do time. Uma ou duas peças (não necessariamente medalhões) poderiam encorpar mt o time. Jogador jovem e com potencial é importantíssimo, mas falta jogador um pouco mais rodado nesse time.

    Além do problema financeiro imediato, que impõe necessidade de vender atletas para pagar as despesas correntes, o Fluminense tem um problema econômico de fundo, pois suas despesas correntes são bem maiores que as receitas ordinárias.

    Esse equilíbrio entre despesas correntes e as receitas ordinárias é importante justamente para que o clube possa manter suas promessas mais tempo, vendendo quando realmente for uma grande oportunidade, sem estar pressionado por necessidade imediata. Além disso, permitiria que as vendas fossem canalizadas para investimentos em projetos estratégicos (CT, estádio, reforços, etc).

    Então, o que eu pergunto, honestamente e sem ironia, é:

    – existe alguma projeção se ou qual alcançaremos esse equilíbrio? Quanto (R$) precisamos fazer em vendas para que isso possa acontecer?

    – além dos cortes na folha, o que mais tem sido feito, concretamente, para reduzir os custos do clube (administrativo, operacional e financeiro)?

    – E além dos cortes, no lado das receitas, o que tem sido feito para aumentar as receitas ordinárias do clube? Planos de sócios

    No fim, vou me permitir uma sugestão. Esse é o portal da transparência do BFR: http://www.botafogo.com.br/transparencia/

    Ali tem muitas informações, desde receitas com STs e nº de sócios adimplentes, acompanhamento do pagamento do Ato, PROFUT, etc, de uma forma muito mais completa e didática do que no Flu. Podemos fazer algo parecido, quiça melhor?

    Abraços e ST!

    • Ricardo Ferreira

      Não desista nunca, caro Fábio.

      Bela participação.

      São questionamentos válidos, estão certamente na consciência de todos os Tricolores. Ponderações razoáveis.

      A questão do equilíbrio orçamentário não sei se poderia ser esclarecida integralmente. Isto envolve fatores estratégicos, pontos sensíveis em termos negociais. Mas é uma indagação válida.

      As demais dúvidas, a sugestão dada, haverão de ser respondidas por quem com certeza possui muito mais embasamento do que eu.

      • Fábio Barbosa de Araújo

        Obrigado Ricardo!

        Claro que não espero um relatorio gerencial detalhado com numeros confidenciais, apenas ter uma enumeração de ações concretas direcionadas para isso e, claro, as infos que puderem ser divulgadas.

        Não quero pautar o grupo, mas posts como esse, mais explicativos e expositivos com exemplos concretos, que falem pra torcida e não para a política interna, especialmente se vierem acompanhados de uma abertura para o diálogo mais efetiva nos comentarios, poderia ajudar muito.

  • Alexandre Said Delvaux

    Dar murro em ponta de faca ou, como você costuma dizer, gastar sal com peixe podre…as duas coisas são ruins. Você vê, um texto claro, que coloca bem algumas diferenças entre negociações, aí aparece o sujeito que provavelmente não leu até a segunda linha e compara alhos com bugalhos, conhaque de alcatrão com catraca de canhão, a grande obra do Picasso com a grande pica do mestre de obras…. É muito difícil lidar com refratários.
    Segue o jogo!

  • Claudio Souza
  • Davi Carvalho

    Laranjeiras lá só esperando revitalizar, terreno já temos, bastaria botar pra frente esse projeto.
    Já pensou nosso estádio assim https://3dwarehouse.sketchup.com/model/u2ffb8730-b9c1-4384-b9b0-f33dbc496f57/Laranjeiras-Arena

  • Jorge Eduardo

    Se conseguirem vender o Léo, o Douglas e o MJ não fariam tanta falta… mas os que são pretendidos farão muita falta e apesar de termos jogadores promissores, dificilmente teremos um que seja vendido pelo preço que nos tiraria do sufoco… antes das eleições mentiram deslavadamente para serem eleitos, depois abriram o jogo da nossa péssima situação financeira e de que precisaríamos vender jogadores… só isso não torna correto… precisamos fazer isso pela incompetência da gestão passada e que continua até agora pois não se consegue arrumar novas receitas que não sejam venda dos melhores jogadores e que não resultem no enfraquecimento do nosso time.

  • Fabio DB

    Exatamente o ponto.
    ST

  • Fabio DB

    A participacao do Danilo, essa abertura de diálogo direto com a torcida, é excepcional e precisa SIM ser reconhecida.

    O blog em si é uma excelente ferramenta de comunicacao….. alias o debate aqui tb é o melhor disparado entre os tricolores.

    Não creio que exista algo similar em outros clubes.

    ST

  • Fabio DB

    Difícil entender. Nunca jogou um jogo em nível bom na equipe ou mostrou algo diferente.
    ST

  • Ricardo Ferreira

    https://uploads.disquscdn.com/images/32c4d1939ac8937437c94241472bdb7d3a32560e9f0f8bc4754b21a0431b72a5.gif

    Duas matinais para entreter a dileta plateia.

    1) wo x urubu. São Januaru, 18 horas de um sábado. Hoje.
    Não vi até agora ninguém arrancando as calças pela cabeça.

    Poodles x galinhas. Domingo, 19 horas no Enchenão.

    Fluzão x Baea. Domingo, 16 horas. TV aberta para muitas praças, inclusive RJ.

    Ponto fora da curva?

    2) E essa agora da Under Armour com os bambis?

    Pqp. Desconjuro, pé de pato, mangalô três veis!!

  • Jorge Eduardo

    Por que não pegam dicas dos outros clubes de como fazer para negociar jogadores por valores compatíveis com o que valem? Bate lá na porta dos Flavecos, nossos grandes parceiros (?) e pergunta como fizeram para vender um jogador de 16 anos, que nada fez no profissional, por mais de R$ 100 milhões? Nossa contraproposta para vender o Marquinhos Calazans, meia-atacante, é de apenas 22 milhões, soa muito mal… precisamos de 75 milhões, porque o grande pagador de contas ou contador de histórias, deixou o clube na penúria, de 22 em 22 milhões, em jogadores que valem muito mais e que temos de 50% a 90%, vamos precisar vender todos os que prestam, simplesmente porque não sabemos vender jogadores (ou não queremos saber) por valores mais altos… não queria vender nenhum desses, mas se tem que vender alguém que seja os que não farão tanta falta…. aliás quanto vale jogadores de defesa como Marcelo e Thiago Silva, que saíram praticamente de graça daqui?

    • Claudio Souza

      Pelo amor de Dadá, você continua dando crédito a tudo o que lê na mídia? Ainda mais nessa época de especulações?

      ST

      • Jorge Eduardo

        Cláudio, não tem como não se preocupar, nosso time que já tem claras deficiências, sobretudo na defesa, ficará muito enfraquecido se perdermos esses jogadores. Se for para vender alguém, tem que ser bem estudado e o valor de venda tem que valer muito a pena, para que não tenhamos que vender 4 ou 5 para fechar as contas.

        O ideal seria também já começar a orquestrar acordos com os jogadores mais caros e que não estão mais jogando, para ver se reduzimos os prejuízos.

  • Marcelo Teixeira

    W Nem seria vendido em janeiro de 2012 na volta do figueirense sem dar retorno Tecnico ao Flu por 6 milhões de euros. Por pressao da torcida, ficou. Foi campeao carioca, Brasileiro e saiu por 10 milhoes de euros. Ano passado a torcida pediu o mesmo com o biro biro. Nao fou feito na volta da ponte preta. Saiu por um valor que nao sabemos.

    As vendas sao inevitaveis, mas deve se observar se os referidos jogadores estao em evolucao ou ja atingiram seu apice no Brasil. Ao meu ver, wendel e calazans estao em franca evolucao. Ja Richarlison, scarpa e Leo, atingiram seu apice. Alias, o Scarpa ja esteve melhor. Vai se recuperar com certeza.

    Rodrigo Caio acaba de ser vendido por 18 milhoes de euros. É zagueiro.

    St

    • Rafael Pottes

      Oi Marcelo, concordo com td q vc falou, mas em contrapartida existem os casos em q perdemos tb, e q p sermos justos temos de citar.
      Lenny….clássico exemplo, devíamos ter vendido no dia seguinte a sua atuação primorosa contra o cruzeiro…kkkk
      Outro exemplo, bem recente é o Douglas, q deixamos de negociar apostando em valorização e titularidade neste ano e perdemos oferta de 6M Euros p um jogador q agora tem um problema sério de saúde e sequer sabemos se poderá voltar a atuar regularmente (mesmo como médico não consigo dizer). Obs…embora sua ausência tenha aberto espaco p o Wendel…
      Futebol n é matemática, a lesão doScarpa tb abriuespaço p Richarlison e a do WS pro Calazans…
      São ativos novos pro clube, são receitas novas q tanto cobramos… essa é a verdade.
      Calazans parece muito promissor, mas historicamente nao se destacou na base, nao jogou nas seleções e etc, corre o risco de se desvalorizar tb….
      É difícil p c…..
      Abc e não desista de postar, precisamos dessas discussões d alto nível aki

      • Marcelo Teixeira

        Fala Rafael, tudo bem? Sobre postar, me equivoquei e pedi desculpas no post anterior. Invlusive apaguei o injusto questionamento.

        Sobre o Lenny realmente foi ruim. Mas ele sempre foi msscarado ne? A fase boa dele durou 2 ou 3 meses. So lembro de uma proposta baixa do cska. Ainda sim, teria sido otima venda pelo que virou.

        Mas sobre o Douglas, fica ate dificil falar. Gosto muito dele. E convenhamos…muito azar ne? Esse e mais complicado.

        Sobre o Calazans, as vezes depende muito do empresario tb ne? Digo com relação a seleções de base. Tirando jogadores muito acima da media, sabemos que existem fatores obscuros nisso.

        Veja a atuação do Calazans na final do brasileiro sub 20 que fomos campeões la no barradão. A verdade é que até 2014, era unimed, esses meninos nao tinham chances. É a filosofia que começou com o preparo desde a gestao do Peter. Ainda em 2011. E diga-se. Ele sempre falou isso. O preparo pro momento pós unimed. Pra mim o grabde merito da gestao Peter. Bem maior que o ct até.

        St

    • Claudio Souza

      Como se pode afirmar que jogadores de 20 anos atingiram seu ápice, quando a maioria dos grandes jogadores explode entre 23 e 25 anos?????

      ST

      • Marcelo Teixeira

        Me referi a atingir o ápice no futebol brasileiro. Não em suas carreiras. Chega um momento, ao meu ver, que não evoluem mais aqui. Já estão num nivel muito acima. Precisam de outro nivel e novos desafios. De um futebol mais competitivo. Ate por isso, quando comprovam na Europa o mesmo que mostraram aqui, valem muito mais.

        St

    • Pedro Henrique

      Ótimo exemplo.

    • Fábio Barbosa de Araújo

      Fala Marcelo, tudo bem?

      Scarpa está bem. E está melhorando. Pode não estar aparecendo tanto, por não estar fazendo tantos gols, por estar jogando mais preso e pela torcida ja ter se “acostumado” a ele, mas ele cria muito. É a peça fundamental do time hoje. Pra mim ainda está na frente do Wendel nesse quesito.

      Ainda vejo muito potencial em todos (exceto no Leo).

      É preciso vender, se não o clube quebra (triste realidade que o Peter deixou) então eu espero que vendam bem e atentando pras possiveis reposições (dentro do elenco ou de fora).

      E, claro, que cortem gastos (folha e administrativos) e aumentem receitas (patrocinios, SF, etc) pra que a necessidade de vender diminua a cada ano.

      • Marcelo Teixeira

        Tudo bem sim Fabio. E vc? Cara, sou fã do Scarpa. Não é craque, Mas é um ótimo jogador. Além de ser um otimo exemplo pras crianças pelo grande profissional que é. Vem melhorando a cada jogo. Estava no auge antes da contusão. Já esta recuperando a forma como disse.

        De resto concordo com você. So quero que vendam bem e com inteligencia. Quer um exemplo? Se vendermos o richarlison, acho que um emprestimo do kennedy pode suprir tranquilamente. Richarlison e mais completo. Mas tem funções e estilos parecidos. Se vender o Leo? Ja trouxeram o Marlon. A VENDA do Scarpa seria mais pela idade. Ja esta com 24 salvo engano. E temos so 45% eu acho. E acho a reposição mais dificil.

        Mas vender o wendel antes de uma convocação pra seleção será um erro ao meu ver. O menino só tem 3 meses de profissional. Temos 90% dele. Nossa grande chance de resolver os problemas financeiros do clube. Franca evolução. Só uma opinião.

        St

        • Fábio Barbosa de Araújo

          Concordo plenamente. Scarpa tem a reposição mais difícil e ainda por cima é o grande articulador e criador do time. Tanto a perda do Wendel quanto a dele seria muito sentidas. Mas acho que sem o Scarpa (e enquanto o Sornoza não voltar) o time ficaria completamente sem criação e o ataque perderia muita força. Por isso temo tanto.

          Richarlison e Calazans são bons, mas temos peças nessa função (ainda q com perda de qualidade) e a reposição me parece mais fácil.

    • Paulo Cavalheiro – Santos – SP

      E no início foi boicotado pelo Abel, vi em Mangaratiba, WNem treinava no terceiro time. E tendo tido excelente BR pelo Figueira com o Jorginho de técnico.

      Ganhou vaga na raça !!

      • Marcelo Teixeira

        Nao diria boicotado. Mas com o Abel tem aquilo de antiguidade é posto. Vale lembrar que a torcida insistiu em pedir o Calazans vários jogos. E alguns nem no banco ele ficava. Depois que fez a vontade da torcida, não saiu mais do time. 99% das vezes a torcida tem razão.

        St

  • Valmir Carvalho da Silva

    Não pode vende o Wendell por menos de 20 milhões de Euros. Menos que isso o menino tem que continuar.

  • Valmir Carvalho da Silva

    Isso aí Júlio. Escrevi um texto que chamo atenção exatamente para o que vc escreveu. As mentiras, além de irritar a torcida, nos fizeram desconfiar de tudo que agora é colocado pela direção.

  • João

    O post é claro, mas tenho certeza que deixou muita gente preocupada quando diz que “tem gente comparando atacante com volante”. Espero que esse comentários não se refira o Wendel com Vinícius Jr, até porque o Wendel é MEIA, devido a grande polivalencia. O próprio richarlison tem mais experiência e gols que o Vinícius Jr no profissional. Espero que a diretoria saiba vender. Seria importante que fosse divulgado os valores das transações do Samuel, aylton e do Eduardo que não foi citado.
    ST.

    • Tricolor Verdadeiro

      Perfeito! Concordo plenamente.

    • Flavio Chammas

      Sem se ater às comparações, a história vai contar.

      Tem alguma coisa muito esquisita nesta venda, e só vai aparecer com o tempo.

      É muito dinheiro por um atacante, que nos juniores, faz alguma diferença, mas arriscar tudo isso de grana, tem “truta”.

      Não serve de base para comparar valores de venda, o mercado paga o que acha que vale, não adianta pedir algo agora que só pode valer num futuro.

      • Fabio DB

        Corrupção. Sempre ela. Destrói tudo. Um câncer.
        ST

  • Tricolor Verdadeiro

    Corrigindo: “O que NEGUEBINHA mostrou até agora para ser vendido por R$ 164 milhões?” *

  • Juliano F Pacheco

    Deixem trabalhar, agora tem gente em casa e blá, blá, blá… Quero ver uma postagem falando como funciona o outro lado da venda de atletas, esse texto parece que foi retirado do manual de instruções do Football Manager.

  • Paulo Cavalheiro – Santos – SP

    Eu entendi que o Flu Europa é para desenvolvimento de potencias jogadores.

    Vitrine na 2 divisão eslovaca ?? Brincadeira de péssimo gosto.

    • Luiz Eduardo Vianna

      Você entendeu só uma parte.

      “Exposição dos jogadores no principal mercado consumidor, valorizando todos os atletas de Xerém.”

      Tá lá, no site oficial, como um dos objetivos do projeto.

  • Mauro Carvalho – SP

    CONCORDO PLENAMENTE !!

  • Mauro Carvalho – SP

    AGRADEÇO OS ESCLARECIMENTOS, MAS QUE NÃO SEJA JUSTIFICATIVA PARA VENDER NOSSOS MELHORES TALENTOS SUBVALORIZADOS.

    WENDELL, CALAZANS, WELLINGTON DEVEM SER MANTIDOS E AJUDAR O CLUBE A TER CONQUISTAS DE EXPRESSÃO – AÍ PODEM SAIR VALORIZADOS !!

  • Mauro Carvalho – SP

    Essa estória de “rombo” e “a conta não fecha” não era falada com tanta frequência quando o Peter esteve no comando por 6 anos apoiado por todos que ainda frequentam este blog.

    Agora o cenário é de “se não vender os garotos, não temos grana”.

    Vamos fornecer sementes para o mundo de nossa fazenda e continuar nossa vida medíocre como os pobres agricultores de nosso país, ou temos planos para transformar a nossa fazenda numa fábrica de alimentos? Numa potência?

    Não é só a visão estreita de um clube mediano que estamos vendo., além da péssima defesa institucional que já está fazendo a torcida enfraquecer.

    Acho que já faz tempo que se negocia muito mal dentro do clube:
    – Dryworld ( sem análise de risco);
    – Maracanã ( revisão de contrato);
    – Biro-biro ( para ajudar o N.Iguaçu??);
    – Renovações longas e caras de jogadores em declínio;
    – Contratações de Xepas a custo elevado;
    – Contrapartidas no patrocínio da Caixa
    – Manter o Pedro Antônio ao nosso lado e não contra;

    Agora também não sabemos como fazer nossos garotos darem o lucro esperado…
    O Vice de futebol dizendo que talvez não se consiga ter o retorno de investimento que se espera dos talentos de nossa “fazenda” ( vide link anexo)

    http://explosaotricolor.com.br/v2/vice-de-futebol-exalta-valorizacao-do-wendel-mas-admite-dificuldade-de-transforma-la-em-lucro-desejado/

    Cadê os vitoriosos tricolores, com carreiras brilhantes, que vieram na chapa do Cacá e que se uniram à Flusócio?

    Cadê a nossa Força?

    Se o Wendel sair nessa janela, eu paro de frequentar esse blog definitivamente.
    Serei apenas mais um.
    Há méritos nas iniciativas da Flusócio, mas não enxergar nossas fraquezas é um GRANDE DEFEITO.

    ST

    • joão

      Oferecer um contrato de três ano para o Marquinho, naquela bagatela, foi uma prova que mesmo depois de 5 anos ele estava perdido.

  • Alexandre Said Delvaux

    “06/01/2012 15h22 – Atualizado em 06/01/2012 22h49
    Após ser excluído da Fifa, árbitro diz que há corrupção na arbitragem
    Gutemberg de Paula Fonseca diz que Sérgio Corrêa, presidente da Conaf, é ‘mentiroso, mariquinha e corrupto’ e resolve encerrar a carreira de árbitro
    (…)
    – O Gutemberg deve estar emocionalmente abalado por ter saído da Fifa. As acusações são graves e devem ser apuradas. Com certeza a CBF e o presidente da Comissão de Arbitragem vão mandar isso para o Tribunal de Justiça Desportiva e talvez até para a Justiça Comum. Mas, há dois anos, quando foi indicado para o quadro da FIFA, o Gutemberg achava o Sérgio bonito. Agora, quando saiu, passou a considerá-lo feio.(…)

    Pergunta: – Houve apuração?
    +++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++
    ESPORTES

    Del Nero pressiona arbitragem para não errar contra o Palmeiras, diz sindicato
    Estadão Conteúdo

    08.11.16 – 09h00
    O presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Arbitragem Esportiva do Rio de Janeiro, Marçal Mendes, afirmou que árbitros são pressionados pelo presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, para que não cometam erros em jogos do Palmeiras, líder do Brasileirão.

    Segundo ele, a pressão é feita porque o dirigente é conselheiro vitalício e sócio benemérito do Palmeiras. As afirmações foram feitas em audiência pública do Ministério Público do Trabalho, no Rio de Janeiro.

    Os erros de arbitragem têm sido recorrentes nesta edição do Brasileiro. O Palmeiras costuma enviar documentos e vídeos à CBF quando se sente prejudicado. No último mês, a diretoria palmeirense chegou a convocar uma entrevista coletiva para questionar a pressão do Flamengo. O time rubro-negro, por sua vez, reclama de benefícios ao time paulista.

    O Ministério Público do Trabalho ainda não se pronunciou sobre eventuais providências a respeito das críticas de Mendes. Por meio de sua assessoria, o Palmeiras informou que não vai se posicionar.

    Não faz muito, o FLUMINENSE foi muito prejudicado em jogos contra o Palmeiras. Pergunta: Foi apurado?

    ==============================================================
    publicado em 02/09/2011 às 20h44:
    Texto:
    Ex-árbitros denunciam esquema de fraudes no
    Campeonato Carioca e acusam Eurica Miranda
    O ex-cartola teria combinado com a Ferj que o Vasco não poderia ser campeão
    Do R7

    726
    Publicidade

    Dois ex-árbitros fizeram graves denúncias à Ferj (Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro). De acordo com eles, que aceitaram falar com a condição de não serem identificados, existe um esquema para favorecer ou prejudicar times nas séries A, B e C do Campeonato Carioca.

    E o que foi feito para apurar?
    ================================================================

    Rede Record denuncia corrupção na arbitragem do Rio – YouTube
    Vídeo para denúncias arbitragens futebol brasileiro ferj▶ 3:31
    https://www.youtube.com/watch?v=-sLEgSm1Xek
    2 de set de 2011 – Vídeo enviado por LANCE!

    Jogos das principais divisões do futebol carioca teriam sido alvo de manipulações.
    Ex-árbitros denunciam esquema de manipulação de resultados do …
    Vídeo para denúncias arbitragens futebol brasileiro ferj▶ 3:49
    https://www.youtube.com/watch?v=Z7WUMRO_1e0
    2 de set de 2011 – Vídeo enviado por Fabiano Artiles
    … revelaram que receberam ordens da FERJ (Federação de Futebol do … Árbitro denuncia corrupção …

    O que foi feito?

    =============================================================
    Se há promiscuidade na relação entre o setor público e grandes empresas do setor privado, envolvendo bilhões de reais em propinas, desvios, quais razões teríamos para acreditar que o futebol se decide nas quatro linhas?
    =============================================================
    A rede globo de televisão está matando o futebol brasileiro e a revolta de muitos torcedores não se explica por resultados ruins. O desequilíbrio que a empresa está patrocinando é um fator que alimenta a violência. Meu pedido à FLUSÓCIO: como uma das Instituições mais importantes do futebol brasileiro, o FLUMINENSE tem o dever de liderar ou pelo menos participar de um movimento contra esse estado de coisas,

  • Alexandre Said Delvaux

    Espero que os dirigentes do FLUMINENSE tenham culhões e nunca mais aceitem jogar uma partida, especialmente um clássico, no estádio(?) do Vasco!

  • Alexandre Magno Barreto Berwan

    Felippe Garcia‏ @Garcia_Itaipu 2 hHá 2 horas
    Mais

    Fla-Flu é uma luta entre Muhammad Ali e George Foreman. Flamengo x Vasco é porradaria de baile funk. É covardia a comparação.

  • Alexandre Said Delvaux

    E agora, haverá um punição exemplar ao crvg? Quem foi o responsável por isso? É hora de começar a mudar muita coisa no futebol brasileiro…

  • Alexandre Said Delvaux

    Quem está provocando o desequilíbrio estrutural no futebol brasileiro é o principal culpado por tudo que está acontecendo e por outras tragédias anunciadas nos próximos meses. É hora de reagir.

  • Alexandre Said Delvaux

    O principal culpado é a rede globo de televisão. Não se brinca com a paixão das pessoas e no Brasil, por paradoxal que possa parecer, numa sociedade caracterizada por privilégios, NUNCA funcionará um sistema de privilégios no futebol. É isto que a globo precisa entender.

  • Mauro Carvalho – SP

    Do Blog do Marcelo Savioli – Ainda sobre os Microfones da GLOBO, a verdadeira causadora do ódio no futebol:

    “…Para quem assistiu ao jogo pelo Premiere, o drama teve o auxílio de um ingrediente indigesto, que não é a primeira vez que entra na receita de uma transmissão de jogo do Fluminense. Com um estádio tomado por mais de 7 mil pessoas, a rubro-negra Globo colocou o microfone no meio da numerosa torcida da Chapecoense, que tinha lá umas vinte criaturas, para servir de trilha sonora da transmissão.
    Ou essa raça é muito calhorda, ou eles são só calhordas, sem o direito de a si ter atribuída a condição de raça. Por muito pouco, quem assistiu ao jogo distraidamente não teve a impressão de estar o duelo se passando na Arena Condá.
    Espero que a diretoria do Fluminense tenha estado atenta à sacanagem feita pela Globo. Não bastasse o microfone no meio dos meia dúzia de gatos pingados, o locutor não parava de fazer alusões aos mesmos. No meu entender, com o objetivo muito claro de criar mal estar para os torcedores do Fluminense que assistiam ao jogo, desmoralizar o clube e desvalorizar a marca.
    O fato é que o Fluminense desespera, descabela essa escória, que precisou levar a Rubensliga no apito, se desmoralizando mais ainda, apesar dos rios de dinheiro derramados pela dindinha e fruto da locupletação com dinheiro público.
    Uno minha voz à de alguém que disse que a “a Globo é minha Bastilha”. Pois eu digo que a Globo é a Bastilha do Brasil, o muro que separa futuro do passado.”

  • Fabio DB

    Eurico prova do próprio veneno.

    Sempre plantou a violência, o desrespeito e a ilegalidade. Um final de vida deplorável e vergonhoso como merecem indivíduos dessa estirpe.

    ST

    • Marcelo Teixeira

      Verdade. Sempre!

  • Claudio Souza

    Enorme culpa da diretoria do Mulato Véio, no ocorrido hoje à noite, após o Clássico dos Cagalhões, por, ao longo das últimas décadas, ter levado a rivalidade sadia entre os clubes a uma de questão de vida ou morte. Tudo pra polarizar a rivalidade no estado, deixando Fluminense e Botafogo em segundo plano.

    Também está claro pra mim, que há apoio subliminar de Eurico e Cia. na criação de uma atmosfera intimidadora nos clássicos que estão sendo disputados em São Januário. Isso ficou claro naquele palco de ópera bufa, covarde e homofóbica criado para o nosso último jogo, lá. Vários adereços pendurados nos portões do clube com mensagens intimidadoras e ofensivas e nada foi retirado.

    Além disso, se criou nos torcedores do Mulato Véio uma idéia de que a vitória tem de ser conseguida a qualquer custo em São Januário. Diante da frustração de ver seu time derrotado pela Carniça, veio essa reação absurda e animalesca. Por sorte, o estádio tem aquele alambrado. Imaginem o que poderia ter acontecido se ele não existisse, tal como os estádios mais modernos ?

    Culpa maior do estado, que, por não investir em inteligência e prevenção, permite que marginais usem o futebol para dar vazão às suas práticas violentas. Isso só vai acabar quando esses caras forem identificados, presos e impedidos de entrar em estádios de futebol.

    No entanto, veremos o de sempre : o clube punido com perda de mandos de campo; jogos sem torcedores; ou mesmo punição para inglês ver, que é a marcação de partidas em outros estádios da mesma praça ou em praças próximas onde a torcida e seus marginais poderão comparecer normalmente. A hipocrisia da sociedade brasileira é irresistível.

    Eu defendo com unhas e dentes o direito de o Mulato Véio jogar no seu estádio, porque na hora em que tivermos o nosso, quero que nosso clube também o tenha, muito embora defenda torcida dividida nos clássicos, o que, de fato, não é possível em São Januário, em função das características da vizinhança e mesmo da construção que é antiga.

    Não é mais possível que a omissão do estado e a irresponsabilidade de dirigentes perdure, enquanto o futebol decai a olhos vistos.

    ST

    • Marcelo Teixeira

      Parabens! Relato imparcial e espetacular!

  • Marcelo Fontoura

    Tem muita coisa correta no Post, mas espero que o “volante” e o Atacante”, não sejam uma comparação da REALIDADE Wendell ( que é meia, pois chega muito bem na frente) e o Negueba Jr. do Flamengo que nunca fez um Gol no profissional e é meia.

    • joão

      Se eu não me engano, o Wendel era o camisa 10 na base.

  • Rodrigo Baroni

    Para diminuir a recente supremacia dos mulambos em classicos, e por conta da violência, e para talvez aproxinar o tricolor a comparecer em clássicos, tenho opinião muito favoravel a só haver este tipo de jogo no RJ COM TORCIDA ÚNICA!!!!!!!! Seja lá em qual estádio for a partida, podendo ser até em EP, quando o mando fosse nosso.

    • Sylvio Montenegro

      Rodrigo, concordo com você. Todos nós sabemos que temos condições de dividir o Maracanã em um clássico contra o CRF, por exemplo.

      E porque não dividimos? Única e exclusivamente por conta da violência. E não é só a violência promovida por marginais, mas a violência gerada pelo conceito de maioria e supremacia.

      Por isso defendo a torcida única nos clássicos. Cada qual na sua, com o seu mando de campo.

      • Rodrigo Baroni

        Exatamente !!

    • Marcelo Teixeira

      Eu era totalmente contra torcida unica! Achei linda a postura do Flu e da diretoria da final da taça GB. Mas humildemente mudei de opinião. Não dá mais. A impunidade impera. O Estado é omisso. Vidas não podem mais se perder por isso.

      E sobre torcida, é so reparar. Os 15.000 de sempre nao foram nem 4.000 no ultimo Fla Flu com mando nosso. Nossa torcida e a do Botafogo seriam as maiores beneficiadas com torcida unica. Temos selvagens e marginais em todas. Sem exceções. É um problema social do país. Mas no Flu E Fogo sabemos onde ficam. Ontem no jogo do Vasco era metade do estadio fazendo baderna. Incrivel.

      Classicos com torcida única urgente!

      St

      • Rodrigo Baroni

        Verdade !!!

  • Jorge Eduardo

    E o SP tbm não anda muito bem das pernas, dirigentes roubaram o clube recentemente, mas as vendas de jogadores deles são na maioria das vezes por valores maiores que os nossos, excluindo o Gérson, as demais vendas foram por valores baixos.

  • Ricardo Ferreira

    https://uploads.disquscdn.com/images/23d774c158504e0fd45c0f12938073423bf1a582be6b6aa7257a5ef78fd749e5.jpg

    O gambá paulistano, na 12ª rodada, está com impressionantes 32 pontos ganhos.
    Líder com folga.

    Vejamos parte dos resultados que sustentam esta minha argumentação.

    Sete vitórias sem levar gol.

    Cinco por 1 x 0. Duas por 2 x 0.

    Dois empates.

    1 x 1 e 0 x 0.

    Fica evidenciada a crucial importância de NÃO LEVAR GOLS. Simples assim.

    Não é necessário balançar as redes adversárias uma porrada de vezes. Não!

    Mesmo o oponente sendo fraco.

    NÃO! Basta NÃO ter um sistema defensivo mal montado, mal posicionado, mal treinado, mal orientado. Ainda que você não possua grandes jogadores, até por isto, não é impossível arquitetar formas de se defender, de modo a não ficar vulnerável frente a qualquer adversário.

    Atualmente o que vemos no Fluminense é justamente o oposto. Um bloco defensivo facilmente envolvido pelos contrários, que já foi vazado 19 vezes. Não estou nem levando em conta o saco de gols que tomamos nas outras competições.

    Os culpados somos nós.

    Vamos torcer mais tarde pelo Fluzão.

    Vamucuntudo!

  • Alexandre Said Delvaux

    A rede globo de televisão está matando o futebol brasileiro e a revolta de muitos torcedores não se explica apenas pelos resultados ruins. Há uma desconfiança no ar, um ira por causa do desequilíbrio financeiro, um sentimento de revolta atribuído às péssimas arbitragens. Isso não pode terminar bem. O desequilíbrio que a empresa está patrocinando é um fator que alimenta a violência. Meu pedido à FLUSÓCIO: – Como uma das Instituições mais importantes do futebol brasileiro, o FLUMINENSE tem o dever de liderar ou pelo menos participar de um movimento contra esse estado de coisas.

    • Fernando Ventura Jr.

      Se o que dizer for verdade, de que políticos vêm de tempos em tempos salvando o grupo Globo, o caminho é políticos decentes que, respeitando as regras do capitalismo, não intervenham na queda de empresas, seja qual for o seu tamanho.

  • Ricardo Ferreira

    “”O Blog do São Paulo mediante as mentiras lançadas recentemente, entrou em contato com a própria empresa para tirar a dúvida sobre o assunto de parceria, contrato e continuidade da relação do São Paulo FC e Under Armour.

    A informação de que a parceria estaria em risco foi rechaçada.

    Inclusive, a empresa por meio de sua assessoria informa que estão trabalhando arduamente nos próximos lançamentos programados e que muito mais vem aí.””

    Veja a nota oficial da empresa a respeito dada ao Blog do São Paulo:

    “A Under Armour reforça a parceria com o São Paulo Futebol Clube em uma relação de mais de dois anos de sucesso e colaboração mútua. A marca tem certeza que esta união está apenas no início e seguirá um caminho de longa data ao lado de um dos maiores clubes da história do futebol brasileiro.”

    Menos mal.

  • Sylvio Montenegro

    É importante observar que o desempenho esportivo mais do que andar junto com a saúde financeira, ajuda a melhorar a saúde financeira de um clube.

    Clubes abastados (com maior grana da TV) negociam atletas, sim é verdade. Mas suas revelações não são as peças chaves que dão sustentação ao time e ainda possuem elencos numerosos e qualificados para minimizar as perdas.

    Espero que saibamos negociar bem e encontrar o equilíbrio necessário para manter a saúde financeira e conquistar os imprescindíveis títulos que alimentam a existência de um clube grande.

    Primeiro o retorno técnico, depois o financeiro. Nessa ordem. Um impulsiona o outro.

    Infelizmente, a situação deixada pela gestão anterior, intrinsicamente ligada à atual, faz com que a paciência da torcida com a situação financeira do clube seja menor.

  • Fabio DB

    Jogo duro, como outros do Bahia. Os dois que eu vi, perderam de forma injusta e jogando bem.

    Como sempre, o adversário vai explorar o lado do Lucas (bom jogador tecnicamente, mas fisicamente frágil). Ou ele melhora fisicamente ou não adianta nada. Se apenas técnica contasse, colocava o Aldo na direita e o Branco na esquerda. Vai ficar o Reginaldo no sacrifício. Mas acho que dessa vez ele vai dar é bicão pra fora,

    Espero que o time jogue com mais calma também… contra o Chape um dos problemas foi esse ansiedade da juventude. No segundo tempo, jogamos com mais calma e bem melhor. Apesar do gramado.

    Vamos com fé. Se Wellington e Dourado estiverem 90% e Scarpa acertar as finalizações a coisa será boa.

    ST

  • Sylvio Montenegro

    Para quem não entrou em campo, sair vencendo o primeiro tempo de 1 x 0 só pode ser um milagre de João de Deus.

    • MARCO ANTONIO DA SILVA

      ate o Joao pune
      Joao Paulo

      s.t.

  • Fabio DB

    Horrível… não temos meio campo. Não defendemos bem e nem atacamos. Há continuar assim não sairemos nem com empate salvo 45min de milagres.

    ST

  • Nerval Antonio Goulart

    É lamentâvel que o time do Fluminense não trás nenhuma esperança de um título significativo esse ano. É desanimador ver o time acuado perante o Bahia, que por graça de João de Deus, a bola teima em não entrar! Pelo menos nesse primeiro tempo!
    Vamos aguardar 2018 para perspectivas de ganharmos um título, pelo jeito, vamos ter que nos contentar com o estadual. Caso seja possível.
    ST

  • Fernando Ventura Jr.

    Na boa, o Bahia estava merecendo. O Fluminense, mesmo trocando os jogadores cansados, não conseguia segurar a bola e nem fazer contra-ataques inteligentes. Acho que a contagem para a demissão do Abel começou. E o pior que o Bahia não quer o emprate. Quer vencer mesmo.

    • Rodrigo Costa

      Demissão do Abel?
      Se não é o Abel, já estaríamos rebaixados.

    • Sergio Binda

      O Abel tem suas limitações, que não são pequenas, mas, no momento, se ele sair estaremos em maus lençóis…

      ST

    • joão

      É mais urgente e mais barato trazer um ou dois jogadores do que demitir o Abel.

  • Sergio Binda

    Srs. … no mínimo o Maranhão é azarado. Flusocio, sumam com este cara. É o tipo de jogador que bota o elenco para baixo.

    Scarpa é uma decepção. Este rapaz está longe de ser craque. E tem mais, se vier muita grana da Europa, seria outra boa opção de venda.

    Se tiver de ir mais alguém pra fora, que seja o a Orejuela.

    Parei de ver o jogo pois não aguentei.

    ST

  • Jorge Eduardo

    Depois do gol que fizemos jogamos como time pequeno, mais um péssimo jogo e uma postura lamentável… tava na cara que iam acabar fazendo um gol, hoje não dá para culpar a defesa… foi o time inteiro.

    Agora Maranhão? Coloca o Robert ou o Lucas Fernandes, esse Maranhão entra em campo e a gente acaba sofrendo gol.

  • Gabriel Ferreira Sartório

    Nao existe time nenhum no mundo que aguenta jogar com tantos desfalques. Penso que um CT traria mais condicionamento e menos lesões, não tem acontecido nem uma e nem outra coisa, lesões em excesso e péssimo preparo físico. O time morre no segundo tempo. É inadmissível ver o Scarpa com as meias arriadas, desde a metade do segundo tempo.

    Questionar o Abel é uma piada de mal gosto, no mínimo. Tem um elenco limitado e agora totalmente desfalcado e provavelmente perderá peças importantes por transações com o futebol europeu. Não o absolvo de suas teimosias, mas prefiro aguentá-las do que passar sufoco com outros treinadores do nosso mercado.

  • Mauro Carvalho – SP

    Jogo Medíocre, postura em campo, idem.

    E treinaram a semana inteira

    Salvam-se Henrique e Reginaldo, que hoje fizeram o impossível.

    Scarpa = nota zero
    Marlon Freitas = nota zero
    Orejuela = nota -2
    Marcos Junior = nota -3
    Maranhão = nota -5

  • Mauro Carvalho – SP

    Ao ver o (acreditem!) segundo gol do Avaí no Grêmio, nota-se como se faz um gol de contra-ataque de 3 contra 2.

    Nosso time, com Pedro, Marco Junio, Maranhão e Scarpa não conseguem fazer isso !!

  • Sergio Binda

    Este empate caiu do céu… os dois últimos jogos, contra adversários muito fracos era para termos perdido.

    A bola pune… o cara do Bahia nunca mais acerta um chute destes, mas seria um escárnio sairmos vitoriosos de um jogo destes, onde mais uma vez o Abel e o Leomur escancaram sua incompetência.

    Entramos com um meio de campo sem meia. Tudo bem que o Scarpa está horroroso, mas botar o cara de costas para o defensor adversário, fazendo pivô … é sacanagem.

    Abel seu burro, quero que você continue, mas aprenda … futebol se ganha no meio de campo.

    Outra coisa… nossos volantes estão flutuando em nossa intermediária, deixando um espaço perigosíssimo na frente dos nossos zagueiros. Não é a toa que tomamos estes gols espíritas da intermediária. Isto é treinamento e repetição, se o Abel não tem saco pra treinar que bote o Leomir para faze – lo.

    Alguém tem de botar uma casca de banana na frente do Maranhão… pra ver se ele tem uma distensão e fica fora até o fim do ano.

    Na minha cabeça o Abel deveria botar o Marcos Júnior pela direita o Scarpa fazendo a ligação e o Calazans para fechar a esquerda. Parava por aí!!!

    ST

  • Marcelo Teixeira

    Time muito mal. Zagueiros bem. Laterais sem comprometer. Goleiro é so chutar que entra. Marlon freitas sem ritmo, porem se matando em campo. Calazans se desdobrando pra ajudar o lucas com muita luta. E o resto? Zero. Ah…menção especial ao xodó Maranhao. Ele tem muitas propostas…kkkk

    Jogador sem qualquer condição de sentar no banco do Fluminense. Maranhão não existe.

    Se venderem o Calazans, é provavel que ele vire titular.

    Mas a maior tristeza, é ver que o time nao jogou meio de semana. Descansou. Teve folga mais longa. E alguns jogadores se arrastando em campo. Scarpa dá até pena. Jogando com o nome que conquistou ate agora.

    Agora querem a torcida no maracana na quarta? Dificil. Duas atuaçoes lamentaveis em sequencia. Torcer pro botafogo nao ganhar hj. Se ganhar, vamos passar vergonha na arquibancada na quarta. Estao motivados. E tem um time que briga ate o fim mesmo perdendo. O Flu tinha isso…mas parece que ta se perdendo.

    St

    • Claudio Souza

      Perfeito ! E o Abel ainda deu entrevista nessa semana dizendo que Maranhão é um injustiçado. Com todo respeito e consideração : Abel VTNC !!!!

      ST

      • Marcelo Teixeira

        Problema é que não podemos perder o Abel! Precisamos dele com todos os defeitos e teimosia. O minimo que espero é voltar a ver entrevistas que condizam com o que aconteceu em campo e a torcida viu. Primeiro passo pra melhorar.

        Quem sabe uma santa vitoria na quarta pra motivar!

        St

  • Fabio DB

    Francamente. Posicionamento defensivo ridículo da equipe. Mais 2 pontos idiotas desperdiçados. A bola “pune”.

    Me espantou a atuação do Scarpa (jogamos com 10). Eu diria ate bizarra. O rapaz ainda tentou marcar gol do meio campo duas vezes. Eu nunca vi isso no futebol. Nem Pelé teve essa pretensão.

    Que tarde. Que desperdício… de tudo…PQP$@$#!

    ST

    • Sergio Binda

      Fábio eu acho que ganhamos um ponto … hoje é segunda passada. Achamos um gol e sentamos em cima.

      ST

  • Claudio Souza

    Que merda !!!!

    Mais um partida com jogadores importantes muito mal tecnicamente : Scarpa, Orejuela e Wellington.

    Dourado nitidamente abaixo de suas condições físicas ideais.

    O time ficou atrás, muito porque Marlon Freitas não é bom passador, não tem velocidade, nem boa condução de bola. Já era assim no sub-20. Compensou suas deficiências com garra, ao menos. Que falta faz o Wendell ou mesmo o Douglas como opção!

    O único jogador mais de frente que ainda foi mais efetivo, ainda assim mais na marcação, foi o Calazans.

    Total incompetência na articulação dos contrataques, que não foram poucos. O time parecia travado.

    Como tudo o que é ruim, pode piorar, Abel resolve colocar dois dos Três Merdalhões: Marco Júnior e Francinilson. Abel vai insistir com esse raquítico do Maranhão até quando? Nem sangue o cara tem !!!

    Piorou o time com suas substituições esdrúxulas. Pedro também entrou mal. Fominha. Tem muito o que aprender ainda.

    De bom mesmo, só a atuação do miolo de zaga.

    Júlio Chester, o de sempre: vai no gol, entra.

    O empate foi injusto com o Bahia e um prêmio pra nossa incompetência.

    ST

  • Helvio Lins

    Não temos posse de bola. Fundamento, quesito indispensável pra quem pensa em vitória. Ficou nítido que o Bahia ia acabar achando o empate, afinal, como diz o provérbio, tanto vai o pote à bica, que um dia lá fica. Estamos falhando assim desde o ano passado, e se não tomarmos cuidado, vamos penar na parte de baixo da tabela…

  • Gustavo Ramos

    Mais um jogo. Mais uma atuação bisonha.

    Ninguém faz nada. Depois querem que a torcida se associe e vá aos jogos.

    Dizer que a culpa é da administração anterior é o mesmo que fazer os torcedores e associados de bobo. A turma que está lá é a mesma.

    Muita sorte que nossa torcida é muito passiva e não possui loucos como aqueles do Paysandú…

  • Cesar Moreira

    Parabéns Abel!! Muito obrigado pelos queridos Marco Júnior e Maranhão!!
    E pelo QUINTO ano consecutivo a torcida vai amornando, se acostumando com resultados ridículos, ninguém fica mais tão puto… E assim ficamos anestesiados, a diretoria preocupada em vender jogadores pra equacionar as despesas, ZERO de marketing, de apelo junto ao torcedor, nada de patrocinador…
    É o Fluminense se apequenando dia a dia…

    • Jorge Eduardo

      Perfeito, desanimador ver esse time jogar, fez algumas boas partidas no início do ano, mas ficou nisso. Time desbalanceado, faltam peças de reposição e temos uma das piores defesas… hoje não comprometeu, mas é muito fraca… hoje dava para ver que íamos levar gol, mas não foi por falha dos defensores, mas falta de atitude do time inteiro.

  • MARCO ANTONIO DA SILVA

    se for analizar o historico do Abelanta,como ele gosta de deixar pelo caminho pontos para times da zona,e ontem vendo fraxvasco,no time do vascu,tinham 2 indicaçoes dele,Paulao e Welingtom, 2 MERDAS
    Abel na minha analise sempre foi um iluminado,pos nao sei o que ele foi pior como jogador ou distribuidor de camisas.
    s.t.

  • José Alberto Bernardes

    Abel saiu ontem em defesa do Maranhão….Disse que a torcida é injusta com o rapaz,dando a senha que ia escalá-lo…Ainda disse mais uma barbaridade…Que Maranhão teve VÁRIAS propostas…Acha mesmo que somos imbecis…Fazer o que ?Lamentar…Só isso….

    • Paulo Ypyranga

      Tentaram ceder o Maranhão em troca de jogar 3 vezes de graça no Engenhão e o BFR não se interessou…

      Tenho um walkman aqui que posso botar pra rolo no Maranhão.

      • joão

        Se chegar com uma havaiana usada, um violão e uma bike, leva.

  • Mauro Carvalho – SP

    Esqueci deles, pois a defesa trabalhou mais.
    Pode incluir, aliás, se vendermos o Calazans…..
    ST

  • Gabriel Ferreira Sartório

    Desculpa a falta de clareza. Criticar não seria uma piada, mas acho “piada” questionar ao ponto de quererem a cabeça do treinador. Apenas isso. Concordo que o Abel é muitooooo teimoso e faz as suas lambanças, mas temos um elenco muito limitado.

    • Marcelo Teixeira

      Isso aí!

      St

  • Mauro Carvalho – SP

    Mais uma atuação gigante do goleiro reserva do Avaí.

    Olheiros no Flu????

    • Aluisio Silva

      GOLEIRO RESERVA DO AVAÍ???
      Cavalieri + Júlio César = salário mensal de quanto mesmo??
      Só no Flu acontece essas coisas…

    • Willy H

      É do Corinthians, está emprestado pra ganhar experiencia…

  • Rodrigo Costa

    Scarpa não consegue jogar como meia armador, tá claro isso. Abel precisa voltar com ele pra ala direita ou vai acabar matando o cara. O problema é que, não tem ninguém pra fazer essa função, talvez valha testar o Robert ou esperar que o Wellington e Richarlisson, jogando juntos, facilitem a vida do Scarpa.

  • Willy H

    Hoje só da pra livrar o Reginaldo, Henrique e Julio. O restante foi de dar raiva. Não encaixaram um contra-ataque que mataria o jogo. Calazans na maior displicência.
    Tirando esses que citei o restante errou tudo que tentou.
    Parece que Scarpa comeu uma feijoada antes de entrar em campo.
    Nosso aproveitamento está baixo. Abram o olho.

  • Aluisio Silva

    Daqui a pouco aparecem os que gostam de “panos quentes”… criticando quem critica e falando que tá tudo bem.
    Peter detonou com o Flu, todo mundo sacaneia o Flu e “tá tudo bem”…
    Tudo bem uma ova!
    Merecemos respeito e merecemos um time lutador.
    O microfone no meio da torcida foi tão vexaminoso quanto o Lusagate.
    E o time hoje foi covarde!

    • Nildo Arantes

      Começou a aparecer.

    • Gustavo Ramos

      Sabe o que é pior: na hora que a vaca for para o brejo vão botar a culpa na torcida, na Globo, no governo, na economia, no Horcades, no Celso, no Mário, no seu Vitton, na Dry World, no azar…

  • Flavio Chammas

    SEnhores

    Fico imaginado se tivéssemos perdido, o mundo ia desabar.

    Hoje, pela defesa não merecíamos levar gol.

    Até o JCesar jogou muito bem, e culpar no gol é sacanagem(acho ele mais fraco que o DC).

    Esqueceram que tivemos um adversário pressionadíssimo, de tecnico novo, e que bateu muito, nos nossos juniores mais franzinos.

    Se Richarlison tivesse no jogo tinha feito gol.

    Ganhamos um ponto fora.

    Abel falou em saida do Leo, alguém sabe algo(nem no banco ficou)?

    Tomara que entre uma grana para dar uma folga e possamos segurar os outros.

    • luiz

      O Fluminense é totalmente dominado por um time do Z4, nosso técnico elogia e escala Maranhão, insistindo nesse fraquíssimo jogador….

    • luiz

      Com todo o respeito Flavio, nunca abdicarei de torcer, mas tratando-se de Fluminense, com sua grandeza, você se contenta por muiro pouco.

    • luiz

      muito*

    • luiz

      Ganhamos um ponto fora ?
      E aqueles que perdemos ? Chapecoense, Atletico PR…

    • luiz

      Desculpe mas devo estar errado e vc certo, pois conseguimos passar o horroroso time do Vasco por 1 ponto !!!

    • Nildo Arantes

      Essa sua opinião já está manjada, era assim na era Peter e continua com a mesma ladainha. Se pra vc se apequenar como o Time se apequenou hoje está bom, para quem ama o Fluminense se sente envergonhado. Vc não dizia, CALMA, QUE O PETER ESTÁ EQUACIONANDO AS DIVIDAS? Fosse eu me envergonharia.

      • Flavio Henrique

        Verdade.

        Esse senhor ficou os dois mandatos inteiros do Peter, repetindo que as dívidas estavam sendo equacionadas. Bom,
        o resultado todos sabemos…

        Agora, nossos resultados em campo são bons. Afinal, empatamos com o Bahia, que veio na segundona e esta próximo à zona de rebaixamento.

        Essa postura de se apoiar SEMPRE é extremamente prejudicial ao FLU.

    • Rodrigo Costa

      Com todo respeito, mas acho que seus comentários pós jogo são dignos de clube pequeno. Precisamos, e devemos, reclamar SEMPRE quando empatamos ou perdemos. O Fluminense é enorme amigo,por favor, não se contente com isto que estão te oferecendo, como tricolor, você merece mais.

    • Davi Carvalho

      Campeão, você está começando a se acostumar com ausência de resultados, isto é preocupante.

    • Gilberto Cabral

      Caro Flávio, chega ser hilário o seu otimismo, até entendo sua posição de defesa do time em alguns jogos passados, onde ao menos teve luta, mas defender o time no jogo de hoje chega a ser patético.

  • Sergio Binda

    Deveriam até pagar algum ao Bota, mas se livrem deste ebo mal despachado!!!

    ST

  • Claudio Souza

    Gostaria de saber o porquê de Robert ainda fazer parte do elenco e ser até relacionado, se nunca é testado, e até o Maranhão está à sua frente na preferência do Abel?

    ST

    • Marcelo Teixeira

      Não confio no profissionalismo e dedicação do Robert. Dificil achar que ainda quer algo. Mas tô contigo. Se esta ficando no banco, entao deveria ter uma chance. Pq realmente tem qualidade. Ao menos uma vez.

      St

  • Fábio Pitman

    E mais, quem conseguiu assistir ao jogo inteiro hj, pode se considerar FANÁTICO.

    Pois somente o fanatismo explica ficarmos 90 minutos de frente pra TV vendo um jogo de ataque contra defesa… se ainda fosse nosso ataque contra a defesa adversária…

    E com a quantidade de opções de entretenimento q temos hj, cada vez mais fica difícil tentar fidelizar aquele torcedor moderado… mas parece que quem está no poder hj e esteve há 6 anos não consegue enxergar isso.

    Como disseram, ESTAMOS NOS APEQUENANDO.

  • WagnerTijuca

    Amigos,
    Mais dois pontos perdidos.
    O Fluminense está sendo covarde nos jogos.
    Para os que colocam ” panos quentes ” e que adoram “tampar o sol com uma peneira ” esses devem estar achando tudo maravilhoso.
    Eu não culpo o nosso técnico , mas que uma pessoa tão experiente no futebol ainda ter a coragem de colocar esse Maranhão para jogar é o máximo da falta de inteligência.
    O Fluminense , por exemplo , empatou com o São aulo no Morumbi , mas os empates contra a Chapecoense e o de hoje foram quatro pontos jogados pela lixeira.
    Até quando que nós que fazemos críticas por ter opiniões diferenciadas dos outros seremos crucificados ?
    A democracia está aí para isso e quando se faz uma crítica , parece que o mundo para alguns vem abaixo.
    Somos todos tricolores e queremos o bem do Fluminense , mas é impossível pensar que tudo está bem , pois não etá.
    É só ver a nossa Diretoria que fez diversas promessas antes das eleições e que dizia que o clube estava no azul e agora mudou completamente o discurso.
    St.

    • Daniel Bastos

      Calma quero Chamas Rivotril acha que está tudo bom

  • Fábio Pitman

    E pra finalizar, terminamos o jogo com um ataque formado por MJr, Maranhão e Pedro!!!

    ME TIREM O TUBO!!!

    • BENTO

      Fazer o que esse é o elenco do FLUMINENSE

      • Eduardo Gorges

        Fazer o quê? Tomando sufoco jogo todo, achamos 1 gol no único ataque no primeiro tempo.

        Ao invés de colocar 3 atacantes, podia ter posto 1 volante, 1 zagueiro, proteger a zaga.

        Deixou o fraco adversário chutar trocentas vezes até marcar.

        Abel parece que perdeu a habilidade de ler o jogo e intervir enquanto é tempo.

        • Fábio Pitman

          Nunca foi o forte dele.

        • Ricardo Ferreira

          Minha impressão é que ele nunca teve essa habilidade pra valer.
          Alguém se lembra de um jogo no qual ele tenha dado o famoso nó tático no adversário? Ele só acerta quando faz o óbvio, ou melhor, não atrapalha.

          Ele também só se safa se tiver uns dois jogadores de bom nível em campo, cascudões, que chamem para a si a responsabilidade.

        • BENTO

          O que voce falou e verdade, eu so quis dizer que ao colocar esses, que o elenco ´e muito fraco

    • Gilberto Cabral

      E se o marquinhos não estivesse no DM, também entraria, e para a nossa infelicidade, ele não desiste destes Ms.

  • Gustavo Ramos

    Vc entendeu o que eu quis dizer na última frase? Sabe ler?

    • Claudio Souza

      Sua frase pode ter duas leituras. Desculpe-me pelo entendimento equivocado. Achei que estava defendendo a violência como solução.

      ST

  • BENTO

    Nao é para alarmar, mas a situação começa a ficar preocupante, são 15 pontos em relação ao º e apenas 5 pontos acima do Z4

    • Rodrigo Costa

      Minha esperança é a volta do Sornoza, do Douglas, a venda do Leo ( e só ). Acho que, com o time sem desfalques, vamos do meio pra cima.

      • Marcelo Teixeira

        Concordo! Tem muito time inferior ao nosso. Quando os contundidos voltarem, teremos um bom time. Enquanto isso, Scarpa poderia correr.

        St

    • Sergio Binda

      Sejamos realistas. Hoje nossa turma e esta. Corinthians, Flamengo, Palmeiras pertencem a outro departamento…

      ST

  • Fábio Pitman

    Abel aprova postura do time em Salvador:

    “AGRADOU MUITO”.

    DESISTO!!!

    • Rodrigo Costa

      ”Procuramos dificultar e dificultamos. Foi bom, agora é pensar no clássico”
      Em vez de procurar ganhar, procurou dificultar.
      Sou fã do Abel, mas essa doeu.

      • Gilberto Cabral

        Para quem já falou que 0x0 é melhor do que 2×1, podemos esperar tudo.

        • Marcelo Teixeira

          Essa do Olimpia doeu tb..rs

    • Marcelo Teixeira

      Isso dói ver. Errar é humano. Mas quando as entrevistas começam a ficar completamente desconectadas da realidade do ocorrido, assusta. Já não é a primeira. E pior. Contra o Avaí atropelamos. Jogo seguro não so no placar. Em intensidade…posse de bola.. etc. E ele disse que o placar foi injusto. Enfim.

      Tomara que ele volte a enxergar o jogo. Quem sabe ganhar na quarta e dar uma animada. Hoje foi muito triste!

      St

  • Davi Carvalho

    Pelo menos o Marlon é melhor que o Leo, realmente a diretoria acertou nessa.

  • Rodrigo Costa

    São posições diferentes, mas também não entendo o porquê de não testar o Robert. Deve treinar muito mal, já o Maranhão, deve fazer chover.

  • Jorge Eduardo

    Tem que perguntar pro nosso treinador… faltam peças, mas colocar o Maranhão que já demonstrou ser um catalisador de gols, é só ele entrar que levamos gols, deveria ser a última opção…. entretanto a teimosia do Abel já é bem conhecida pela nossa torcida.

  • Ricardo Ferreira

    Obrigado Bahia de todos os santos!

    Obrigado a todos os santos da Bahia!

    Obrigado Baea!
    Por esse pontinho. Ajoelhado eu reconheço. Eu reconheço.

    PQP!!!!!!!

    Que vexame! Que milagre! Tomar de 5 não seria injusto.

    Será que o elenco do baea é tão melhor que o nosso?
    Algo que justifique o massacre que presenciamos?

    Vamos ficar só condenando nossos jogadores. Coloquemos a culpa, a responsabilidade em Deus e o mundo. Abel Braga agradece.

    E a entrevista dele??!!!

    Ok, quem quiser permanecer defendendo esse insano tem
    todo o direito.

    Eu já estou de saco cheio dele faz anos!

    • Fábio Pitman

      Idem!!!

      Saco cheio desse paneleiro e preguiçoso!!!

  • Rodrigo Costa

    Falta saber se foi por 2 mariolas e um saco de amendoim.

  • Daniel Bastos

    Se a notícia do net Flu for verdadeira, 7 MM por leo foi bom.
    Agora, pagamos este marlon por apenas 6 meses?….

    • Claudio Souza

      Com preço dos direitos econômicos fixado.

      ST

  • José Alberto Bernardes

    O Bahia parecia rola mole…Cutucava mas não penetrava…Nossa defesa não tem hímen….Forçou um pouquinho de nada entra….É assustador….O que Abel tem contra o Lucas Fernandes?Porque não dá uma sequência pro rapaz?Muito triste esse cenário…

    • Ricardo Ferreira

      De acordo sexólogo. Hahaha!!

      Poderia ser ao menos um hímen complacente. Uhauhauha!!

      Temos que tentar manter algum humor diante de tantas trapalhadas.

      E lá vou eu para um clássico local apenas com a esperança de torcedor.

      Esperança não é sinônimo de confiança.

  • Ricardo Ferreira

    https://uploads.disquscdn.com/images/f2aebe86da52bb00b6f325e4708a757af550a62140c5573645b26cb3927792e6.jpg

    Tricolores de toda a Terra!

    Esta deverá ser nossa postura diante de São Braga!

    E de seus anjinhos maranhão e marco júnior.

  • Andre fz

    O lixo da gávea sempre mamou nas tetas da Petrobrás…hoje eles mamam nas tetas do grupo globo de comunicação…nisso concordo com vcs dois…

    só que…

    vcs não consideram essa suposta boa gestão suspeita não??? e essa venda do negueba 2 pro clube espanhol?????

    alias o mandatário do lixo da gávea foi funcionário do BNDES…o mesmo banco público que está envolvido em diversos escandâlos de corrupção…

    eu acho essa “boa fase” financeira deles é muuuitoooo muito suspeita….

  • Paulo Ypyranga

    E olha que no início do ano o Wendel não era sequer cotado para entrar no time. Não fosse a cagada do jogador aparecer do nada e se escalar através da qualidade estaríamos hoje jogando com um elenco ainda mais deficiente.

    Assistir o jogo hoje foi um desespero. O time, em determinado momento, chegou a ter menos de 30% de posse de bola. Foi literalmente amassado. Teve penalti incontestável, do Orejuela, não marcado. O adversário finalizou 3 vezes mais que o Fluminense. Em alguns lances o Lucas formou de beque central enquanto o Reginaldo ia dar combate na lateral. Como pode um time ficar 90 minutos sem ganhar uma segunda bola? Nem com dois volantes conseguimos encaixar a marcação.

    Terrível!

  • Danilo Jeolas

    Eu acho que ele está debochando, inclusive a entrada do Maranhão parece ter sido recado para a direção. “Olha, tive que colocar o cara odiado pela torcida e que não valeu nem 180 minutos de Engenhão”.

    Abel nunca foi burro e/ou cego em futebol. As atitudes estão bem estranhas.

    • Sergio Binda

      Acho que não. Ele cismou com Edinho. Anderson, Milton do O e que tais… Agora o novo xodó chama – se Maranhão.
      ST

  • Alexandre Magno Barreto Berwan

    Sétimo colocado no Brasileiro, com a mesma pontuação do sexto e dois pontos atrás do superelenco do Palmeiras.
    Se acertarmos o sistema defensivo poderemos ir longe.

  • Marcelo Teixeira

    Isso aí. Já tá reposto. Essa deve ser a filosofia. E trazendo uma promessa com passe fixado.

    Parabens aos envolvidos!

    St

  • Sergio Binda

    Me enganou também meu amigo!!

  • Ricardo Ferreira
    • Sergio Binda

      KKKK … Sem dúvida!! Como castigo o Abel deveria assistir isto uma tarde inteira…

      ST

    • José Alberto Bernardes

      Não merecemos ver isso Ricardo….Vc não tem Frankstein aí não?

      • LuizCarlos De Souza Junior

        Se vocês gostam de filme de horror, tem esse aqui:

        MARANHÃO – Meia Atacante // Melhores Momentos

        https://www.youtube.com/watch?v=G4gG3wyd8BE

        Melhores momentos
        Francinilson Santos Meirelles

  • Fernando Ventura Jr.

    Não pode ter nos enganado porque é titular da seleção do Equador. Tudo bem, que o Equador não é uma potência do futebol sulamericano, mas a LDU ganhou uma Libertadores e uma sulamericana justamente em cima de nós.

    O que pode acontecer é que o Orejuela com o Sonorza se complementam e sozinho e ainda considerando o desgaste do calendário brasileiro estão atrapalhando ele.

    Porque se for pensar desse jeito, o Scarpa nos enganou também.

  • Fernando Ventura Jr.

    Não é questão da direção ter acreditado nisso. A gestão Peter deixou um clube quebrado. Conseguimos nos livrar de alguns alto salários: Cícero, Oswaldo etc. mas não temos dinheiro em caixa para sair apostando. As bilheterias não ajudam, falta um patrocinador master, o fornecedor de uniformes só chega agora em julho(vamos torcer para que além dos uniformes ajudem com uma grana, já que se for depender do São Paulo a imagem deles vai para o ralo).

    PS: Se não nos deixarem usar Edson Passos por conta de um isqueiro o que deveria acontecer com o Vasco e São Januário?!

  • Marcelo Teixeira

    Acho que é calendario. Ele estava mal. Foi convocado. No primeiro jogo nao jogou. No segundo entrou so no segundo tempo. Ou seja, descansou. Voltou de la e jogou muito no Fla-Flu. Tambem foi bem na sulamericana. Tem jogafo praticamente todos os jogos e tambem eliminatorias. Tem jogadores se arrastando em campo. Elenco é curto. So pode ser isso.

    St

  • Leandro

    Acho que, por ora, as críticas ao Abel são totalmente absurdas.
    Também não entendo a insistência dele com o Maranhão, mas imagino que ele deva ter as suas razões. Mas temos de pensar que o Abel tem, de um lado, um elenco extremamente limitado em quantidade e qualidade; de outro, uma direção acomodada, que só sabe dizer não tem dinheiro para contratar e que parece conformada com pouco. Além disso, ele tem de manter o grupo motivado (mesmo sabendo que provavelmente não irá ganhar nada mais uma vez), administrar as vaidades, os descontentamentos, os deslumbramentos dos garotos etc.
    Agora se pensarmos no lado positivo, o cara teve coragem de trabalhar com muitos novatos e defende com muita garra o clube que amamos. Isso, pra mim, vale muito. Ele está lançando os jogadores jovens da forma mais correta possível (tentando evitar que se deslumbrem e se queimem) e isso não é qualquer um que sabe fazer. Léo, Wendel e Calazans se tornaram titulares com Abel e, provavelmente, serão vendidos pelo clube com lucro.
    Devemos lembrar que Robert foi muito mimado pelo Flu.Talvez, por isso, ele não tenha amadurecido para o futebol profissional, embora tenha muito talento.
    Fora isso, é esperar por um milagre que nos dê algum título este ano, o que, aliás, é o que espero a cada jogo, sofrendo como sempre.
    Abel ainda tem muito crédito.
    ST

    • Marcelo Teixeira

      Leandro, temos sido muito gratos ao Abel. Evidente que tem que ficar. Mas não podemos bater palmas pra tudo que ele faz. Quer um exemplo? Voce citou o Calazans. A torcida pede ele há meses. E ele insistia em contrariar a torcida. Parecia birra. Então ele erra e tambem merece ser criticado e cobrado. E se o Calazans esta aí hoje, é graças a toda pressao da torcida.

      St

    • Raul Fernandes

      Leandro:

      Ninguém aqui é contra o Abel.

      Mas alguém soprou errado sobre o Maranhão.
      Aliás, indicação do Levir Culpi, aquele caráter duvidosíssimo q passou pelas Laranjeiras.

  • Sergio Binda

    Com a cabeça um pouco mais fria, entendo que nossa linha defensiva se portou bem. Nossos problemas começaram no meio de campo. Nosso meio era formado por Orejuela e Marlon Freitas. O que esperar de uma formação destas? Calasans, Wellington Silva, Scarpa e Dourado estavam de atacantes. Aí eu pergunto ao professor… quem arma esta equipe?

    Não conhecia o Marlon Freitas, mas pelo menos é mais combativo do que os demais volantes que temos. Não é e nem será craque, mas é um bom jogador para ter no elenco. Se ele estava na casa, por que contrataram o Pierre em 2015?

    ST

    • Gilberto Cabral

      Isso. Após a contusão do Sornoza ninguém arma neste time.Temos um vácuo no meio, fica defesa, Orejuela (sempre sobrecarregado) e ataque. o Abel poderia assistir uns jogos em casa, como não é cego e nem é burro, acho que poderia rever o posicionamento do time.

      • Claudio

        concordo Gllberto…

        O posicionamento podia ser melhor.

        Só não sei se é causa ou consequência de um cansaço geral.

        mas é fato que o time pouco se mexe em conjunto, de forma compactada.

        no futebol moderno quem recebe a bola já correu antes para se desmarcar, e a responsabilidade pelo passe é pelo menos 50% de quem está em volta, sem a bola. Cabe ao cara do lado de quem recebeu se desmarcar e pedir a bola, evitando dribles arriscados e 1 jogador correndo sozinho enquanto o resto do time assiste parado.

        assim a gente fica achando que futebol é jogado em departamentos, setores segregados, com lateral sozinho no canto, volante carregando sozinho, e o time espalhado em uns 80 x 60 metros de gramado.

  • Sergio Binda

    100% de acordo. Se me permite … assino em baixo!

    ST

  • Flavio Henrique

    De fato.
    Esperava mais participação do Marcelo e do Torres nesta “blindagem” do elenco com a imprensa.

    Somente o Abel dá as caras.

    • Leandro

      Exato.

  • Guilherme K.

    Prezados,

    Acho a premissa de que “tem que vender para pagar contas” afrontosa, por um único motivo: ‘venderam’ durante a campanha a ideia de que as contas estavam saneadas.

    Mas, admitindo que a(s) tal(is) venda(s) terá(ão) que ocorrer, não podemos, em hipótese alguma, ter uma perda significativa de competitividade, pois nosso elenco já é enxuto.

    Assim, considero inegociáveis, nesse momento, Wendel, Scarpa e Calazans. A única ressalva seria uma proposta irrecusável de um gigante(!) europeu.

    Wendel dispensa comentários.

    Scarpa tem errado demais mas não se omite; e isso vale muito. Tem personalidade também.

    E Calazans tem tudo para estourar (como o Wendel). Corre demais, incomoda o adversário sem fazer faltas (diferentemente do Richarlison) e, quando erra, acho que erra tentando a jogada certa.

    Dito isso, o jogo de ontem foi triste. A semana inteira para descansar/treinar, e o time volta mais lento e sem organização. Inexplicável.

    Saudações.

    • Nildo Arantes

      Scarpa se esconde no jogo. Ontem se o locutor falou o nome dele 6x foi muito. Lento, não arma, desarma e não ganha nenhuma dividida. Conclusão, jogamos com 10 com ele em campo.

      • Guilherme K.

        Respeito, mas discordo.

        É um dos nossos jogadores mais efetivos, com mais passes para gols, passes para jogadas que geraram pênalti, e passes para chances reais de gol.

        Ontem mesmo, numa só jogada, ele serviu o Dourado (que deveria ter dominado e chutada) e o Wellington (cujo chute foi na trave, a despeito da marcação de um impedimento inexistente).

        Saudações.

        • Leandro

          Quero (muito) queimar a língua, mas infelizmente, acho que Scarpa enganou a todos. Ele é lento, não arma o jogo, não ajuda na marcação, não sabe cabecear, não ganha uma bola dividida e não tem tem drible. Para piorar, alguém o convenceu que ele sabe bater na bola, daí ele bate todas as faltas e escanteios, mas, quase sempre, muito mal. Acho que quando ele acerta, é mais em razão da quantidade de vezes que tenta, do que pelo talento.
          Porém, quero muito que minha avaliação esteja errada

          ST

        • Sérgio Leal

          Exatamente, apesar de parecer estar mal, volta de contusão e ainda tem que se adaptar a uma posição em que não está acostumado. Eu voltaria ele pra direita e deixava o Calazans no meio, é mais ágil…

  • Marlon Tavares

    Lucas fernandes entrou várias vezes e não atuou bem, não que o maranhão seja melhor. O elenco é fraco, muito garoto promissor mas muito imaturo.

    • Nildo Arantes

      Ele entrou com pouco tempo em alguns jogos e com certeza foi bem melhor que Maranhão.

  • Jorge Coutinho

    Preocupante esta mentalidade de anos 80/90…
    Pogba, zidane, Oscar, james, bale, thuram, Ferdinand, Nedved, Buffon…
    Todos esses não são atacantes e figuram entre as 20 negociações mais cara da história do futebol.

    Post eh mais uma dose homeopática para dizer q negociaremos jogadores.. e pra não reclamar dos valores dos negociados.

  • Rafael Pottes

    Até entendo a ideia de se jogar no contra-ataque, fizemos isso c maestria em alguns jogos no início do ano….
    Então, com 1×0, pq não botou o MJ de centroavante, o Norton p reforçar o meio e o LF ou o MA pra correria (qq um menos o Maranhão)
    Abel engessou o esquema
    Pqp

  • Felipe Stevans

    Pois é… Por causa de pensamentos como estes que vieram Drubskys, Cristovãos, Endersons… O cara é ruim né? Então põe qq cara lá ganhando menos que dá no mesmo… Aí o Abel sai, o Flamengo pega ele, ganha a Libertadores e a gente fica chupando dedo tentando escapar do rebaixamento… Cara, o Abel tá fazendo milagre com o que ele tem. Não encergar isso é não enxergar o óbvio!

    • Sergio Binda

      Acho que o Paulo não está propondo a saída do Abel e sim um maior envolvimento deste com o trabalho, já que sua remuneração é bastante alta.

      ST

      • Gabriel Ferreira Sartório

        Eu não vejo falta de envolvimento do Abel, nem to dizendo que o nobre colega tenha dito isso. Não existe nenhum time do Brasil promovendo tantos atletas da base, não dessa maneira. Abel tá comprando o barulho, não dá pra ser imediatista. Infelizmente as contas do clube não estão sanadas, a única forma do clube se levantar é investindo na base, não vejo outra forma. O trabalho está em seu início, nunca fizemos essa transição de jovens, vivemos agora a nossa primeira experiência. Acredito que vamos ter mais condições em um ou dois anos.

    • Paulo Cavalheiro – Santos – SP

      Bom se você está “jostando” das atuações do time do Abel, questão de gosto. Os dois últimos jogos foram para deixar Nélson Rodrigues infartado no seu túmulo.

      Estou criticando o trabalho dele, fato, em momento algum pedi sua saída. E também o trabalho da “direção técnica”, que aparentemente se esconde atrás da figura do Abel.

      Trabalhando muito pouco e falando demais, um técnico de futebol, tem que treinar a equipe e falar menos.

      Somente não aceito a Instituição FFC se submeter aos caprichos do Abel e ver por exemplo o seu comentário, colocando o Abel no Olimpo.

      Parece que não existe Vida sem o Abel., mas o FFC é eterno !!

      • Felipe Stevans

        “Trabalhando muito pouco e falando demais”—> Cara, o Fluminense eliminou 30 jogadores e contratou 1, tem um rendimento muito superior ao time do ano passado e não faz melhor porque não tem elenco. Eu fico realmente imaginando se você pensa que qualquer um que entrar no posto de técnico faria a mesma coisa ou melhor…
        O Abel bota a cara simplesmente porque não temos jogadores de peso com bagagem pra representar o grupo. Simples assim. Não temos hoje um Jefferson, um Diego, um Fred ou até um Nenê… Deram na mão do Abel um time cheio de moleques que podem falar qualquer besteira a qualquer momento (vide o Richarlisson). O que o Abel faz pelo grupo é louvável sim. E não tô achando que o cara é perfeito não. Acho que ele mexe muito mal algumas vezes (veja como ele insiste no Marquinhos e agora no Maranhão). Mas no compto geral ele, de fato, tá tirando leite de pedra.

        Só mais uma observação: sobre o Flamengo na Libertadores, eu quis dizer que se ele assume lá, ele põe o time na Libertadores e ganha ela no ano que vem… Não tá dificil de levar esse elenco pra ganhar a libertadores não. Neste ano faltou justamente um técnico.

    • Nildo Arantes

      Antes de falar das apostas dos Técnicos do Mario/Peter lembre-se que Flamengo, Botafogo e mais algum outro Clube trouxeram treinadores jovens e que sabem ler o futebol.

  • Nildo Arantes

    Scarpa após a contusão não acerta nada, escanteio falta, não arma e muito menos desarma. Improdutivo.

  • Rafael tricolor

    Time completamente dominado pelo Bahia durante os 90 minutos. Só fizemos o gol e mais nada. Jogamos como time pequeno, acuado, desorganizado, desentrosado e correndo atrás do time baiano que deteve a bola durante todo o jogo.

    Reflexo direto e cristalino de uma administração que, desde o início, “se conformou” em apenas permanecer na 1 divisão, abandonando o protagonismo que o Flu deve ter nos campeonatos principais. Esse papinho de que “todo clube vende jogador” é verdadeiro até a página 2. Funciona quando o clube tem um elenco equilibrado e com opções, não é o nosso caso. Se venderem o Wendel, Richarlison, Scarpa e outros jogadores do núcleo principal, passaremos sufoco no brasileirão.

    Já estamos em Julho e continuamos entrando com “Socio torcedor” na camisa. Muito se falou da UNIMED e sua interferência na escalação do time. No entanto, é inegável que foi a época mais vitoriosa do clube, com vários bons jogadores chegando e vários títulos sendo conquistados. Transformar o Flu, que tem um elenco na conta do chá, num mero vendedor de talentos é apequenar o tamanho da história do clube. Se conformar em entrar nos campeonatos apostando unica e exclusivamente em garotos da base é temeroso e contar demais com a sorte. A mescla de experiência e juventude sempre se mostrou frutífera e conquistadora de taças.

    Já são 3 empates seguidos nos últimos 3 jogos (3 pontos em 9 disputados) e estamos em 7 lugar. Como a vitória vale 3 pontos, é sempre fundamental vencer os jogos, principalmente os em casa. Imperdoável o empate diante da Chapecoense, tomando gol até de lateral. São esses moles que fazem a diferença entre ir ou não a uma Libertadores no final do campeonato. O cobertor fica cada vez mais curto…

  • Alexandre Magno Barreto Berwan

    Prefiro acreditar que é muito pessimismo seu: se alguém lhe dissesse que outro clube começaria o campeonato com x pontos a mais, você não ficaria indignado?
    Nós é que estamos com pontos a mais do que a maioria dos outros clubes (e menos rodadas para disputar do que no início do campeonato). Por que eu deveria achar que dará errado?
    Só se eu fosse botafoguense…

  • Alexandre Magno Barreto Berwan

    É o que eu acho, Eduardo!

  • Marlon Tavares
  • gilson junior

    ERRADO FLU SÓCIO

    temos que ter sim, um time promissor, pois este atrai a torcida, atrai patrocinadores, atrai DINHEIRO, que paga os salários…

    Esse discurso é de uma pequenez absurda

    Parece que estamos falando de um time de pequeno investimento e não DO FLUMINENSE, UM DOS GIGANTES DO FUTEBOL BRASILEIRO.

    O Fla com Bandeira, adotou também uma politica de austeridade financeira na época que assumiu, mas CONQUISTOU TÍTULOS, REFORÇOU A EQUIPE…

    Time grande não pode se limitar a revelar jogadores e sim , lutar pelos TÍTULOS

    quem não sabia que com esse elenco curto e cheio de jovens não iriamos muito longe?

    Campeonato carioca não é parametro pra nada e mesmo assim perdemos porque faltou experiencia. Erro de Arbitragem acontecem a toda hora e não é desculpa

    Os garotos estão sentindo esse peso…normal, pois não dá pra jogar nas costas deles a responsabilidade de levar o Flu aos titulos…

    Até acredito que essa diretoria esteja trabalhando de forma certa, sendo transparente, mas clçube grande precisa ter SOLUÇÕES e não lamentar problemas….

    e Abel está começando a perder a paciencia…isso é perigosíssimo

  • Augusto Guimaraens Cavalcanti

    Parabéns aos envolvidos, durante muito tempo tudo o que iremos comemorar é o lançamento de 1 camisa bonita! Afinal, para quê pensar em brigar por títulos???